Acostume seu filhote a sua nova casa

janeiro 4, 2019
Provavelmente, diante da novidade, pode acontecer que os donos não saibam como reagir, mas também é necessário levar em conta que o novo morador da casa tem que se familiarizar com ela.

O novo gera incertezas, nos deixa nervosos e pode até nos assustar. A mesma coisa acontece com nossos animais de estimação. 

Quando um filhote chega à sua nova casa, pode ser uma alegria para os membros da família, mas para o animal será uma nova experiência.

E pode ser que ele fique tímido e não saiba muito bem como lidar com essa nova fase, se você não o ajudar. Gostaria de saber por onde começar?

O que você fazer quando um filhote chega à sua nova casa?

Existem várias dicas que você pode seguir para quando um filhote chega à sua nova casa. Pense que não é uma questão de alguns minutos, mas um processo de vários dias. Portanto, seja paciente e não se desespere.

Dê-lhe o seu próprio espaço

É normal que o seu novo amigo seja a novidade da casa e, além disso, é tão fofo e tão pequeno! É normal que você queira segurá-lo em seus braços o tempo todo ou começar a ensiná-lo a vir quando você o chamar para abraçá-lo. Porém, seja paciente, fique calmo e dê tempo a ele.

Haverá momentos mais propícios para ensinar-lhe as ordens e, também, para dar-lhe seus mimos e carícias. Para ele, você é como um estranho, pois ainda não te conhece e precisa ir de um lugar para outro, cheirar, examinar tudo e conhecer a casa.

Deixe seu filhote explorar um pouco por conta própria e, se houver crianças na casa, ensine-as a agir da mesma forma que você.

Tenha seu lugar preparado

Quando um filhote chega à sua nova casa, é conveniente que você já tenha seu lugar preparado, de modo que ele sinta que estávamos esperando por ele.

Defina previamente um lugar fixo para seu bebedouro e comedouro e, também, para sua cama.

Filhote de labrador

Recomendamos entrar na casa com ele nos braços, para fazê-lo se sentir seguro. Deixe-o no chão perto da comida e da bebida, para que saiba que é dele e, também, para que ele possa beber. O nervosismo pode desidratar seu corpo.

Em seguida, mostre-lhe a cama, coloque-o nela enquanto você o acaricia, mas, como dissemos antes, se ele quiser ir a outro lugar, deixe-o investigar. Faz parte do processo.

Apresentar os membros da família

Se há mais pessoas na casa, com tato e cuidado, sem gritar e sem muitos movimentos, deixe-os chegar mais perto dele, um por um, para pegá-los nos braços, falar com ele e acariciá-lo.

Se há muitas pessoas em sua casa, é melhor fazer isso em várias sessões, para que o filhote não fique sobrecarregado.

Manter silêncio

Tente fazer com que, nos primeiros dias após a chegada do filhote, a sua nova casa não receba visitas, festas, mudanças ou qualquer coisa que possa alterá-lo. 

Lembre-se de que os cães são animais de rotina e precisam viver em um ambiente calmo e relaxante.

Proteja-o dos perigos

Um filhote de cachorro é como um bebê, e a curiosidade é seu ponto mais fraco. Para ele tudo é novo, por isso, quer investigar, conhecer, cheirar, olhar e tocar. 

Se você acha que há coisas em casa que podem prejudicá-lo, como produtos de limpeza ou outras coisas que podem machucá-lo, e quer evitar isso, mantenha tudo “tampado e fechado”.

Filhote de cachorro

Acima de tudo, remova os fios de seu alcance e, se necessário, tampe as tomadas, como fazemos para proteger um bebê. Toda precaução é pouca… Com o tempo, você pode ir ensinando o que ele pode e não pode tocar.

Tenha paciência

É normal que ambos precisem de algum tempo para se adaptar e, também, é verdade que ele não será capaz ainda de sair e terá que fazer suas necessidades em algum lugar. 

Muito provavelmente, fará tudo dentro de casa. Não o repreenda e tente colocar tapetes higiênicos pela casa, para que ele possa se acostumar a fazer suas necessidades neles enquanto ainda não tem idade suficiente para passear.

Mesmo que ele não faça tudo no lugar certo, insistimos para que você não o repreenda. Brigar com o filhote prejudica o vínculo de confiança entre vocês e, provavelmente, ele sentirá mais medo do que amor.

Relaxe, ele aprenderá a fazer suas necessidades nas ruas e a não morder seus sapatos, mas é necessário tempo.

Quando um filhote chega à sua nova casa, você deverá estar preparado para gerenciar todas as mudanças e problemas. Com essas dicas, você certamente conseguirá. Parabéns pelo seu novo amigo!