Posso brincar com meu cachorro no parque durante a quarentena?

maio 20, 2020
São muitas as dúvidas que temos em relação à pandemia causada pelo coronavírus. Uma delas é se podemos brincar com nosso cachorro no parque. Aqui vamos falar um pouco mais sobre isso.

Muitas pessoas se perguntam se podem brincar com o cachorro no parque durante a quarentena. Existem diversas opiniões sobre esse tema, pois nem todo mundo sabe ao certo quais são as restrições relativas a levar animais de estimação para passear na atual situação. Nesse espaço, vamos tentar trazer algumas respostas.

Além das recomendações dos governos e da Organização Mundial da Saúde sobre esse assunto, é muito importante que cada cidadão tenha consciência e assuma sua responsabilidade.

Embora algumas localidades tenham afrouxado a quarentena e reaberto o comércio, por exemplo, a maioria dos parques permanece fechada por enquanto, o que nos indica de certa maneira que uma redução nas restrições não significa total liberdade.

Levar o cachorro ao parque durante a quarentena: é permitido?

Levar o cachorro ao parque durante a quarentena ainda é permitido de maneira muito pontual, ou seja, apenas por alguns minutos e para que o animal possa fazer suas necessidades.

Em uma situação normal, ir a um parque para se distrair e levar o cachorro para passear não era um grande problema, hoje em dia é uma atividade muito mais restrita.

De fato, ainda é permitido levar os cães para passear e para eles se façam suas necessidades. No entanto, a recomendação das autoridades e dos profissionais de saúde é que essa atividade seja realizada nas proximidades da casa e que o passeio dure um curto período de tempo.

De acordo com essas orientações, não é permitido ficar brincando durante horas em um parque com os animais de estimação. Entre outros motivos, porque isso aumentaria a possibilidade de contágio, pois ficaríamos expostos a cruzar o caminho com outras pessoas.

Evidentemente, o verdadeiro problema não são os animais de estimação, pois até o momento não existem provas de que eles possam contrair ou transmitir o coronavírus.

Cachorro de máscara

O problema reside em sair na rua, pois envolve a possibilidade de exposição ao contágio, seja por encontrar outras pessoas ou tocar em superfícies que possam estar contaminadas. É por isso que é importante seguir todas as medidas de segurança.

Medidas de segurança para passear com os cachorros na quarentena

É importante que qualquer pessoa que tenha um animal de estimação, especificamente um cachorro, cumpra os protocolos de segurança estabelecidos pelas autoridades.

O objetivo final dessas medidas é impedir a propagação do coronavírus e, assim, aos poucos, conseguir voltar à normalidade. Nesse sentido, um dos aspectos mais importantes no momento de levar o cachorro para passear é sair sozinho. Ou seja, não se deve sair em grupo.

Como podemos perceber, o motivo para sair com o cachorro não deve ser brincar em um parque, e sim permitir que o animal possa fazer suas necessidades. Portanto, esses passeios não devem ter uma duração muito longa.

O segredo está na higiene

Também é essencial continuar seguindo rígidas medidas de higienização. Observando outros países que realizaram a quarentena de maneira consistente, é possível perceber que essa medida funciona, pois os casos e as mortes diminuem gradualmente a cada dia. Por isso, não devemos relaxar.

É recomendável sair de máscara, usar luvas descartáveis e, quando chegar em casa, lavar muito bem as mãos e colocar para lavar as roupas usadas no passeio. Também é aconselhável lavar as patas do animal ao chegar em casa para eliminar o risco de contaminação do vírus.

Junto com essas medidas, que constituem as recomendações e exigências das autoridades, também temos outro aspecto: a responsabilidade de cada cidadão. Muitas vezes, observa-se com preocupação como algumas pessoas usam seus animais de estimação como desculpa para quebrar a quarentena. Inclusive, já houve alguns casos de pessoas que adotaram cães de rua com esse objetivo.

Cachorro feliz por estar passeando

Uma responsabilidade social e individual

A responsabilidade de cada pessoa é fundamental para superar mais rapidamente esse vírus que conseguiu paralisar o mundo. Como pessoas conscientes, não devemos usar os animais de estimação como desculpa para quebrar a quarentena. Na complicada situação atual, devemos seguir as recomendações das autoridades.

Como podemos ver, levar o cachorro para passear perto de casa durante a quarentena é uma opção. A atividade deve ser realizada com responsabilidade, por um curto período de tempo e tomando todas as medidas de segurança.

Esse tipo de precaução é crucial para evitar a se contaminar ou contaminar outras pessoas da comunidade. Nos momentos mais difíceis, a solidariedade e o compromisso de ser um cidadão melhor são aspectos vitais para superar as crises.

El País. 2020. Qué hace y qué no hacer durante la cuarentena del coronavirus. Extraído de: https://elpais.com/sociedad/2020-03-18/que-hacer-y-que-no-con-su-perro-durante-la-cuarentena.html

Gobierno de España 2020. Información sobre el coronavirus. Extraído de: https://www.mscbs.gob.es/en/profesionales/saludPublica/ccayes/alertasActual/nCov-China/home.htm