Alimentação para ovelhas: todos os conselhos

· março 3, 2018

A alimentação para ovelhas deve conter os nutrientes adequados para nutrir seu organismo e conservar sua saúde. A criação saudável de ovinos interfere no bem-estar do animal e na otimização de sua produtividade. A seguir, vamos resumir alguns conselhos fundamentais para ajudá-lo na criação de suas ovelhas.

Ovelha: principais características de sua morfologia e caráter

A palavra “ovelha” denomina genericamente diversas raças pertencentes à espécie mamífera Ovis orientalis aries. São animais ruminantes que apresentam um sistema digestivo poligástrico composto por quatro estômagos. Sua morfologia se caracteriza por um corpo robusto, coberto por lã espessa e patas musculosas que acabam em um casco resistente.

Destacam-se por sua agilidade e resistência, mas também são animais sensíveis, com grande capacidade de aprendizagem. Geralmente apresentam um caráter ativo, desconfiado e muito alerta aos estímulos ao seu redor.

ovelha com filhote

Fonte: Ana Rey

Além disso, estudos recentes comprovaram a memória notável dos ovinos. Demonstrou-se que eles podem se lembrar de acontecimentos  que viveram durante mais de dois anos. Na verdade, são capazes de desenvolver emoções complexas e estabelecer laços de amizade com seus semelhantes, outros animais e também humanos.

Vale ressaltar que a ovelha acompanha historicamente a humanidade e acredita-se que foi domesticada pela primeira vez durante o século 9. Assim, o ser humano se beneficia dela há muito tempo, por causa de sua lã, sua carne e sua companhia.

A criação de ovinos para comercialização de lã e carne é mais do que comum, e garante a subsistência de muitos produtores. No entanto, na Europa e em Israel, destaca-se o incentivo à criação de ovelhas leiteiras.

Dimorfismo sexual nas ovelhas

Apresentam um dos dimorfismos sexuais mais notáveis entre os mamíferos. Isso significa que fêmeas e machos possuem diferenças morfológicas muito acentuadas na fase adulta. Os machos sem chifre são denominados borregos, enquanto os com chifres são chamados de carneiros, e as crias levam o nome de cordeiro.

Principais raças de ovelhas e suas finalidades

Todas as raças de ovelhas podem ser produtivas quando são criadas em condições ótimas para seu desenvolvimento. No entanto, recomenda-se conhecer melhor as raças antes de se dedicar a sua criação. Assim, é possível otimizar o investimento ao optar pela raça mais adequada a suas expectativas ou necessidades.

  • Raças ótimas para a produção de lã: Merino e Ramboullett.
  • Raças ótimas para a produção de carne: Dorset, Hampshire, Chevio do Condado Norte, Texcelk e Suffolk.
  • Raças ótimas para a produção de leite: Latxa, Churra, Manchega (Espanha); Basco-Bemaise e Laucane (França); Awassi e Assaf Sarda (Israel); Sarda (Itália).
  • Algumas raças bivalentes (carne e lã): Corriedale, Polypay, Columbia e Targee.

Conselhos de alimentação para ovelhas

A alimentação para ovelhas é chave para manter a saúde e para a otimização de sua produção. Além disso, deve ser complementada com a devida medicina preventiva e condições ambientais adequadas para o bem-estar animal.

Nutrição adequada para as ovelhas

Os carboidratos estruturais representam a principal fonte de energia do organismo dos ovinos. Como todo mamífero ruminante, seu sistema digestivo precisa de um alto nível desses nutrientes para funcionar de maneira saudável.

O gado ovino criado livremente no campo geralmente pasta por pelo menos oito horas por dia. Por isso, a nutrição de uma ovelha em ambientes reduzidos deve conter forragem suficiente para compensar a falta de pasto natural.

 Ovelhas e cordeiros no campo

Fonte: James Stringer

Sua dieta diária deve ter feno de boa qualidade como principal componente: muitos produtores geralmente oferecem como complemento uma mistura de cereais de altíssima qualidade e silagens de milho.

A quantidade equilibrada de alimento ingerido varia de acordo com a idade, o sexo, o tamanho e a finalidade da criação do animal. Geralmente se agregam técnicas de engorda e rações comerciais ricas em carboidratos.

Hidratação reforçada

Os mamíferos ruminantes precisam de muita hidratação para conservar sua saúde. Uma ovelha adulta pode ingerir mais de 15 litros de água por dia. No verão, quando a temperatura aumenta nos campos, o volume ingerido pode até passar de 20 litros por dia.

Por isso, é indispensável deixar água fresca e limpa à disposição do animal durante o dia todo. Também é importante higienizar diariamente os recipientes de água e comida, além de evitar deixá-los expostos ao sol.

Medicina preventiva para ovelhas

As ovelhas geralmente são resistentes quando submetidas a ótimas condições e alimentação equilibrada. No entanto, podem ficar doentes devido aos micro-organismos presentes no campo.

Por isso, é indispensável respeitar sua carteira de vacinação e visitar periodicamente o veterinário especializado. É claro, também podem ser utilizados suplementos e vitaminas para reforçar seu sistema imunológico.

Cabe ressaltar que a alimentação para ovelhas é chave para sua criação saudável, pois manter seu gado ovino são e bem nutrido não é somente questão de lucro. Significa respeitar a vida animal e cuidar de uma espécie muito importante para a humanidade.

Fonte das imagens: Robert Linsdell, Ana Rey e James Stringer.