Preparando um plano de saúde para o seu filhote

· julho 21, 2018

Nossos animais de estimação são parte de nossa família. Da mesma forma que planejamos os cuidados de saúde do núcleo familiar, é importante fazê-lo com os deles também. Portanto, é importante que você tenha um plano de saúde para o seu filhote e, assim, possa garantir o seu bem-estar, a fim de evitar futuros transtornos.

A melhor ação que podemos tomar para o nosso bem-estar e para o do nosso filhote é a prevenção. Ao decidir ter um animal de estimação na família, devemos ter certeza de prestar atenção à sua saúde, especialmente nos primeiros meses de vida.

O que é um plano de saúde para o seu filhote?

Assim como contratamos serviços e seguros médicos para nós, é importante que façamos o mesmo para os nossos filhotes. Um plano de saúde para o nosso animal de estimação é um pacote de serviços que contratamos com o objetivo de ter a atenção do nosso animal assegurada.

É essencial fazê-lo nos primeiros meses, quando as maiores despesas são apresentadas. Entre outras coisas, pelos protocolos básicos de vacinação e desparasitação neste período.

filhote de cachorro

Neste plano de saúde, um contrato é estabelecido com o centro veterinário que escolhemos, que pode ser feito em um único pagamento anual ou em uma taxa mensal fixa. Isso depende do centro veterinário que escolhemos. De qualquer forma, é focado na prevenção de doenças e na melhoria da qualidade de vida de nossos animais de estimação.

Adquirir um plano de saúde para o seu filhote envolve benefícios para ele e para a sua economia. É necessário escolher o plano que melhor se adapte às necessidades do animal de estimação e que seja mais atraente e acessível do ponto de vista econômico.

Um plano desse tipo nos permitirá ter paz de espírito em relação à saúde do filhote. Nesta fase da sua vida é essencial ter um serviço veterinário que possa detectar qualquer problema de saúde a tempo.

O que você deve procurar em um plano de saúde para o seu filhote?

Há alguns aspectos básicos que deverão nos atender ao pensarmos em preparar este plano de saúde para a vida de nosso animal de estimação:

  • Essencialmente, o plano de saúde para o seu filhote deve contemplar o esquema completo de vacinação e revacinação. As doenças que basicamente devem ser incluídas são: cinomose, parvovirose, leptospirose e adenovírus canino.
  • Aplicação do esquema de vacinação contra a raiva, para o qual é necessário planejar um cronograma de vacinação.
  • O plano deve considerar uma série de consultas anuais, tanto para atenção a problemas específicos, quanto para controle.
  • O atendimento odontológico do filhote é muito importante. O rastreio e a limpeza dentária devem ser considerados no plano de saúde de seu filhote.
  • Plano de desparasitação interna (parasitas gastrointestinais, cardíacos e pulmonares) e externo (pulgas, carrapatos, etc.).
  • Chip de identificação do filhote.

Além disso, se o orçamento permitir, um plano que inclua exames laboratoriais, medicação e nutrição adequada seria recomendado.

A escolha da clínica veterinária

Temos de garantir a qualidade dos serviços de cada centro e comparar os custos de cada um. Há muitas diferenças entre diferentes clínicas e centros veterinários, e não devemos nos deixar levar por fatores como proximidade, possíveis amizades, etc.

Outros elementos que podem influenciar na nossa decisão são os serviços opcionais que cada centro possui. Em muitos casos, promoções, ofertas e descontos são oferecidos. No entanto, a qualidade dos serviços deve sempre prevalecer, o que afetará diretamente a saúde de nosso animal de estimação.

cão e veterinária

Fatores a considerar para escolher um veterinário

Um serviço adicional que pode ser muito útil são as consultas nutricionais. Obter dicas para alimentar melhor o filhote será uma vantagem em qualquer plano. Uma dieta adequada e um controle de peso, também adequado, dependerá, em grande parte, da saúde do seu animal de estimação e de suas condições especificas.

Outro elemento a ser considerado quando decidimos ter um animal de estimação, é o que se refere a reprodução. Considerando que esteja em nossos planos a criação ou, talvez, a esterilização, ter um aconselhamento adequado irá nos ajudar a decidir o melhor para o filhote.

Também, uma consulta nos primeiros meses de vida é essencial, porque é a que tem a ver com o comportamento. O conselho sobre como educar corretamente o cão e obter os comportamentos certos é essencial nesta fase.

Tudo relacionado à educação e socialização são aspectos fundamentais na elaboração do plano de saúde do seu filhote. Essas ações realizadas em idade precoce, certamente terão um impacto no seu futuro.