Você sabia que os cães reconhecem o tom de voz?

· fevereiro 24, 2017

Os cães percebem os sentimentos implícitos no nosso tom de voz. O seu cérebro pode processar o que dizemos, além da intenção e das emoções da voz humana.

Segundo esses estudos, o cachorro sabe como as pessoas se sentem e a sua intenção através das emoções emanadas pelo tom da sua voz. Tudo isso pode ser explicado pelo fato deles nos obedecerem.

Por que eles reconhecem o nosso tom de voz?

cães-entendem-pessoas

Os resultados de diversos estudos mostraram que o processamento da linguagem no cérebro dos cães se divide em dois hemisférios, de uma forma muito parecida com a dos humanos.

Assim como os seres humanos, cada um desses hemisférios cerebrais dos cães é responsável por compreender diversas partes da comunicação. Pode ser a linguagem diretamente compreensível (palavras e frases) ou a linguagem não-verbal (gestos e entonações)

O seguinte passo a ser estudado é se a capacidade de conhecer o nosso tom de voz é produto da sua própria evolução como espécie ou está relacionada à sua domesticação por parte dos humanos.

Dessa forma, os cães compreendem algumas partes da fala dos humanos de forma semelhante à nossa, uma capacidade que foi fundamental durante a história da sua domesticação.

Os donos dos cães sempre acreditaram, em certas ocasiões, que o nosso amigo peludo parece compreender tudo que dizemos. 

O tom de voz, muito além das palavras

Alguns especialistas dizem que os cães reconhecem, inclusive, alguns componentes da conversação, assim como os fonemas nas frases.

No decorrer de uma conversa, as palavras não são tudo. Características como a entonação e as expressões faciais possuem um papel importante na comunicação e diversas partes do cérebro processam esses tons.

O processo de domesticação

Como os cães foram produzindo essa adaptação até conseguirem reconhecer o nosso tom de voz? A domesticação do cão, a capacidade desses animais de responder às ordens dos humanos, possui um papel fundamental na sua adaptação. Mas não se esqueça de que se trata de uma característica comum a várias espécies de mamíferos.

Durante a domesticação do cão, a capacidade desses animais de responder às ordens humanas teve um papel importante na sua adaptação. Mas é importante frisar que se trata de uma característica comum de várias espécies de mamíferos.

Outra peculiaridade é que os cães podem diferenciar se quem está falando é um homem ou uma mulher através da sua voz, como qualquer pessoa faria e, inclusive, dizer exatamente quem está falando.

Diversos pesquisadores consideram que a inteligência dos cães pode ser comparada a de um bebê de dois anos. 

Como foram realizados esses estudos?

Nos testes, a equipe de pesquisadores reproduziu diversas mensagens gravadas e analisou a reação dos animais. Alguns diziam “vem aqui” de forma monótona, sem entonação. Já outros não diziam nada compreensível, mas a entonação estava presente.

Em função do lado para onde o cão apontava, era possível deduzir qual hemisfério cerebral processou antes a informação. Ou seja, quando o cão olhava para a sua esquerda, significava que havia escutado com mais intensidade com o ouvido esquerdo.

Esses resultados foram decisivos para saber que a diferenciação do cérebro desses animais pode ser comparada à de um humano, nesse contexto.

Algumas raças de cães inteligentes

cachorro salva a vida

Embora isso varie de cão para cão, e apesar de cada animal ter elementos diferenciadores no que diz respeito a outros animais, algumas raças são mais “ativas e audazes” que outras.

O rottweiler e o labrador são muito conhecidos pela sua inteligência. Os rottweilers são, muitas vezes, usados para trabalharem na polícia, porque possuem mandíbulas e dentes fortes.

O labrador é um dos cães mais inteligentes do mundo e também uma das raças mais populares. Trata-se de uma raça incrível de cachorro que oferece muitos serviços. A raça se originou da raça terra nova e foi treinada para caçar aves aquáticas.

Com o passar do tempo, os labradores foram sendo treinados para novos trabalhos. Muitos desses cães são usados pelo poder público como detectores de bombas e drogas. Qualquer cão que possa ser treinado para esse tipo de trabalho é definitivamente inteligente.

Os labradores também são usados para o resgate. Muitos são treinados para ajudar os menos capacitados, principalmente os cegos. Os labradores podem ser treinados para guiar um humano sem ter o risco de se distrair com qualquer coisa.