Como ajudar os animais no Brasil?

No Brasil, existem diversas fundações, organizações e associações para ajudar os animais, nas quais o respeito por esses seres, o amor e o carinho que sentimos por eles são os fatores que impulsionam na luta diária por aqueles que sofrem devido ao comportamento desumano com que algumas pessoas recompensam a sua fidelidade.

Um lar adequado para ajudar os animais

caes

Autor: Vicki Warwick

É importante encontrar um lar adequado onde esses animais recebam amor, amizade e lealdade. Devemos colaborar também no controle de populações de cães e gatos sem donos, levando em consideração que, ao agirmos assim, estaremos prestando um serviço à sociedade, que será beneficiada tanto no que tange à questão da saúde, quanto da solidariedade e segurança.

São inúmeras as opções no Brasil. Tornar-se sócio de um centro de proteção animal, apadrinhar, adotar um cão ou um gato, denunciar os maus-tratos, contribuir para respeitar os animais, evitar filhotes não previstos ou não desejados, etc.

Como ajudar os animais

A seguir iremos dizer algumas formas para ajudar os animais necessitados.

Associar-se a uma entidade protetora de animais

Tornar-se sócio de uma associação protetora de animais. Esse tipo de organização, que conta com abrigo, tem que alimentar os animais são recolhidos, além disso, precisam oferecer a atenção sanitária necessária. Ademais, tem que arcar com os custos da manutenção de suas instalações.

As opções de ajuda através de uma entidade protetora de animais são: colaborar com campanhas para fomentar a adoção, apoiar as iniciativas legais, participar e divulgar as conferências, palestras e todo o tipo de ajuda nas instalações do centro de acolhimento.

Os sócios constituem uma parte fundamental para a manutenção dessas associações. Por isso, a iniciativa de se associar e contribuir adequadamente para defender os animais é uma ação muito importante, que ajuda a salvar esses animais desamparados.

A primeira ação que você deve tomar é escolher uma associação que corresponda com alguns requisitos que estejam de acordo com o que você apoia. As contribuições e auxílios (que costumam fazer parte também do envio da sua publicação) variam de acordo com cada associação.

Apadrinhamento de animais

O apadrinhamento consiste em contribuir com uma quantidade de dinheiro determinada. Dessa forma, os padrinhos ajudam na manutenção dos animais recolhidos no abrigo de uma maneira mais personalizada. Algumas associações possuem um protocolo no qual há o envio de uma foto com uma breve história do animal para os seus padrinhos.

Adoção de animais

A adoção, além de possuir um propósito solidário, é necessária. Os abrigos brasileiros se encontram saturados de animais abandonados.

Adotar um cão ou um gato de maneira responsável é uma forma de oferecer um lar para animais necessitados que respondem oferecendo todo o seu carinho e entrega a quem o adota. Alguns dados sobre a adoção na Espanha atestam que aproximadamente a metade dos cães que se encontram em abrigos e centros municipais acabam sendo adotados.

Evitar filhotes não desejados

Todos os anos, os abrigos recebem uma grande quantidade de cães e gatos que já chegam com filhotes indesejados. Outra causa são as mudanças e trocas de domicílio, outras vezes, devido a motivos econômicos. Uma boa solução caso não seja possível controlar as crias indesejadas é esterilizar o animal.

Denunciar os maus-tratos

A denúncia dos maus-tratos é também uma ação importante, de caráter social e no que diz respeito aos animais. O Serviço de Proteção da Natureza registrou mais de 10 mil denúncias de maus-tratos e violência contra os animais apenas na Espanha, elas incluíam pancadas, abandonos, falta de atenção e alimentação, torturas, etc.

Esse compromisso dos cidadãos para denunciar e levar para o conhecimento das autoridades competentes os casos de maus-tratos contra animais é uma ação solidária fundamental contra esse tipo de ilegalidade.

Outra opção é a denúncia de vídeos de maus-tratos contra os animais na Internet. As denúncias podem ser feitas através do Serviço de Proteção à Natureza e associações de defesa dos animais, que costumam contar com assessoria jurídica.

Associações para ajudar os animais

ajudar abrigos

Não se esqueça que cada associação de proteção aos animais possui a sua própria política para selecionar os voluntários para ajudar nos seus trabalhos diários. Todos aqueles que tiverem interesse em colaborar com uma associação de proteção aos animais deve contatar alguma delas através do telefone ou e-mail.

As associações armazenam os dados da pessoa que quer prestar serviços como voluntário. O nome da pessoa permanece em uma lista para que a instituição entre em contato com quando estiver precisando de ajuda.