Parma proíbe a pirotecnia para proteger os animais

Proibição da pirotecnia

Um dos problemas mais terríveis que os animais enfrentam é quando chegam algumas festividades, já que nelas costuma-se fazer o uso de fogos artificiais, os quais representam uma autêntica catástrofe para eles.

Diante deste fato, uma cidade tomou uma medida que surpreendeu os próprios moradores e as pessoas de fora, a qual vamos conhecer a seguir.

Parma, o lugar em que as explosões não ressoam

Isto é o que ocorreu na localidade italiana de Parma, onde no passado mês de dezembro foi emitido um decreto em que se proibia terminantemente o uso de fogos de artifício convencionais, devido ao dano que estes causam aos animais.

Ainda que este fato tenha ocasionado uma forte polêmica pelo uso excessivo deste produto, sobretudo no Natal e no Ano Novo, pela primeira vez na história, tanto os humanos como seus animais de estimação conseguiram passar um bom momento, já que as autoridades optaram por permitir o uso de fogos artificiais que não gerassem barulho.

Cachorro no colo da dona

Mesmo que pareça uma situação digna de ficção científica, o certo é que os habitantes desta localidade desfrutaram de suas festas e da colorida algazarra do céu sem os incômodos barulhos que as explosões geram, o que ofereceu um momento diferente no qual puderam ter seus animais por perto, sem a necessidade de prendê-los ou colocar proteção em seus ouvidos.

Vale destacar que apesar desta ser uma medida muito engenhosa para o bem-estar dos animais, outras cidades italianas estudaram proibir os fogos artificiais, devido aos níveis de contaminação e fumaça que se apresentou nos últimos anos.

Consequências dos fogos artificiais para os animais

O grandioso desta notícia está no fato de que ao longo dos anos o uso da pirotecnia foi um problema muito grave para nossos animais de estimação, já que por eles terem uma capacidade auditiva muito maior que a nossa, a explosão de um fogo de artifício é algo que não só aterroriza, mas que também pode lhes causar muitos danos.

A situação é muito delicada, já que além de todas as lesões que podem ocorrer se seu animalzinho estiver perto de algum destes produtos pirotécnicos quando explodem, existe o fato de que as bombas explosivas sobrepassam aos 85 decibéis que podem suportar o ouvido de seres como os cães, podendo chegar nada mais e nada menos que até os 120.

Se você não sabe, estas são algumas das coisas que a pirotecnia pode gerar nos animais de estimação:

  • Taquicardia;
  • Atordoamento;
  • Tremores;
  • Estresse;
  • Ansiedade;
  • Falta de ar;
  • Problemas cardíacos;
  • Náuseas.

Como cuidar de seus animais durante as explosões dos fogos de artifício

Mesmo que esta cidade italiana tenha conseguido, como poucas, inovar em sua proteção ao animal depois de proibir o uso de fogos de artifício convencionais, o certo é que se trata de uma ação que ainda não conseguiu ser executada em muitas outras partes do mundo, nas quais os animais de estimação continuam vendo as datas festivas quase como uma tortura.

Cão medroso

Se no lugar onde você mora ainda se segue fazendo o uso da pirotecnia comum, aqui vamos deixar alguns conselhos para cuidar adequadamente do seu animal durante estes momentos.

  • Em primeiro lugar, você deve saber quando há uma festividade na qual vai ser feito uso de fogos de artifício, já que desta forma você vai poder tomar todas as medidas necessárias com antecipação.
  • Escolha um cômodo de sua casa no qual tenha menos barulho e arrume-o para seu animal de estimação: para isso é necessário que seja fechado e que seja o mais acolhedor para o animalzinho, pois desta maneira ele poderá ficar tranquilo e inclusive poderá descansar sossegadamente.
  • Trate-o com normalidade e evite tomar qualquer atitude diferente da habitual, caso contrário alguns animais como os cães sentem que algo ruim está acontecendo, o que pode intensificar o medo.

Se você não pode contar com os fogos de artifício silenciosos, estes conselhos vão ser úteis para cuidar do seu animal durante algumas festividades.