Como um cão salvou a vida de seu dono obeso

Sete anos atrás, Eric O’Grey tinha recebido um ultimato do médico dele. E, se ele não mudasse algumas questões fundamentais da sua vida, o melhor que lhe podia acontecer era comprar um caixão. O homem, de meia-idade, pesava 154 quilos e sofria diversas doenças relacionados ao sobrepeso. Mas tudo mudou quando decidiu adotar Peety. Neste artigo, contaremos como um cão salvou a vida dele.

Uma história de resgate mútuo

Essa história real foi registrada em um vídeo filmado pela organização Resgate Mútuo, com o objetivo de demonstrar que, quando animais são adotados, as vidas das pessoas também podem se transformar. E com o título Eric e Peety, é contada a história de como um homem e um cão se ajudaram um ao outro.

Em 2010, advertiram O’Grey que, se ele não tomasse medidas para reverter o quadro clínico de obesidade, restavam-lhe no máximo 5 anos de vida. O homem sofria de:

  • Diabetes Tipo II
  • Colesterol alto
  • Hipertensão

Além disso, ele gastava uma fortuna em remédios que pouco e nada faziam para melhorar o delicado estado de saúde dele.

Contamos com um cão salvou a vida do dono dele com obesidade. E vice-versa. Essa é uma história de resgate mútuo.

O encontro de Eric e Peety

A gota d’água foi quando Eric, que trabalhava na área de vendas de uma empresa em São Francisco (EUA) se sentiu humilhado, quando um homem reclamou que ia perder o voo por culpa dele. E O’Grey estava tão gordo que a comissária de bordo não encontrava um cinto de segurança do seu tamanho.

Nesse momento, decidiu que tinha que agir para mudar as coisas. Então, ficou aos cuidados de uma nutricionista, que, além de dar-lhe conselhos adequados para uma alimentação saudável, lhe recomendou que adotasse um cão. A ideia era que o animal de estimação o incentivasse, entre outras coisas, a sair para caminhar diariamente.

Assim foi que Eric se aproximou da Humane Society Sillicon Valley. E pediu aos responsáveis do abrigo “um cão obeso de meia-idade”. Sem dúvida, queria um animal de estimação que tivesse algo em comum com ele. E, dessa forma, apareceu Peety.

Peety, um cão que sofria com diversos problemas

O animal tinha também seus inconvenientes de saúde:

  • 12 kg de sobrepeso
  • Atrite
  • Alergias na pele

Mas também carregava uma grande tristeza, fruto da indiferença com que o tinha tratado seu último dono, que acabou abandonando-o.

As primeiras horas juntos para Peety e Eric foram estranhas. Mas em pouco tempo se tornaram amigos inseparáveis, à medida em que a vida de ambos mudava para melhor.

Assim, o cão salvou a vida de seu dono (e vice-versa)

Fonte: mutualrescue.org

O homem e seu animal de estimação começaram a caminhar meia hora todos os dias e a se alimentar de forma adequada. Um ano mais tarde, Peety tinha perdido 11 quilos e Eric, 64 quilos. Mas, além disso, o diabetes tinha desaparecido e já não foi necessário que ele se entupisse de medicamentos.

Embora talvez o mais importante seja que tanto o humano quanto o cão puderam sair do imobilismo. E que se transformaram em seres mais felizes. O cão recuperou o orgulho perdido e o homem aprendeu o que é a lealdade e que alguém gosta de você sem se importar com seu aspecto físico ou seus defeitos. Dessa forma, Erica conta que encontrou a motivação para ser uma pessoa melhor.

Se você quer conhecer mais detalhes sobre a história desses sobreviventes que conseguiram salvar um ao outro, deixamos este vídeo.

Jake, o novo amigo de Eric

Mas, como nada dura para sempre, depois de alguns anos de felicidade, a velhice e uma doença acabaram com a vida de seu cão.

Nessa hora, Eric, que tinha prometido começar um treinamento para correr maratonas, se sentiu devastado. No entanto, todas as experiências vividas junto com Peety não tinham sido em vão.

Foi então que ele se dirigiu a uma sociedade defensora dos animais de Seattle, onde mora atualmente, e adotou Jake, que acabara de entrar no abrigo para animais.

Junto com o seu novo amigo, O’Grey corre diariamente para se manter em forma e poder participar assim de diferentes maratonas. Além disso, se reencontrou com sua namorada do Ensino Médio e acaba de se casar com ela. Sem dúvida, a vida de Eric passou por uma transformação incrível. E Peety teve muito a ver com isso. O cão salvou a vida dele. E esse ser humano sabe muito bem disso, não deixando de agradecê-lo por ter salvo sua vida.

Fonte das fotos: mutualrescue.org

Recomendados para você