Como saber se um veterinário é bom?

· março 4, 2018
Um bom profissional que cuida da saúde do nosso animal de estimação deve ser altruísta, focado e comunicativo para garantir o bem-estar do nosso animal de estimação; nem tudo é ter um certificado.

Estamos conscientes da importância do veterinário na vida de nossos animais de estimação e em nossas vidas diárias. Ter um profissional qualificado e que cuide bem dos peludos nos dá a segurança de saber que nossos amigos estarão saudáveis. Mas o que devemos fazer para nos certificar de que um veterinário é bom?

Dicas para reconhecer se um veterinário é bom

Nossos animais de estimação têm muitas habilidades e podem aprender muitos truques. No entanto, eles não são capazes de escolher seus próprios cuidados médicos. Essa é a nossa responsabilidade na condição de donos.

Planejamento e organização

Muitos donos de pets optam por levar seus animais de estimação à clínica veterinária mais próxima da sua residência. Logicamente, o veterinário do bairro pode ser um excelente profissional, mas a localização não pode ser o único aspecto a considerar na hora de escolher o médico ideal para seu melhor amigo.

Para garantir uma boa escolha, o planejamento é a chave. Recomendamos, em primeiro lugar, pesquisar sobre os profissionais disponíveis em sua cidade ou nas proximidades do seu bairro. Depois, você pode pesquisar sobre suas qualificações, experiências e reputação na internet ou com conhecidos que entendam desse assunto.

Também pode ser muito útil consultar amigos e familiares sobre onde seus animais de estimação são tratados e o que eles pensam do trabalho dos profissionais de lá. É essencial conversar com o profissional para conhecê-lo e verificar as instalações da clínica. Você não deveria se envergonhar de pedir permissão para visitar as instalações e conhecer os serviços oferecidos pelo estabelecimento.

Veterinária consultando cachorro

Uma vez que o veterinário é escolhido, é essencial organizar sua vida para respeitar as consultas periódicas, tosa, desparasitação e vacinas do seu pet.

Presença, participação e comunicação

Um bom veterinário deve ser interessado e estar ciente da rotina de seus pacientes, pois um profissional dedicado quer saber como é o dia do dia do seu animal de estimação, como ele se comporta, o que come, se está hidratado corretamente, etc. Toda informação que permite que você entenda quem é e como nosso melhor amigo vive irá ajudá-lo a delinear seu perfil.

É importante que o profissional ouça e preste atenção às observações e perguntas dos donos. Exercitar medicina veterinária também inclui promover o conhecimento para melhorar o cuidado diário dos animais; e um bom veterinário sabe que não há prevenção sem informação.

Como podemos ver, um bom veterinário se comporta igualmente bem com cada animal que ele atende, e não com a única intenção de lucrar com uma consulta. Ainda melhor se for possível que seu veterinário seja um participante ativo em congressos, workshops, eventos em que possa ensinar e aprender constantemente.

Infraestrutura e capital humano da clínica veterinária

Um bom cuidado veterinário não é resumido na escolha do veterinário. Os cuidados de saúde de nossos animais domésticos requerem uma infraestrutura completa para realizar análises, tratamentos e vários procedimentos.

As clínicas veterinárias mais completas realizam ultrassonografia, raios-X, tratamentos dentários, estudos laboratoriais, controle de pressão e oxigenação, etc. Além de segurança e confiança, eles oferecem aos proprietários uma economia de tempo ao resumir todos os serviços no mesmo local.

Cachorro sendo examinado pelo veterinário

Tanto ou mesmo mais importante que os dispositivos tecnológicos e a infraestrutura física é o capital humano que constitui a atenção veterinária. Se um veterinário é bom, ele será acompanhado por técnicos treinados e assistentes que mostram empatia com os animais.

Serviço 24 horas

Muitos acidentes podem acontecer a qualquer momento, e os animais de estimação não escolhem a hora ou o dia para adoecer. É essencial saber que você pode contar com sua clínica veterinária a qualquer momento.

Um bom número de clínicas veterinárias já oferece cuidados 24 horas, e este é um serviço muito importante. Alguns até têm um serviço de ambulância para fornecer primeiros socorros em casa e transportar o animal com segurança.

Um bom veterinário exige um proprietário responsável

Qual é a melhor garantia de bons cuidados médicos para nossos animais de estimação? A resposta não é tão complexa: nosso compromisso e dedicação à sua saúde e bem-estar.

Um proprietário responsável é tão importante quanto o cuidado veterinário. É nossa responsabilidade fornecer medicamentos preventivos adequados, respeitar visitas ao veterinário, vacinação e desparasitação. Sua dieta, atividade física, higiene e saúde mental também dependem do nosso compromisso e atenção diária.

Portanto, além de julgar se um veterinário é bom, é essencial saber se nós mesmos cumprimos nossas obrigações como donos. A saúde de nossos melhores amigos é, em última análise, nossa responsabilidade.