Que cuidados tomar com o seu bichinho se você tem varanda em casa

· junho 27, 2017

Se você tem uma varanda em casa, é compreensível que tenha medo de deixar o seu bichinho de estimação sozinho. Os animais agem por instinto e não pensam nas consequências de seus atos. Um cão não diz para si mesmo “se eu for até a varanda, vou cair”.

Obviamente, você não vai mudar de casa ou abandonar o seu amigo de quatro patas para evitar os perigos. Então, o que fazer? Tomar alguns cuidados. Neste artigo, contaremos quais são os mais importantes e como colocá-los em prática.

Que cuidados tomar com uma varanda em casa

Além do perigo de queda, existem outros riscos que podem comprometer a saúde de seu animal. Portanto, fique atento aos nossos conselhos.

Cuidado com os filhotes

Os filhotes são muito pequenos em qualquer espaço. Por isso, temos que ser extremamente cuidadosos para evitar acidentes. O que você pode fazer para que o seu pet aproveite o terraço ou varanda com segurança?

O melhor é instalar uma rede de plástico que cubra a parte de baixo da grade e que impeça que o animal passe por ela.

Assegure que a rede esteja bem fixada em todas as partes para que o animal não se machuque ao mordê-la. Caso não confie no plástico, pode optar por colocar madeira, embora isso obstrua a passagem de luz.

Livre-se de plantas tóxicas

Como falamos antes, cair não é o único perigo existente em uma varanda. As plantas utilizadas na decoração do ambiente também colocam em risco a saúde do seu bicho de estimação.

Converse com um veterinário e diga quais as plantas que você tem em casa. Existem algumas que podem causar danos com um simples toque na pele. Também existem outras que, ao serem ingeridas, podem levar à morte.

Proporcione um pouco de sombra

Uma das principais causas de morte dos mascotes é a insolação. Fique atento a isso após tomar as medidas anteriores. Faça com que o ambiente tenha um pouco de sombra para que o animal se proteja em dias de muito calor.

Embora o pet goste de tomar um pouco de sol de vez em quando, não pense que é possível passar horas se bronzeando sem perigo algum.

Deixe a porta aberta

A varanda, da mesma forma que para você, deve ser um local de descanso para o seu animal de estimação, e não um espaço de castigo, para deixá-lo preso. Deixe a porta aberta para que o animal possa entrar e sair à vontade.

Não o deixe sozinho

Ficar sozinho por muito tempo não é algo agradável para ninguém, muito menos para o seu peludo. Se você o deixar sozinho por tempo demais, ele pode relacionar a varanda com algo negativo e deixará de aproveitar o espaço.

Como falamos anteriormente, a varanda não é uma boa opção para que o cão não esteja em casa. Por isso, acreditamos que você não o deixará mais sozinho. A ansiedade pela separação pode levar o seu bichinho a fazer loucuras. E mais, estar preso na varanda poderia lhe dar ideias que o prejudicariam e que trariam muito sofrimento.

A varanda deve ser um lugar agradável para todos. Deixe que o seu amigo de quatro patas desfrute desta parte da casa da mesma maneira que você e, como já aconselhamos, não a use como uma área de castigo.

A varanda ou o terraço que você tem em casa pode trazer alguns perigos para o animal. Mas se você tomar todos os cuidados, tudo ficará sob controle e o seu peludo poderá ser feliz aproveitando esse espaço.