Quando o nariz seco é um alerta de doença em cães

O nariz seco, em cães adultos ou em filhotes, geralmente informa sobre o estado de saúde do animal. O normal é que este se encontre úmido, na maioria das vezes. No entanto, alterações de pigmentação ou episódios de ressecamento podem ser frequentes. Tudo depende de alguns fatores externos (clima, na maioria das vezes) ou predisposições genéticas.

As causas do nariz seco

Cão da raça Cocker Spaniel caramelo

Embora muitas pessoas entrem em estado de alerta ante qualquer alteração que surja no nariz do animal, nem todos os casos envolvem uma doença grave que requer levá-lo imediatamente ao veterinário.

Entre os fatores que podem levar a episódios de ressecamento ou alterações na pigmentação, podemos mencionar os seguintes:

  • Clima: as estações extremas (verão ou inverno), muitas vezes causam grandes mudanças, não só em cães, mas em todos os seres vivos. Quando os cães ficam em espaços abertos com baixas temperaturas ou expostos aos raios do sol, a baixa hidratação pode ocorrer no focinho e, até mesmo, levar a alterações na pigmentação.

Algumas raças, como Golden Retriever, o Labrador, o Samoieda ou o Husky Siberiano, apresentam mudanças regulares na cor do nariz de acordo com a época do ano. Já outras raças, como Pitbull, o Pastor australiano e o Collie, apresentam despigmentação genética.

  • Queimadura solar: o sol é prejudicial aos seres humanos e aos cães. Os donos de cães devem ser especialmente cuidadosos para que seus animais de estimação não abusem dos banhos de sol.
  • Depois de passar algum tempo próximo a um aquecedor ou a uma lareira: no inverno, o cão procura estar perto de uma fonte de calor.
  • Pouca ventilação: Se o animal tende a ficar num local com correntes de ar reduzidas, a secura do nariz também pode ocorrer.

Medidas a tomar

Essa é uma das primeiras perguntas que fazem ao profissional veterinário. Isso requer algumas medidas específicas que irão prevenir lesões no nariz ou evitar que episódios pontuais se compliquem ainda mais. É o caso da hiperqueratose Nasal, que é um aumento na espessura da pele.

  • Ajustar a duração do banho de sol: esta é uma atividade que muitos cães adoram. Mas os donos devem prestar atenção na dose.
  • Uso de protetores solares: existem produtos destinados a proteger o nariz dos cães dos danos solares. Há aqueles que até mesmo apelam para produtos destinados a seres humanos. Isto não é o ideal, você deve sempre usar produtos específicos para cães. Em qualquer caso, o protetor deverá ser livre de óxido de zinco.
  • Vaselina: este produto é muito útil para aliviar as rachaduras que podem ser causadas pela falta de hidratação. Assim como os protetores solares, esta deve ser aplicada em quantidades extremamente reduzidas, já que o animal começará a lamber o nariz para remover o agente externo e a ideia não é trocar o desconforto nasal por uma indigestão.
  • Certifique-se de que o cão toma água: esta é a melhor maneira de hidratar o animal. Se a água estiver fria, melhor ainda.
  • Lavar o nariz com sabão e água fresca: é uma prática que pode trazer muito alivio para os animais. Importante: o produto a ser usado deve ser exclusivamente para animais, ser neutro ou suave. Sabões de uso humano não devem ser usados sob nenhuma hipótese.

Alerta vermelho

Há momentos em que a sintomatologia no nariz indicará ser necessária atenção prioritária, uma vez que a vida do animal pode estar em perigo.

Cachorro com nariz seco branco e marrom

Estes sinais são:

  1. Quando a secura deixa de ser casual e permanente. Os especialistas dizem que, se o cão está há mais de dois dias com nariz seco e rachado, isso se trata de uma emergência veterinária.
  2. Sangramento: interno ou externo, devido aos ferimentos causados pelas fendas ou pelo surgimento de feridas.
  3. Secreção excessiva, especialmente se for amarela ou verde.
  4. Protuberâncias ou inchaço visível e palpável.
  5. Coceira. Em casos extremos, isso pode levar os cães a esfregarem o nariz contra o chão ou contra paredes com violência.
  6. Se a secura for acompanhada por outros fatores, tais como tosse, espirros, vômitos ou diarreia; bem como desânimo e pouco apetite.

Nesses casos, o que está por trás do nariz seco?

Desde queimaduras extremas, até um enfraquecimento do sistema imunológico, cinomose ou doenças dermatológicas, tais como câncer de pele. Todos estes casos exigem um cuidado veterinário urgente.

Recomendados para você