Comportamentos compulsivos mais comuns nos cães

· dezembro 24, 2018
A maioria dos cães que exibem esses comportamentos sofreram traumas e abusos físicos ou emocionais; portanto, geralmente foram cães abandonados ou maltratados. 

Acredite ou não, comportamentos compulsivos em cães são mais comuns do que se imagina. Hoje queremos falar sobre eles e passar algumas dicas para ajudar seu animal de estimação no caso de ele sofrer algum.

Quais são as causas dos comportamentos compulsivos em cães

Comportamentos compulsivos em cães estão associados, na maioria dos casos, com trauma e abuso, seja físico ou emocional. É mais comum que esses comportamentos sejam refletidos em animais que vêm da rua, canis ou associações protetoras; na maioria dos casos, eles foram abandonados ou maltratados.

Mesmo assim, comportamentos compulsivos em cães também podem ser causados ​​pelos próprios donos. Estes podem ser vistos em cães que estão sujeitos a um estado de ansiedade prolongada, aqueles que não têm seus instintos básicos satisfeitos ou aqueles que passam muito tempo trancados.

No último caso, nos referimos a animais cujos donos os deixam em um pequeno quarto por horas ou até mesmo em uma sacada sem ter acesso ao resto da casa.

Devemos ficar atentos para não sermos os responsáveis ​​por causar um desses comportamentos compulsivos em cães, pois isso seria considerado uma forma de abuso camuflado.

Como identificar comportamentos compulsivos em cães?

É essencial diagnosticar comportamentos compulsivos em cães o mais rápido possível, para que eles possam ser tratados adequadamente e, assim, ajudar o animal a recuperar seu estado e saúde normais. Além disso, a maioria desses comportamentos se deriva em algo destrutivo, não apenas com as coisas de casa, mas seu animal de estimação pode, até mesmo, atacar a si mesmo.

cão compulsivo

Deve-se ter em mente que um comportamento repetitivo não precisa ser compulsivo, pois devemos analisar uma série de fatores que nos permita ter um diagnóstico claro.

No entanto, não tenha como certo que o gesto que o seu cão faz é normal. Assim que você ver um comportamento se apresentando repetidamente, pergunte ao seu veterinário para esclarecer o que é.

Existem vários sintomas que podem indicar que seu animal tem tendências compulsivas:

  • Feridas no corpo. Estas seriam o resultado de arranhões e mordidas compulsivas.
  • Sangue nas pernas ou na cauda. Podem ter como causa mordidas do próprio cão nessas áreas por um longo tempo repetidamente.
  • Perda de pelos. Também tem a ver com morder ou coçar os pelos.
  • Evitar contato físico com outras pessoas ou animais. Comportamentos compulsivos podem envolver medo de objetos inanimados ou de pessoas, e é por isso que seu cão pode se tornar medroso.

Quais são os comportamentos compulsivos mais comuns nos cães?

Mesmo fazendo uma lista, talvez não consigamos coletar todos eles, já que os animais nunca deixam de nos surpreender, e há muitas coisas sobre eles que ainda não entendemos.

cão medroso

Embora falemos de cães, muitos dos comportamentos que citamos abaixo também podem ocorrer em gatos. Estes são os mais comuns:

  • CirclingPerseguir a própria cauda sem nenhum objetivo.
  • Freezing. Corridas repentinas sem motivo aparente, a qualquer hora, em qualquer lugar.
  • Excesso de lambidas em seu corpo.
  • Lambida excessiva no ar ou em outro objeto.
  • Tentar caçar moscas sem que elas existam.
  • Agressividade em relação a objetos inanimados ou pessoas de um modo imprevisível.
  • Latidos constantes e até mesmo seguindo um ritmo.
  • Assustar-se com algo imaginário ou com sombras.
  • Coçar-se compulsivamente
  • Chupar ou morder feridas.

Estes são os comportamentos compulsivos em cães mais comuns e que indicam que você deve ir ao seu veterinário sem falta assim que perceber que seu cão os tem.

Fique tranquilo, se seu cão tem alguns ou vários desses comportamentos compulsivos, tudo pode ser resolvido se você estiver ciente dessa condição e for ao veterinário prontamente.