Doenças caninas comuns causadas por uma má alimentação

Dizem que somos aquilo que comemos. No caso dos nossos cães, esse ditado também pode ser aplicado. Às vezes, achamos que comprar uma ração mais barata dá no mesmo que comprar uma que custa mais e que só pagamos um preço mais elevado devido à marca. Outras vezes, pensamos que os animais de estimação podem comer as mesmas coisas que nós e paramos de comprar ração, que é o verdadeiro alimento que eles precisam.

Sendo assim, da mesma forma que podemos ficar doentes devido a uma má alimentação, se não dermos os nutrientes e componentes necessários aos nossos animais de estimação, eles também vão adoecer. 

A seguir, iremos dizer quais são as doenças mais comuns causadas pela má alimentação e de que forma podemos entender as marcas das rações.

A doenças causadas por uma má alimentação

Estas são algumas das mais comuns. Mas, lembre-se, uma má alimentação a longo prazo pode causar danos irreversíveis à vida do seu bichinho de estimação. Recomendamos que preste atenção no que ele come e observe se o seu bichinho está apresentando algum dos sintomas a seguir.

Alergia

Muitos animais são alérgicos a diversos tipos de proteínas ou ácidos graxos. Caso percebamos algum sinal de alergia, o mais indicado é procurar um veterinário para que revise a dieta do animal e nos recomende a mais favorável para ele.

Essas alergias podem ser vistas a olho nu através de reações na pele. É o caso da coceira, mas também podem aparecer através de problemas respiratórios no animal. Observar se o nosso bichinho de estimação está com algum problema respiratório poderá salvar a sua vida.

Gastrite Aguda

Ela é produzida devido a um parasita, a reações a antígenos bacterianos ou a uma intolerância alimentar. Além disso, pode ser produzida por algum alimento vencido ou estragado.

Comer alguma comida do lixo, algo que todos os cães fazem, é tão prejudicial que, além de poder levá-los a contrair uma gastrite, pode fazer com que, nos casos extremos, provoque a morte do animal. Existem muitos alimentos podres no lixo. Dessa forma, poderíamos evitar que o nosso animal de estimação coma na rua observando com atenção os seus movimentos.

Inflamação do esôfago

Os ossos não são uma boa ideia se eles provêm de uma carne que tenha sido previamente cozida. Como já explicamos em outro artigo, os cães conseguem comer e digerir os ossos. Mas eles sempre devem estar crus.

Comer ossos de galinha cozida ou qualquer outra carne fará com que, antes de chegar ao seu estômago, se quebrem, podendo ficar entalados no seu esôfago, causando danos, irritação e inflamação no animal. Além disso, o osso pode, inclusive, ficar entalado no tórax e fazê-lo sufocar.

Diarreia

Esse é um dos males mais comuns causados pela intolerância alimentar, algum alimento em mau estado de conservação ou mudanças bruscas na alimentação.

Uma diarreia pontual não deve ser motivo de preocupação. Mas se a diarreia persistir durante alguns dias, o melhor a ser feito será consultar o veterinário para que ele possa determinar a causa e dar uma solução ao problema.

Uma das dicas para essas circunstâncias é não aumentar a quantidade de comida que o nosso animal de estimação está acostumado a ingerir.

Aprenda a ler os rótulos

Todas as rações têm um rótulo que mostra os componentes da ração que estamos comprando para o nosso cãozinho. São estes os principais nutrientes que o seu cão necessita:

  • As principais proteínas provenientes da galinha, vaca, porco, cordeiro ou algumas das suas variantes, como farinhas, por exemplo. Esses componentes são essenciais para os cachorros.
  • Os lipídios são insubstituíveis, já que são uma fonte de energia muito importante.
  • Os carboidratos não são tão necessários, mas contêm energia. A ingestão em excesso pode ser prejudicial e poderá levar o nosso animal de estimação ao sedentarismo e à obesidade.
  • A fibra é necessária para um bom funcionamento intestinal.
  • Todas as vitaminas e minerais presentes nas rações são bem-vindos.

Esses são alguns dos conselhos que você deve considerar ao proporcionar uma alimentação adequada para o seu animal de estimação.