A vespa e sua forte picada

A vespa e sua forte picada
Francisco María García

Escrito e verificado por o advogado Francisco María García.

Última atualização: 22 dezembro, 2022

Embora seja verdade que a vespa, parente das abelhas, não cumpra a importante função de polinização, deve-se lembrar que elas fazem um controle natural das pragas nas lavouras dos campos.

Aqueles que já sofreram uma picada de vespa certamente se lembrarão de quão dolorosa e poderosa ela pode ser. Além disso, quando o verão se aproxima, a população de vespas aumenta e a probabilidade de ser picado por um deles aumenta.

Por isso, a seguir, vamos analisar por que esses insetos mordem e como podemos lutar contra a vespa e sua forte picada.

Vespas: como são e para que servem?

A expressão ‘cintura de vespa’ é bem conhecida. Esse recurso é uma das características físicas mais distintas desses insetos, que são parentes das abelhas. Dessa forma, olhando para o seu corpo, notamos como a região central é radicalmente mais fina que a porção anterior e posterior.

O termo ‘vespa’ é usado para designar diferentes espécies pertencentes à ordem Hymenoptera, que também inclui formigas e abelhas. E é precisamente a sua “cintura de vespa” que torna fácil diferenciá-las.

Na Espanha, três tipos de vespas são atualmente reconhecidas: a negra, a alemã e o velutina (originários da China). Entre elas, a vespa negra é especialmente preocupante, pois sua dieta é baseada no consumo de abelhas. Além disso, há tantas variedades do animal que todos os insetos himenópteros que não são classificados como abelhas ou formigas são considerados vespas.

a vespa e sua picada

Ao contrário das abelhas, as vespas não cumprem um papel tão importante quanto suas parentes. Isso alimentou a crença de que as vespas não teriam um papel na biodiversidade. Claro, é um falso mito, uma vez que cada espécie desenvolve uma função em seu ecossistema.

Sendo predadores naturais, as vespas são essenciais para manter o equilíbrio entre as espécies que compõem seu ecossistema. Dessa forma, alguns insetos ou parasitas são impedidos por elas de proliferar excessivamente. Atualmente, sabe-se também que as vespas têm um impacto positivo no controle natural de pragas em campos agrícolas.

Por que as vespas picam?

Quando uma abelha pica, provoca o rompimento de seus órgãos internos e sua consequente morte. Portanto, as abelhas só picam uma vez na vida, geralmente quando é absolutamente necessário se defender.

Vespas são capazes de picar várias vezes ao longo do seu ciclo de vida, sem prejudicar sua saúde. Isso não significa que eles mordem qualquer indivíduo sem uma razão. Da mesma forma que as abelhas, as vespas geralmente picam quando se sentem ameaçadas ou são surpreendidas por um possível predador. Na verdade, a maioria das espécies é, de fato, inofensiva.

No entanto, algumas espécies de vespas parasitas podem morder outros animais para introduzir suas larvas em seu corpo. Essas vespas são especialmente perigosas, pois seus filhotes agem como endoparasitas, o que prejudica gravemente a saúde do animal parasitado.

a vespa e sua forte picada

Em quase todas as espécies de vespas atualmente conhecidas, as fêmeas são as únicas que carregam a picada venenosa. Isso significa que apenas vespas fêmeas podem picar e causar a reação que já conhecemos. Naturalmente, ambos os sexos têm dentes poderosos que lhes permitem mastigar fibras de madeira, com as quais eles constroem seus ninhos.

Como evitar a vespa e sua picada?

Como medidas para evitar a picada de vespas, devemos primeiro evitar o acúmulo de lixo e detritos ao redor da casa. As vespas são atraídas pela oferta de comida fácil e abundante. Além disso, a madeira e seus derivados servem de base para a construção de seus ‘ninhos’.

Também é essencial evitar a vegetação densa em torno de nossa casa, para não atrair insetos que servem de alimento para as vespas. Além disso, podemos instalar tecidos de proteção ou mosquiteiros para evitar que vespas e outros insetos entrem em nossa casa.

Se formos dar um passeio a uma área agrícola ou rural, é importante usar roupas e sapatos fechados. Também é aconselhável evitar perfumes, cremes e produtos com fragrâncias doces ou intensas. Evidentemente, o uso de repelente é indispensável antes de nos expor a qualquer área externa.

Como reagir quando nos encontramos com uma vespa? É melhor evitar movimentos bruscos e afastar-se devagar. Se ficarmos calmos e nos movermos lentamente, evitaremos uma picada.

Pelo contrário, se tentarmos amedrontar a vespa, fazermos gestos violentos ou avançarmos impulsivamente, o inseto se sentirá ameaçado e poderá usar sua picada para se defender.


Este texto é fornecido apenas para fins informativos e não substitui a consulta com um profissional. Em caso de dúvida, consulte o seu especialista.