Cães de neve: conheça as 10 raças mais famosas

A pelagem e a resistência física são dois dos fatores mais importantes para os cães de neve. Porém, qualquer animal de estimação pode se divertir nesse cenário.

Se você levar seu cachorro para a neve, verá como ele gosta. Não importa qual a raça, qualquer cão desfruta desse manto frio e branco que cobre as montanhas no inverno. No entanto, existem raças de cães que são preparadas para viver e trabalhar na neve.

Gostaria de saber quais são eles?

As raças de cães de neve mais conhecidas

Se todos os cães amam a neve, estes são loucos por ela. Vamos ver quais são os mais conhecidos:

Husky siberiano

Não podemos iniciar essa lista de outra maneira, não acha? Se tem um cão que se identifica com trenós, com a neve e o frio, esse cão é o Husky siberiano.

Husky siberiano

Isso é normal, porque essa raça foi criada no norte da Ásia, em climas muito frios. Além disso, são treinados há décadas para trabalhar puxando trenós.

Malamute

É “primo irmão” do Husky e acredita-se que tenha surgido na zona do Ártico, o lugar mais frio da Terra. Durante décadas foram treinados como cães de resgate em lugares frios e remotos, assim como puxando trenós.

Malamute

Sem dúvida, o malamute do Alasca merece estar em segundo lugar na lista de cães de neve.

Elkhound norueguês

Como o nome sugere, é uma raça que vem da Noruega. Tem sido utilizado como cão de caça em baixas temperaturas.

Cães da neve: conheça 10 raças

De fato, a área em que ele vive é uma das mais frias do mundo. Porém, demonstrou uma grande resistência à neve e, por isso, merece estar nessa lista.

Samoieda

“Cão sorridente”, é como chamam esse animal de espessa pelagem branca e uma aparência de bicho de pelúcia. O Samoieda é um dos cães de neve mais conhecidos (e caros) do mundo.

Samoieda

Originário do norte da Rússia. É necessário dizer mais?

Terra-nova

Cabe destacar, em primeiro lugar, que esse cão tem sido muito utilizado por pescadores para puxar suas redes. Essa prática ocorre em lugares com temperaturas muito frias e sob geadas.

Terranova

Portanto, o Terra-nova tem demonstrado também ter grande resistência à neve.

Cão da Groenlândia

Esse cão é considerado de uma das raças mais antigas do mundo. Na verdade, durante anos foi o animal de estimação dos esquimós, como mostram estudos arqueológicos.

Conheça os cães de neve

Ainda hoje, a maioria de seus espécimes vive na região da Groenlândia, onde se originaram, e não reagem bem a altas temperaturas.

Chow-chow

Você provavelmente não pensaria nessa raça ao falar sobre cães de neve. Mas sim, o Chow-chow, originário da China, vem de um dos mais frios climas do seu país.

Chow-chow

Portanto, é ideal como um cão de neve. Tanto pelo deve servir para algo, não acha?

São Bernardo

Esse cão valente não poderia ficar de fora da lista de cães de neve. Ele é conhecido por suas grandes habilidades como cão de resgate em temperaturas adversas e frios extremos.

São bernardo

Akita Inu

O Akita e o Shiba Inu são cães que vêm do Japão e que durante anos foram usados ​​para caçar ursos na neve.

Conheça algumas raças de cães de neve: Akita Inu

Sua força física e sua pele grossa os tornam muito resistentes à neve.

Eurohound

Esse pode ser um dos cães de neve mais curiosos por sua escassez de pelo. É um cão de pelo curto com pele manchada e acredita-se que é um cruzamento entre Pointer inglês, Malamute e Husky. Parece que os genes das últimas raças foram mais proeminentes e, apesar de não parecer, sua resistência à neve é grande. Consegue se manter aquecido mesmo estando em lugares frios.

O que você acha dessa lista de cães de neve? Temos certeza de que mais de um o surpreendeu.

Recomendados para você