Picadas de pulga: remédios caseiros

Algumas pessoas são mais propensas que outras às picadas de pulga. Inclusive, não é preciso ter animais de estimação para que esses parasitas apareçam na casa. Se você está cansado de que elas te piquem e de que as feridas se infectem de tanto coçar, recomendamos que você leia o texto abaixo, onde listamos alguns remédios caseiros para tratar este problema.

Por que as pulgas picam?

As pulgas são pequenos parasitas que se alimentam do sangue dos mamíferos, principalmente dos cachorros e dos gatos. No entanto, elas também podem picar pessoas. Assim como acontece com os mosquitos, alguns humanos são mais vulneráveis às picadas – devido ao odor do corpo, a roupa que usam, o tipo de sangue, etc.).

Passeio com cachorro

Geralmente, as pulgas nos picam nos pés e nas pernas, que são os lugares mais próximos do solo. Mesmo podendo saltar vários centímetros, esses parasitas chegam no máximo acima do joelho. Se elas estiverem no sofá ou na cama, aí sim poderão picar outras partes do corpo.

Receitas para as picadas de pulga

Quando se deparar com picadas de pulga, o primeiro passo é lavar a zona com água morna e sabão neutro. Depois, secar com um pano, dando pequenos golpes, para evitar a irritação da área. É fundamental cobrir o local para que não seja coçado, porque pode ser infectado. Aqui estão algumas receitas caseiras eficazes para tratas as picadas de pulga:

1. Chá

Você pode usar um sachê de qualquer chá que tenha em casa (preto, verde, de maçã, etc.). É muito simples. Esquente como se fosse consumir a infusão e coloque em uma xícara junto ao sachê. Espere alguns minutos, retire e deixe que esfrie até pelo menos chegar na temperatura ambiente.

Molhe uma gaze ou pano e aplique sobre a picada com movimentos suaves. Cubra com um curativo. Repita isso várias vezes ao dia.

2. Emplastro de manjericão

O manjericão não serve apenas para dar sabor à comida, mas também para diminuir a irritação e coceira provocadas pelas picadas de pulga. Lave algumas folhas da planta e esmague com um pouco de água. Forme uma pasta e aplique sobre a área. Deixe cerca de 15 minutos até que chegue à temperatura ambiente. Você também pode deixar mais tempo, cobrindo com uma gaze.

3. Babosa

Não deixe de ter em casa uma planta de aloe vera. Serve para todos os tipos de feridas e infecções na pele, incluindo as picadas de pulga. A babosa é um cicatrizante natural que vai diminuir a coceira e o inchaço em minutos. Além disso, é muito fácil de usar. Você só precisa cortar uma haste ou penca na horizontal – cuidado com os espinhos) e retirar o gel.

Aplique sobre a área afetada e, quando a pele absorver todo o líquido, você terá uma sensação indescritível. Você pode repetir isso várias vezes ao dia.

4. Pomada de coco

Esta fruta tropical serve para desinchar as marcas provocadas pelas pulgas. Nesse caso, você vai usar a polpa. Coloque-a no liquidificador com um pouco de água. Misture bem para formar uma espécie de creme. Aplique sobre a picada e envolva com um lenço por uma hora. Passado esse tempo, enxágue. Repita várias vezes ao dia.

cachorro-se coçando

5. Banho de aveia

Os flocos ou copos de aveia servem caso haja erupções, irritação ou picadas na pele. Se as pulgas lhe picaram nos pés, você pode colocá-los em um recipiente com água morna e adicionar uma ou duas colheradas deste cereal durante 15 minutos. Caso a área afetada seja nas costas, por exemplo, será preciso usar uma banheira. O procedimento é similar, mas você precisará de mais aveia.

6. Mel

Trata-se de um remédio antisséptico por excelência, que pode ser consumido ou utilizado de outra forma. Neste caso, aplique o mel sobre a área e deixe que atue por 15 minutos. Depois, enxugue com água morna.

7. Bicarbonato de sódio

Em um recipiente, coloque uma colherada de bicarbonato e outra de água. Misture bem para formar uma pasta e coloque sobre a picada. Depois de 15 minutos, enxague com água fria. Você notará como a irritação se aliviará em seguida.

Fonte da imagem principal: Alex Ortiz de Guinea

Recomendados para você