Tudo sobre o aussiedoodle

As raças mistas estão na moda nas últimas décadas. Este híbrido é um dos mais populares.
Tudo sobre o aussiedoodle
Sara González Juárez

Escrito e verificado por a psicóloga Sara González Juárez.

Última atualização: 19 novembro, 2022

Nas últimas décadas, misturar raças para tentar reunir as qualidades positivas de duas delas é uma prática comum de muitos criadores. Esse é o caso do aussiedoodle, a mistura entre um pastor australiano e um poodle, atualmente com o triste título de raça de designer.

Como muitos outros cães, independentemente de sua raça ou mistura, muitos aussiedoodles acabam sendo acolhidos por abrigos e associações. Portanto, se um desses cães entrou em sua vida, você pode querer conhecer todas as suas características para lhe dar a vida que merece. Vamos ver ponto a ponto.

História da raça

Embora as raças mistas existam desde que as próprias raças existem, esses cruzamentos às vezes foram feitos artificial e intencionalmente para capitalizar os pontos fortes de cada progenitor. No caso do aussiedoodle, começou-se a criá-los na década de 1990 na América do Norte.

Portanto, é uma raça jovem, projetada para ser um animal de estimação e para pessoas que têm alguma alergia a cães, já que os poodles não soltam quase nenhum pelo. Além disso, sua natureza sociável e sua inteligência os tornaram populares nos lares, espalhando-se por todo o mundo.

Características físicas do aussiedoodle

Sendo uma raça tão nova, sua aparência física é muito heterogênea devido à própria mistura de raças. Enquanto os poodles são magros, de orelhas caídas, pelos encaracolados e de tamanho variável, os pastores-australianos tendem a ter pelos longos e lisos, peitos mais largos e altura estável.

Pelos cacheados ou ondulados, cauda fofa e olhos cor de mel costumam ser predominantes. Em termos de tamanho, varia entre 25-50 centímetros de altura e 11-35 quilos de peso. A coloração é uma mistura das cores de ambos os pais, dando origem a um cinza básico com manchas de marrom e branco.

O aussiedoodle ou poodle-australiano (como também é conhecido) não é uma raça reconhecida por organizações internacionais.

Temperamento geral

A mistura de caráteres e habilidades psicológicas é outro dos grandes motivos pelos quais esse cruzamento foi feito artificialmente. Os aussiedoodles são cães enérgicos, sociáveis e muito amigáveis, por isso não é de surpreender que sejam bem recebidos nas casas.

Seu instinto de pastor os torna grandes cuidadores, então (com educação adequada de ambos os lados) eles se dão muito bem com os pequenos da casa. Em geral, gostam da companhia de sua família e de passeios que envolvam exercícios, jogos e atividades ao ar livre.

São animais altamente inteligentes, capazes de aprender com grande velocidade e entender facilmente as intenções de seus tutores. Costumam desenvolver um grande apego pelo seu cuidador principal, por isso é conveniente orientar sua educação para que sejam independentes e problemas como ansiedade de separação não apareçam.

Saúde do aussiedoodle

Sendo uma raça que vem diretamente de duas outras que são puras, traz consigo certos problemas congênitos. Os mais importantes são os seguintes:

  • Displasia coxofemoral: esta patologia, mais comum em espécimes grandes, consiste em uma má disposição da articulação coxofemoral, que causa dor ao animal e problemas de mobilidade.
  • Condições oculares: as mais comuns são catarata e atrofia progressiva da retina. Enquanto o primeiro pode ser operado em alguns casos, o segundo é degenerativo e resta apenas o tratamento paliativo.
  • Hipersensibilidade à ivermectina: esta substância é usada como vermífugo, e o aussiedoodle às vezes pode desenvolver uma alergia a ela. Eles também são sensíveis a outros medicamentos, mas em menor grau.
  • Problemas dentários: mais frequentes em espécimes pequenos. O acúmulo de tártaro e a gengivite resultante são os problemas que mais exigem visitas ao veterinário nesses cães.

Conhecer os pais do seu cão será muito útil (ou pelo menos ter conhecimento do seu histórico veterinário) para estar atento aos sinais destas doenças e preveni-las ao máximo. De qualquer forma, contar com o apoio de um veterinário de confiança é necessário para qualquer cão.

Cuidados específicos para esta raça

Possivelmente, os cuidados aos quais você terá que dedicar mais tempo são exercícios e passeios. Esses cães precisam de saídas diárias além de um passeio agradável: o melhor para eles é incluir brincadeiras e desafios físicos. A energia acumulada nesses cães pode facilmente se traduzir em mau comportamento, como quebrar objetos ou ansiedade.

Esses cães geralmente gostam de água, então passeios a lugares onde possam tomar banho serão especialmente enriquecedores.

Por outro lado, seus pelos e orelhas também requerem atenção especial. Como acontece com qualquer cão de orelhas caídas, o aussiedoodle precisa de limpezas frequentes para evitar infecções e outros problemas. A pelagem, quanto mais apertada e densa for, mais atenção precisará, pois tenderá a ficar com dreadlocks e acumular sujeira.

Em suma, se você decidir adotar um aussiedoodle, lembre-se de que o mais importante é cuidar de sua saúde mental e prestar atenção ao aparecimento de qualquer uma das doenças congênitas que ele costuma sofrer. De resto, basta apenas desfrutar da sua maravilhosa companhia.

Pode interessar a você...
As melhores raças de cachorro para crianças
Meus Animais
Leia em Meus Animais
As melhores raças de cachorro para crianças

É muito importante conhecer quais são as melhores raças de cão para crianças antes de escolher um animal de estimação. Não importa a raça, idade ou...


Todas as fontes citadas foram minuciosamente revisadas por nossa equipe para garantir sua qualidade, confiabilidade, atualidade e validade. A bibliografia deste artigo foi considerada confiável e precisa academicamente ou cientificamente.



Os conteúdos de Meus Animais servem para fins informativos. Não substituem o diagnóstico, o aconselhamento ou o tratamento de um profissional. Em caso de dúvida, é recomendável consultar um especialista de confiança.