Yorkshire Terrier: um cão pequeno com grande personalidade

O espaço para viver é uma das principais vantagens do Yorkshire Terrier. Ele é um cão muito pequeno e não incomodará os donos. Não tem necessidade de grandes fazendas ou encostas de montanhas para correr. Um pequeno espaço é suficiente para fazer seus exercícios diários.

Outra grande vantagem da raça é que não precisa de grandes quantidades de alimento. Também não necessita de muitos equipamentos para o seu dia a dia ou para o treinamento.

O Yorkshire Terrier e a convivência

yorkshire terrier

Os cães da raça Yorkshire Terrier convivem facilmente com qualquer tipo de pessoa. É um animal confiante, que gosta de compartilhar sua carinhosa forma de ser com qualquer pessoa amável e de bom humor suficiente para passar um tempo com ele. Eles amam seus donos e sua personalidade alegre e generosa facilita a interação com outros cães.

Embora convivam muito bem com animais maiores que eles, devemos estar alertas para possíveis acidentes por causa da diferença de tamanho. Muitos Yorkshire Terrier foram machucados por cachorros de maior tamanho que, de brincadeira, morderam ou pularam em cima deles.

Proteção e guarda

Ele não tem o porte de um cão de guarda, é verdade. Mas o Yorkshire Terrier tentará proteger sua casa e seus familiares. Ele possui a coragem de seus ancestrais Terrier: não tem medo, apesar de sua pequena estatura.

Um Yorkshire Terrier deixará à mostra o seu gênio e energia quando estiver protegendo a casa, o carro ou o jardim de seu proprietário.

Sua personalidade

Os Yorkshire Terrier têm uma grande memória. Amam se divertir e brincadeiras são indispensáveis para eles. Pode ser qualquer tipo de atividade, por mais simples que seja, como brincar de bola, perseguir uma corda, correr atrás de objetos lançados no ar etc.

Graças a sua personalidade extrovertida e brincalhona, os cães dessa raça são ideais tanto para pessoas jovens quanto para os mais velhos.

As crianças e os Yorkshire Terrier são amigos por natureza. Mais uma vez, devemos alertar para o pequeno tamanho desses cães. É preciso ter cuidado com as crianças, que têm tendência a pensar que o cão é um brinquedo e tentarão apertar, arrastar de um lado para o outro etc.

Interiores e exteriores para um cão pequeno

Também são ótimos animais de companhia para pessoas idosasAs gracinhas que eles fazem e suas maneiras delicadas são excelentes para as pessoas que ficam em casa, não importa o motivo.

Os Yorkshire Terrier podem fazer muito exercício dentro de casa, com pequenos passeios pelo jardim ou quintal. São excelentes para quem mora em apartamentos pequenos ou que não saem muito de casa.

Porém, mesmo não necessitando, ficam muito entusiasmados com seus passeios ao ar livre. Eles adoram brincar com a grama e cavar a terra.

Convívio em família

Os Yorkshire Terrier têm um sentido familiar muito grande. Sabem, por instinto, quem chega antes em casa e também percebem quando alguém chegou tarde ou não está em casa. Se os seus entes queridos não voltaram, o cãozinho não dormirá.

É importante ressaltar que não é preciso fazer mais caprichos do que o necessário, por maior que seja o carinho pelo nosso mascote. Um cão mimado, não importa a raça, não oferece uma boa convivência.

O Yorkshire Terrier tem personalidade e determinação. Se ele percebe que você fará todas as vontades dele, com certeza se transformará em um cão teimoso.

Os cuidados

yorkshire

Os cães da raça Yorkshire Terrier têm a tendência de desenvolver alguns problemas oculares hereditários. Entre os mais comuns, estão catarata, atrofia progressiva de retina, queratoconjuntivite seca ou ceratite ulcerativa.

A Síndrome de Legg-Calvé-Perthes, que se observa frequentemente nos Yorkshire Terrier jovens, é comum nessa raça. Ela causa degeneração da articulação do quadril, como resultado do colapso da cabeça do fêmur.

O Yorkshire Terrier é um cão saudável e de fácil adaptação. Com uma boa higiene, banhos, higiene bucal, desparasitação e cuidados necessários para seus pelos, será um excelente companheiro de quarto e parte da família.