Tipos de arnês para cães

Para passear com seu animal, geralmente se recomenda usar um arnês para cães ao invés de uma coleira. Isso porque o arnês segura melhor o peso do cão, enquanto a coleira machuca se o cachorro esticar a alça.

Caso o cachorro dê um puxão, o arnês amortece o golpe tanto para o cão quanto para o humano. Há vários tipos de arnês para cães em pet shops, e é difícil saber qual é o mais indicado para nosso cachorro.

Por isso, queremos fazer uma lista dos modelos mais comuns que podem ser encontrado nas lojas.

Quais tipos de arnês para cães 

O arnês é a melhor opção para ter um passeio tranquilo com seu cachorro. Se um modelo é melhor que o outro, vai depender da preferência pessoal do proprietário, ou seja, de quem passeia com o cão. Os aspectos mais decisivos na hora de comprar um arnês novo para o cachorro geralmente estão relacionados com a facilidade de colocar e com a estética.

Cachorro com arnês

Para comprar um arnês novo para seu cachorro, é preciso levar em conta se ele é feito com materiais resistentes – normalmente com cintas de nylon – se tem fechos seguros e, principalmente, se o tamanho é o correto para seu cachorro.

Arnês em “Y”

É um dos tipos de arnês para cães mais comuns, e por isso estão à venda em qualquer loja para pets. Há uma grande variedade de tamanhos, cores e preços. O arnês é composto de algumas tiras de nylon ou couro que envolvem as patas e o peito, e que se fecha sobre a região das costas. Tem uma argola um pouco abaixo das ombreiras para engatar a corrente.

Para colocá-lo, você deve introduzir a cabeça do cachorro pela frente do arnês e unir os fechos na altura das costas. São muito fáceis de colocar e geralmente não é preciso manipular muito o cachorro para conseguir. Se o cão começar a correr de repente, o arnês vai segurar sua força no peito, mas como está fechado nas costas, ele é controlado sem machucá-lo.

Arnês anti-puxão ou de adestramento

Os arneses anti-puxão entraram na moda há alguns anos. São formados por duas ou três tiras de nylon, que cruzam horizontalmente o peito do cachorro e se fecham ao redor do corpo. Têm uma argola para engatar a corrente no centro do peito, para frente; vez ou outra, no alto das costas, por trás.

São chamados de arneses anti-puxão, mas colocá-lo não evita que o cão estique a corrente ou  saia correndo. Se o cachorro chegar a correr, o que ele faz é desviar a força até um dos lados do animal, já que a corrente está engatada pela frente. Não ensina sozinho o cão a não correr, mas facilita o processo de aprendizagem para que não dê piques.

É bom lembrar que, para cães que costumam dar piques, o uso prolongado desse arnês pode provocar lesões físicascomo contraturas musculares, distensões e, em casos extremos, deslocamentos.

Arnês anti-puxão Martingale

Esse tipo de arnês anti-puxão tem a mesma forma do anterior, mas a tira que cruza o peito tem o mesmo sistema flexível das coleiras martingales, que se estreitam e apertam o peito do cão se ele der um puxão brusco.

Esse arnês provoca dor e pode causar lesões ou más associações por parte do cão. Por isso, seu uso deve ser evitado, assim como as coleiras martingales.

Julius K9

Esse é outro dos tipos de arnês para cães que entraram na moda recentemente. Os arneses tipo Julius são formados por uma peça grande acolchoada que cobre as costas e as laterais do cão, com uma tira que cruza verticalmente o peito e se fecha embaixo da barriga. A corrente, obviamente, se engata em uma argola nas costas.

O funcionamento é o mesmo do que o dos arneses em “Y”. Além disso, geralmente têm uma asa ao lado da argola que pode ser útil para cães que precisam ser controlados com mais precisão. Seu grande problema é que geralmente são caros, ainda que sua grande vantagem é que são facilmente personalizáveis.

Cachorros passeando de coleira

Arnês de três pontos ou arnês de segurança

Os arneses de três pontos são bem recentes e estão à venda há pouco tempo. São específicas para cães galgos ou podengos, ainda que possam ser usados em qualquer cachorro. A aparência é igual a de um arnês em “Y”, mas tem um tira especial que se fecha na cintura do cão, fazendo com que ele não consiga escapar.

Arnês tipo norueguês

Podemos dizer que são uma mescla de um arnês em “Y” com um Julius. Tem a forma de um Julius, mas tem tiras de nylon como um arnês em “Y”. São rápidos, muito fáceis de colocar, ainda que não sejam populares nos pet shops.

Então, seja qual for o tipo de arnês para cães que você escolher, é importante fazer a escolha certa, para que você e o cachorro desfrutem dos passeios. Além disso, em caso de emergência ou susto, você poderá controlar a situação com mais segurança. Há muitas cores e modelos para escolher.

Recomendados para você