Primeiros dias de um filhote em casa

· julho 29, 2018

A adaptação correta e rápida de um filhote é a chave para um adequado desenvolvimento de sua socialização e fundamental em sua aprendizagem relativa ao mundo que o rodeia. Entenda a importância dos primeiros dias de um filhote em casa.

Os primeiros dias de um filhote em casa podem ser uma revolução. De repente, nos encontramos com um animal que ainda é um bebê e possui necessidades que precisamos suprir. Tente tornar esses dias mais simples preparando-se previamente.

Prepare a chegada do filhote

Antes que cheguem os primeiros dias de um filhote em casa, precisamos nos preparar. Toda a família deve estar de acordo sobre quem se ocupará de questões como limpeza, comida e água, veterinário, passeios quando ele já puder sair na rua, etc.

Também tenha em mente que o filhote ocupa um lugar na casa. É importante ter claro onde o cão dormirá, onde fará suas necessidades e onde/o que comerá. O filhote ainda é muito jovem, mas fará bem a ele se adequar a uma rotina, facilitando assim as coisas.

É necessário deixar a casa “à prova de dentes”, tropeços e golpes com a cauda. Defina o que o cão pode puxar e quebrar, assim como o que você não quer que ele morda. Cubra ou proteja os lugares perigosos. Dessa forma, você facilitará a adaptação do animal e evitará acidentes. 

Primeiros dias de um filhote em casa

Quando o cão vai crescendo, você pode devolver as coisas ao seu local de origem, assim como mudar as normas e exigências com ele. Porém, tenha em mente que os primeiros dias de um filhote em casa significam uma mudança para todos, sendo melhor prevenir que remediar.

Crie um plano de saúde

Mesmo que o filhote seja saudável, você precisa estar preparado. O plano de saúde de um filhote começa por escolher um veterinário que o atenda quando necessário. Escolha também um que possua serviço de emergência e, caso ocorra algum acidente, tenha os dados e telefones sempre à mão.

Fale com o veterinário quando o filhote chegar, ou um pouco antes, sobre o calendário de vacinação e o registro do seu animal. Explique-o sobre a raça ou o cruzamento para poder saber se há alguma doença congênita para ser prevenida e registrar as revisões periódicas necessárias.

Quando o filhote chegar em sua casa, marque uma primeira visita para abrir um histórico médico e fazer uma primeira desparasitação. Assim, caso o cão precise de uma revisão médica ou estiver doente, você já conhecerá o veterinário e confiará nele. E se você escolher o profissional errado, terá tempo para mudar para outro melhor.

Primeiros dias de um filhote e os cuidados necessários

Mesmo que o filhote seja saudável, sempre podem ocorrer acidentes. É muito importante saber o que fazer caso um veterinário seja necessário com urgência. Assim como é importante conhecer o calendário de vacinação e criar um plano de saúde previamente.

Fase de desenvolvimento e socialização

Quando chegam à casa, os filhotes geralmente possuem entre sete e nove semanas de idade. Há um estágio conhecido como etapa de socialização. Nesta etapa, ocorre o desenvolvimento da curiosidade sem medo do mundo novo à sua volta. Portanto, este é o melhor estágio para descobrir coisas novas.

No entanto, a socialização é algo que pode ser feita sem pressa. O cão está desejando conhecer coisas novas, mas pode ficar saturado em algum momento. Para apresentá-lo a situações novas, lembre-se:

  • Os estímulos novos aparecem pouco a pouco e sem muita intensidade. Por exemplo, música: comece com uma canção tranquila e suba a intensidade pouco a pouco.
  • Dê ao cão a opção de fugir caso ele não goste da situação.
  • Não tenha pressa para fazê-lo enfrentar os estímulos novos, tenha paciência e deixe que ele encontre seu ritmo.
Primeiros dias de filhotes

A etapa de socialização é perfeita para conhecer pessoas e animais diferentes. Apresente ao seu cão idosos, crianças, homens com barba, pessoas altas, gatos, coelhos, hamsters e tartarugas. As coisas que o cão aprende até seus três meses de idade serão vistas como normais pelo resto de sua vida.

Se por algum motivo você não pôde aproveitar esta etapa, não se preocupe. Seu cão será capaz de aprender coisas novas e viver situações diferentes pelo resto da vida. Você só precisará de um pouco mais de paciência.

Os primeiros dias de um filhote em casa: não seja rigoroso

Tendemos a ser rigorosos demais com os cães, inclusive quando são filhotes. Durante os primeiros dias de um filhote em casa, os donos podem centrar-se demais nas ordens e disciplina, esquecendo de coisas igualmente importantes.

As regras para cães podem ser alteradas. Se o cão faz coisas erradas ou se comporta mal, pode deixar de fazer isso quando ficar maior. Quando um cão é pequeno, é mais importante fazê-lo se sentir seguro e querido do que ensiná-lo a nunca subir no sofá. A ordem pode ser ensinada mais tarde.

Filhote dormindo

Por exemplo, ele aprenderá a ficar só quando estiver crescendo. Então, não faz mal que ele durma no seu quarto durante as primeiras semanas, caso isto o faça se sentir seguro e tranquilo. Da mesma forma, ele aprenderá a não subir no sofá e a fazer suas necessidades na rua quando for mais velho.

Durante os primeiros dias de um filhote em casa, às vezes, nos centramos demais na disciplina e deixamos de lado outras coisas mais importantes: sua segurança, sua saúde e a prevenção de acidentes no lar. Antes de impor regras e ordens, desfrute da idade mais doce de seu cão.