Por que os cães se coçam?

janeiro 26, 2018

Isso já aconteceu com todo mundo que tem cachorro em casa. Às vezes, nosso pet passa muito tempo coçando as orelhas, as costas e às vezes até o ar. É lógico que nos preocupamos, pensamos em pulgas ou em problemas na pele. Se isso já aconteceu com você, com certeza você quer saber porque os cães se coçam.

Este comportamento canino pode ser consequência de pulgas, carrapatos, fungos ou secura. No entanto, o pior é que uma coceira excessiva pode provocar problemas de saúde física e até culminar em uma depressão.

Ainda que se coçar seja algo muito comum para nossos animais, nunca devemos deixar isso passar despercebido. Existem muitas razões para que um cão se coce, desde a presença de algum parasita até sérias infecções na pele.

Uma em cada seis consultas ao veterinário se deve ao fato de que o dono suspeita que seu animal tenha problemas na pele. Uma das razões pelas quais não devemos descuidar dessa atitude de nossos cães é porque sua saúde mental está em jogo.

Resultados de estudos mostram que os problemas na pele causam muito incômodo no cão. Por isso, são considerados um dos fatores principais da depressão nos cachorros.

Cão coçando

Você quer saber por que os cães se coçam?

  • A razão mais comum para que um cão se coce são os parasitas: pulgas e carrapatos são os principais. Eles grudam na pele para sugar o sangue e isso causa muita coceira no cão. Se nosso animal, além disso, é alérgico à saliva da pulga, o problema pode ser maior e desencadear uma dermatite alérgica.
  • Para saber se seu cão tem pulgas, a observação é a primeira tarefa. Olhe bem o pelo e a pele em busca de pulgas ou suas fezes. Os lugares favoritos destes parasitas são atrás das orelhas e na parte interna das patas. Também podem ser observadas picadas na pele do cão.
  • Tanto as pulgas quanto os carrapatos precisam sugar sangue para viver, e através de sua picada podem transmitir uma grande quantidade de doenças graves para nosso cão. Por isso, é recomendável dar banho com frequência com produtos especiais para eliminar esses parasitas.
  • Você já percebeu que quando está ansioso você rói as unhas ou mexe o pé sem parar? Então, por sua vez, o cão pode manifestar sua ansiedade se coçando muito.
  • O exercício que seu pet faz é um fator importante. Certifique-se de que seu cão se exercita o suficiente. O excesso de energia acumulada, o tédio e a falta de atenção podem deixa-lo ansioso e fazerem com que ele se coce.

Doenças, fungos e secura na pele

  • A sarna é um problema dermatológico que faz com que o animal se coce constantemente. O ácaro da sarna entra na pele do cão e provoca lesões que acabam sendo incômodas. Os lugares com menos pelo são ou mais afetados por esse ácaro: as axilas, os cotovelos e as bordas das orelhas.
  • As alergias também podem ser a causa dos cães se coçarem tanto. Elas podem ser sazonais, e ainda que sejam mais frequentes na primavera e verão, podem aparecer em qualquer época do ano. Grama, sementes, flores ou pólen podem ser alguns alergênicos que afetam a pele dos animais.
  • Os alimentos também podem causar alergias que provocam a coceira. Alguns cães podem reagir a algum tipo de carne, grão, cereal ou até a alguma marca de alimento. Observe se a coceira aparece quando há alguma mudança na alimentação, porque essa pode ser a razão de seu cão se coçar em excesso.
  • Se o seu cão, além de se coçar, apresenta círculos sem pelo, a causa pode ser fungos. Para elimina-los, será necessário um tratamento com produtos que um veterinário pode indicar.
  • A pele ressecada pode fazer com que nosso cão se coce. Se notamos a pele machucada, rachada ou com crostas, é sinal de secura. O clima, a desidratação, alguns produtos de higiene, a falta de algum nutriente ou problemas hormonais podem causar ressecamento. Com um tratamento prescrito pelo veterinário e uma hidratação adequada, esse problema pode ser superado.
Cão coçando

Estas são só algumas das razões pelas quais os cães se coçam. A coceira ocasional não deve causar preocupação, mas se observamos uma coceira excessiva, devemos procurar um especialista.

Se o cão continua se coçando e não se dá atenção ao problema, isso pode lhe causar feridas que levam a infecções e consequência mais graves. Por isso, devemos estar atentos aos problemas dermatológicos que podem afetar seriamente o bem-estar de nosso animal.