5 cuidados básicos com uma iguana de estimação

· outubro 15, 2018
Como espécie exótica, requer condições muito específicas em termos de ambiente, temperatura, higiene e alimentação.

Quando adotamos animais de estimação que não são tão comuns, ou mesmo exóticos, é normal termos muitas dúvidas em relação aos seus cuidados. Por exemplo, os cuidados básicos com uma iguana são desconhecidos para muitos. Se você vai adotar uma ou apenas tem curiosidade, nós falaremos sobre eles.

Você pode ter uma iguana como animal de estimação?

Sim e não. Por que dizemos isso? Porque tudo vai depender das leis que existem em seu país. Há alguns anos, ter uma iguana como animal de estimação era muito mais fácil, mas hoje elas são uma espécie em extinção e a legislação dita regras a esse respeito.

Mesmo assim, pense que uma iguana será um animal de estimação peculiar e que não terá o mesmo comportamento de um cachorro ou de um gato; além de ser um animal agressivo e que você terá que ter cuidados especiais em diferentes situações. 

Mas se ainda assim, você puder e decidir ter uma, a informação que vem a seguir será do seu interesse.

Os cuidados básicos com uma iguana

O ambiente propício

Uma das questões mais importantes quando se trata de ter uma iguana como animal de estimação é a temperatura e o clima.

Elas precisam de uma boa iluminação do espectro B ultravioleta, que forneça vitamina D e permitia a absorção de cálcio e de outros nutrientes necessários à vida.

iguanas

Embora esta luz deva envolver todo o terrário, você terá que colocar uma no lugar onde o animal passa a maior parte do tempo dormindo. 

No que tem a ver com o terrário, ele deve ser grande o suficiente para que a iguana possa se deitar e se virar.

Calor

Os cuidados básicos com uma iguana incluem atenção a temperatura.

Além de serem animais que vivem em climas temperados, as iguanas são animais de sangue frio, por isso precisam de uma fonte externa de calor para regular a temperatura do corpo.

O terrário deve manter uma temperatura média de 30°C durante o dia e cerca de 25°C durante a noite.

As luzes artificiais e o calor não podem substituir o sol; por isso o terrário deve ser colocado em um local onde os raios de sol o atinjam. 

Se a iguana ainda é um filhote, a temperatura deve estar em torno de 35 graus e as luzes terão que ser desligadas à noite para que ela possa completar seu ciclo de sono.

Alimentação

Apesar de sua aparência reptiliana, as iguanas são vegetarianas.

Embora muitos pensem que a ração para gatos é adequada para elas, isso é um erro; porque esse tipo de alimento não fornece os nutrientes necessários.

alimentação da iguana

Muitos desses alimentos carregam pedaços de carne ou peixe, e dar esses produtos a uma iguana só criaria em seu corpo um excesso de proteínas que poderia causar problemas.

Sua dieta deve basear-se em frutas e vegetais crus

As frutas você terá que oferecer com moderação, por seu teor de açúcar; o recomendável é uma vez por semana.

Se você quiser complementar sua dieta, pode adicionar ração para iguanas, que você pode encontrar em lojas especializadas.

Suplementos

Embora tenha a iluminação, a temperatura e o alimento correto disponível, é provável que sua iguana não receba os nutrientes necessários. 

Um suplemento vitamínico para iguanas pode acabar com este problema.

Lembre-se de não dar vitaminas de seres humanos, e que nas lojas você pode encontrar vários produtos especializados para iguanas.

Higiene

A iguana é um animal muito limpo, então você precisará lavar seus recipientes toda vez que colocar água e comida, e limpar seu terrário pelo menos uma ou duas vezes por semana. 

Lembre-se de não usar produtos de limpeza muito fortes: basta um pouco de detergente e água.

No terrário você terá que colocar uma base de substrato no chão, que você também terá que trocar regularmente para manter o ambiente fresco e limpo.

Se você decidiu ter uma iguana como animal de estimação, siga estes passos simples em relação aos cuidados básicos com uma iguana para dar qualidade ao seu animal de estimação.

Lembre-se de que, não importa que animal você tenha como companheiro de vida e de casa, um animal é sempre uma responsabilidade