Disfunção erétil em cães: saiba mais sobre esse problema

· janeiro 11, 2019

Embora seja um problema associado aos homens, os cães também podem sofrer com disfunção erétil. Essa doença pode se apresentar devido a uma alimentação escassa ou excessiva, alguns problemas físicos ou pelo ambiente em que o animal vive.

Os cães possuem muitas enfermidades e males em comum com os seres humanos. Uma dessas patologias é a disfunção erétil.

Especialistas em reprodução animal explicam que a disfunção erétil não é um problema exclusivo dos homens. Os cães também podem ter problemas para ter uma ereção e mantê-la.

Nesses casos, o mais importante é determinar a causa que está gerando esse inconveniente.

Por que a disfunção erétil afeta os cães?

A disfunção erétil em cães é uma realidade, apesar de ocorrer em menor proporção do que com humanos.

Trata-se de um dos muitos padecimentos e enfermidades que os cães têm em comum com os seres humanos.

Geralmente, os donos dos cães descobrem os problemas de disfunção erétil quando querem cruzá-los com seus pares. Quando esse problema surge, é primordial levar o cão ao veterinário.

O especialista deve, em primeiro lugar, determinar a causa ou as causas do problema. Em seguida, poderá prescrever o tratamento mais adequado ao animal.

A disfunção erétil em cães pode surgir como consequência de outros problemas. As causas mais comuns são:

  • Desequilíbrio hormonal
  • Problemas de comportamento
  • Problemas vasculares
  • Estimulação sexual deficiente
  • Medo por experiências que causaram dor
  • Anomalias ou deformações no aparato reprodutor, etc.
Pugs

Relação entre o Viagra e os cães

O Viagra é um dos medicamentos mais conhecidos para o tratamento da disfunção erétil em homens.

Curiosamente, também é prescrito para cães, mesmo antes de ser usado para disfunção masculina. Entretanto, apesar do que se acredita, em cães ele não é usado com essa finalidade.

O Viagra, no caso dos cães, tem sido utilizado há muitos anos para o tratamento da hipertensão pulmonar.

Esse produto é um vasodilatador, que funciona aumentando e melhorando o fluxo sanguíneo. Além disso, o Viagra pode melhorar significativamente a qualidade de vida do animal.

Entretanto, devemos lembrar que esta medicação não é muito utilizada para tratar a disfunção erétil em cães. A principal razão para isso é que sua eficácia não foi comprovada para animais.

É importante que o veterinário determine a razão ou as razões que estão gerando o problema de disfunção no animal. Com base nisso, o tratamento mais adequado será determinado pelo seu histórico clínico.

Nutrição e disfunção erétil em cães

Além das causas mencionadas anteriormente, a nutrição também pode ser um fator importante no desempenho sexual dos cães.

De fato, está demonstrado que uma nutrição deficiente pode causar problemas como perda de libido, diminuição do esperma, atrofia testicular, entre outros.

Além disso, o cão também pode ter problemas para acasalar se não estiver bem alimentado. Isso se deve ao sobrepeso, que gera dificuldades no momento do coito, assim como também pode afetar os membros posteriores e gerar problemas na termorregulação.

Geralmente, esses efeitos surgem quando a proteína presente na dieta é menor do que 2%. Da mesma forma, um déficit de vitamina A pode gerar diferentes atrofias.

A consequência disso será a diminuição na qualidade do sêmen produzido pelo cão, entre outros efeitos.

cães e a disfunção erétil

O ambiente: chave no desempenho dos cães

Os cães possuem uma conduta sexual regulada pelos hormônios. Entretanto, o aspecto ambiental também é uma parte importante de todo processo de acasalamento. Esse processo é composto por: identificação, busca, cortejo e, finalmente, a cópula.

Embora exista uma determinação genética e hormonal, os estímulos auditivos, olfativos, visuais e táteis são primordiais para o bom desempenho do animal.

Receitas caseiras

Além da possibilidade de adquirir algumas soluções comerciais, como o caso do Viagra, alguns remédios podem ser elaborados de forma caseira.

Dessa forma, obteremos um produto 100% natural, elaborado com ingredientes afrodisíacos e benéficos para a saúde.

É necessário lembrar, ao fazer qualquer preparação culinária para cães, que eles não podem comer o mesmo que nós.

Ou seja, alguns ingredientes ou alimentos, normais em nossa dieta, podem ser muito prejudiciais para o nosso animal de estimação.