Cachorro com excesso de pele agora pode mostrar o rosto graças a ajuda de um abrigo

Conheça a história completa de Reggie, um cachorrinho que sofria com excesso de pele, lesões e problemas de visão.
Cachorro com excesso de pele agora pode mostrar o rosto graças a ajuda de um abrigo

Última atualização: 23 abril, 2023

Graças à ajuda que lhe deram, esse cachorrinho com excesso de pele pôde mostrar ao mundo a sua verdadeira face. Seu nome é Reggie e há vários anos sofria com o crescimento excessivo de sua pele, incluindo o desenvolvimento de lesões e problemas de visão.

Contamos a sua história e como conseguiu superar essa dificuldade de saúde. A história toda é muito emocionante.

Reggie é o cachorrinho que sofria com excesso de pele

Reggie é um filhote de shar pei que sofreu por muito tempo com o excesso de pele. Embora esses tipos de cãe tenha essa condição genética por natureza, o caso desse amigo peludo foi extremo. Suas rugas foram se agravando e ele sofria com as lesões que elas geravam.

A princípio, acreditava-se que quando ele completasse um ano sua pele melhoraria, mas ele completou essa idade e nada mudou. Pelo contrário, seus ferimentos pioraram e ele perdeu a visão. “Ele era careca, tinha a pele muito danificada nas costas e os olhos infeccionados. Sua visão era ruim e ele precisava de tratamento oftalmológico constante, então trabalhamos com um veterinário para encontrar uma solução de longo prazo”, explicou a chefe Lauren Pearce.

Também deve ser explicado que Reggie foi resgatado por este abrigo em péssimas condições. Lá, os profissionais que o atenderam conversaram e chegaram à conclusão de que o cachorro com excesso de pele precisava de uma cirurgia plástica urgente.

Reggie deixou de ser um cachorrinho com excesso de pele para ser um cão feliz à espera de um lar.
Reggie deixou de ser um cachorrinho com excesso de pele para ser um cão feliz à espera de um lar.

Essa cirurgia mudou sua vida e ele está pronto para ser adotado

Conforme relatado pelo abrigo, Reggie passou por uma cirurgia de endurecimento da pele com resultados incríveis.

“Infelizmente, a raça de Reggie é propensa a problemas devido ao seu excesso de pele, mas com o tratamento que recebeu, esperamos que ajude a evitar novos problemas de pele no futuro. Ele é um cão jovem, então esperamos que a pessoa certa apareça para que ele possa aproveitar sua nova vida”, disse um dos especialistas.

Agora, o filhote que apresentava excesso de pele está recuperado de sua intervenção e pronto para ser adotado. Embora tenha sofrido muito, é o amor de cão e, sem dúvida, encontrará um lar para enchê-lo de muita alegria. “Ele é um amorzinho, muito amigo e ama a todos. Gostaríamos que ele morasse em uma casa só para adultos, pois ele não está acostumado com crianças, e seria ótimo se ele pudesse morar com tutores mais experientes.”


Este texto é fornecido apenas para fins informativos e não substitui a consulta com um profissional. Em caso de dúvida, consulte o seu especialista.