Cão de água, conheça as principais raças

· novembro 5, 2017

Os chamados cães de água são um grupo de raças caracterizadas por seu tamanho médio e por seu pelo lanoso, encaracolado. Eles tendem a ser usados para recuperar aves em áreas marinhas e pantanosas. Você quer saber mais sobre eles? No artigo a seguir iremos contar tudo.

Raças de cães de água

É possível identificá-los sem problemas, pois se parecem com ovelhas por causa de seu pelo lanoso. Adoram água e são de porte médio. São excelentes ajudantes no campo, também podem ser animais de estimação em casas com jardim ou espaços ao ar livre. Estas são as raças de cães de água:

Cães brancos da raça Barbet

  1. Barbet

É de origem francesa, e pode chegar a ter 65 cm e a pesar 28 kg (machos). É o protótipo do cão de água por excelência, devido a seu pelo longo, lanoso e encaracolado. As cores dos pelos podem ser preta, cinza, marrom, castanho e castanho claro.

Em termos de seu temperamento, o Barbet é alegre, inteligente, obediente e perfeito como animal de companhia. Além disso, aprende muito rápido e é obediente. Se dá bem com crianças e idosos. É usado como coletor em áreas pantanosas.

  1. Cão de água americano

Seu nome original é Spaniel de água americano, é de origem americana e geralmente não é bem conhecido fora da América do Norte. Os primeiros exemplares datam de meados do século 19 e não se sabe muito bem sobre os seus antepassados, mas surgiu nos Rios Wolf e Fox, em Wisconsin. Era usado para recuperar os patos caçados nas canoas.

O temperamento do Spaniel de água americano é semelhante ao dos Spaniels: ativo, inteligente, afável e sempre procurando agradar. Pode ser um pouco destrutivo se ficar entediado. Protege seu dono em qualquer situação e é perfeito como cão de companhia.

  1. Poodle

O Poodle é uma raça que surgiu no século 15 para aristocratas e nobres e, em seguida, tornou-se um cão de água desde a Renascença, para recuperar os patos e os cisnes de lagos e rios. Existem quatro tipos: grande, médio, anão e toy. Todos têm pelo lanoso, o que requer muita escovação para evitar que embarace.

O Poodle é um cão feliz, muito ativo, brincalhão e difícil de distrair. Metódico, cheio de energia, excelente com crianças, mas precisa de ser treinado e socializado para não destruir móveis ou outros objetos da casa.

  1. Cão de água espanhol

Sua origem é a Andaluzia e, embora tenha sido usado inicialmente como um cão pastor, também serviu como um ajudante em barcos e caça. Acredita-se que os ancestrais do cão de água espanhol vieram com os árabes que chegaram à Península Ibérica no ano 711. Pode ser preto, bege, marrom ou de pelagem branca. Ele é atlético e tem as orelhas caídas.

Em termos de temperamento, suas características são: fiel, alegre, obediente, corajoso, trabalhador e equilibrado. Tem instinto natural para a caça e é um excelente guardião. Ele adora brincar e ama a água.

  1. Cão de água frison

É de origem holandesa e seu nome original é Wetterhoun, derivado de Wetterhun, “cães de água”. Seu porte é médio, pode medir até 59 cm e pesar 35 kg (machos adultos). Tem um revestimento de pelos grossos, encaracolados (menos nas pernas, nas orelhas e na cabeça) branco com manchas pretas ou marrons.

Cão de água frison preto e branco

Fonte: Pleple2000

  1. Cão de água irlandês

O cão de água irlandês é uma das raças mais antigas entre os Spaniel. A linhagem atual foi desenvolvida na Irlanda em 1830. É um cão muito ativo e é muito escolhido para ambientes que exigem o trabalho de um Retriever ou de um cão coletor. É um aprendiz rápido, um animal muito inteligente, sempre alerta e pode fazer gestos engraçados com o focinho; é por isso que ele é conhecido como “palhaço”. O cão de água irlandês se dá bem com outros cães e, também, com crianças. Possui uma cauda encaracolada e o seu manto de pelos é marrom escuro avermelhado.

Outras raças de cães de água são: Cão de água português, Lagotto romagmolo (Itália), cão de água de Moscou (Rússia) e cão de água Cantábrico (do norte da Espanha).

Fonte das imagens: Elaine Fichter e Pleple2000.