Como escolher o melhor treinamento para seu animal de estimação

Quando levamos um cão para casa desde filhote, podemos enviá-lo para um centro de treinamento para que ele aprenda “ordens básicas” como se sentar, caminhar junto a nós e ficar ao nosso lado em um parque, enfim, obedecer a todas as nossas instruções. Se você quer saber como escolher o melhor treinamento para seu animal de estimação, não deixe de ler o seguinte artigo.

É necessário que eu leve o meu cão para um centro de treinamento?

Ainda que seja verdade que os animais de estimação podem ser mais ou menos obedientes, dependendo do ensino que lhe oferecem seus donos, um centro de treinamento pode acelerar o processo. Os especialistas podem ajudar o seu cão. É claro, também ajudam você, porque sua relação com o seu cão será mais harmoniosa.

Cachorro recebendo ordem

Deve se levar em conta que nem todos os peludos se adaptam ao treinamento de grupo e que, talvez, alguns deles precisem de aulas particulares (inclusive podem ser em sua casa). A seleção do centro de adestramento é importantíssima. Também é fundamental que o animal se dê bem com o seu instrutor. Ele saberá qual é o melhor treinamento para o seu animal de estimação que pode servir a cada exemplar em particular.

Quando se recomenda treinar um cão? Basicamente são três os grupos de cães que deveriam ser ensinados:

  1. Os filhotes

Quanto antes começar o treinamento, melhor. Em idade precoce, as aulas serão focadas na socialização e na prevenção de certos problemas de conduta. Durante o desenvolvimento, o animal precisa interagir com outros de sua idade. Além disso, ele aprenderá a não latir por qualquer coisa, a não morder objetos que não sejam seus brinquedos, etc. Um cão treinado desde filhote será menos agressivo e mais obediente por toda sua vida.

  1. Os desobedientes

Ainda que seja melhor que os cães sejam ensinados em idade precoce, a verdade é que em qualquer momento de suas vidas, eles podem receber educação. Talvez demore mais para aparecerem os resultados, mas vale a pena tentar. Os cães que apresentam problemas de comportamento tais como agressividade, reatividade ou medo extremo, podem ser muito beneficiados recebendo aulas com um instrutor… inclusive em grupos.

  1. Os que sofrem de transtornos de ansiedade

Este problema é habitual nos peludos que ficam muito tempo sozinhos, já que seus donos saem cedo para o trabalho e retornam bastante tarde, à noite. Durante todo o dia o animal pode ter a sensação de abandono e demonstrar de diferentes maneiras: quebrando coisas, urinando por todos os lados, latindo, chorando, etc. O treinamento pode lhes ajudar a lidar com a ansiedade.

Como encontrar o melhor treinamento para o seu animal de estimação?

Vale a pena separar um tempo para encontrar o melhor treinador para o seu cão. Por exemplo, você pode ir até aqueles parques onde há áreas reservadas para animais de estimação, observar os cães que melhor se comportam e perguntar a seus donos onde eles foram treinados. Eles podem oferecer a você dados importantes sobre os instrutores.

Consulte também um veterinário. Ele poderá recomendar a você algumas opções e, também, informar se considera necessário o treinamento para o seu animal de estimação. Já que existem muitas escolas e centros de treinamento para cães, no momento de se escolher um, devemos levar em conta:

  1. A reputação

Isto quer dizer averiguar a experiência da escola, se garante bons resultados, se tratam bem os animais, se tem muitos alunos, se há boas opiniões sobre os instrutores, etc. Tendo toda esta informação, você poderá decidir qual é o melhor centro de treinamento de animais de estimação e para qual deles irá enviar o seu peludo.

Cachorro recebendo petisco

  1. Os métodos de ensino

Como acontece nas escolas infantis, as de cães podem se basear em diferentes doutrinas ou métodos. Alguns afirmam que é melhor treiná-los sozinhos, outros optam pelas aulas em grupo. Também podem estar os que dividem os animais de estimação por idade ou por alguma situação particular. Em qualquer caso, você deve estar bem seguro de que eles não maltratam os animais (seja verbal ou fisicamente).

  1. A experiência dos instrutores

Outro aspecto para se levar em conta, no momento de escolher o melhor treinamento de animais de estimação, é saber se os professores são qualificados. Isto pode ser consultado diretamente na escola ou centro de treinamento ou, ainda, analisando os perfis de cada instrutor (por exemplo, se detalham os cursos ou aperfeiçoamentos que tenham feito).

Não se esqueça que, em muitos casos, as escolas para cães não são regulamentadas, por isso, qualquer pessoa sem estudo ou experiência poderá oferecer nas redes sociais seus serviços.

Fonte da imagem principal: Brian George

Recomendados para você