Este vídeo emocionante fará você pensar antes de dar de presente um pet

dar de presente um animal de estimação

Muitos pais costumam dar de presente um animal de estimação a seus filhos. Entretanto, este ato de amor pode ser uma má decisão. Às vezes, as crianças pensam que se trata de um brinquedo que podem deixar de lado quando se cansam dele. Por isso, foi lançado um vídeo que fará você refletir antes que o presente de aniversário seja um cão ou um gato.

Não são um brinquedo, pense antes de dar de presente um animal de estimação

adotar-filhotes

Esse é o slogan escolhido pela Fundação Affinity para criar consciência nas pessoas sobre a posse responsável de animais de estimação e, sobretudo, evitar o abandono dos animais. Por exemplo, entre os principais pedidos de Natal, muitas crianças querem ganhar um cãozinho ou um gatinho.

Embora adotar um animal de estimação (sobretudo se se trata de um animal de rua) seja uma excelente decisão, o problema reside no fato de que “dar de presente” de Natal ou de aniversário os faz parecer um brinquedo. E o que acontece com os brinquedos? São descartados quando se cansam dele ou se tornam um peso.

Muitas pessoas se esquecem das obrigações que ter um animal de estimação em casa implica. Mas como “não são um brinquedo”, requerem comida, cuidados, abrigo, remédios… Assim como um ser humano, um cão ou um gato têm emoções, necessidades e desejos.

Dar de presente animais de estimação merece ser bem pensado antes

“Os animais de estimação são muito mais que brinquedos: são amigos que nos cuidam, companheiros que nos fazem rir e confidentes que sempre estão ao nosso lado. Tratemos os cães e os gatos como eles merecem, com amor e respeito. Essas são as palavras escritas no portal da Fundação Affinity. De origem espanhola, a Fundação lançou um vídeo que recria os problemas e situações típicas que devem ser enfrentadas pelas pessoas que não cumprem com uma posse responsável.

Isabel Buil, diretora da Fundação, afirmou, em uma entrevista a um jornal: “queríamos contar uma história à qual as pessoas pudessem se conectar, que fosse emotiva e levasse à reflexão, sobretudo daqueles que estão pensando em dar de presente um cão ou um gato de Natal ou aniversário. Conviver com um animal de estimação é uma decisão muito importante e implica em muitas responsabilidades”.

Os que desejam adotar um animal devem pensar muito bem, avaliar se contam com os meios necessários para mantê-lo e levar em conta que é um compromisso diário por pelo menos 10 anos. Não é bom vincular um animal de estimação com uma época de presentes, como são as festas de fim de ano ou aniversários. O melhor é dar outro tipo de presente no Natal e no aniversário, deixar o impulso de lado e analisar bem alguns meses depois.

Deixamos aqui o vídeo para que vocês possam ver e refletir a respeito deste assunto:

E lembre-se de que um cão ou um gato não são apenas um brinquedo. Não os trate, use ou abandone como se fossem objetos. Busquemos ter festas mais responsáveis!

Dar de presente um animal de estimação: o que levar em conta

presentes-de-natal-para-gatos

Se depois de ver o vídeo você começou a pensar se realmente é uma boa decisão dar de presente um animal de estimação, então lhe ajudaremos a analisar vários aspectos:

  1. Objetivo: Para que ter um animal de companhia? Se seu filho estiver muito sozinho, se quiser afeto incondicional, se quer alguém que ajude você a praticar esportes ou que ensine certos valores por mais de uma década, então pode adotar um.
  2. Cuidados: Posso cumprir com suas necessidades básicas de alimentação, saúde e abrigo? Trata-se de um compromisso constante que não podemos esquecer nem um só dia. Os animais de estimação dependem de nós e são os donos que asseguram seu bem-estar.
  3. Dedicação: Quanto tempo poderei estar a seu lado? Se trabalharmos todo o dia fora de casa, não é boa ideia ter um animal de estimação, já que eles sofrem muito com a solidão. Os cães precisam sair para caminhar diariamente e, quando são filhotes, brincam pelo menos uma hora por dia.
  4. Responsabilidade: Você poderá ser responsável por um animal de estimação por vários anos? Muitas vezes, não nos damos conta de que adotar um animal é um grande compromisso que não termina em poucas semanas. Um animal de estimação pode viver até mais de quinze anos. Você aceita esta enorme responsabilidade?