8 dicas para cuidar de um animal de estimação com segurança

março 18, 2019
Para cuidar de um animal de estimação com segurança, é preciso levar em conta que os acidentes não ocorrem apenas ao sair de casa, mas também dentro do ambiente doméstico.

Ter um animal em casa faz com que seja necessário cumprir com certas obrigações. Desta maneira, nosso melhor amigo estará sempre bem cuidado e mimado. Neste artigo vamos compartilhar algumas dicas e conselhos sobre como cuidar de um animal de estimação com segurança, seja em casa, durante uma viagem ou na rua.

Como cuidar de um animal de estimação com segurança em casa

Não há dúvida de que um lar com um cão ou gato é diferente de uma casa em que não há animais. Eles são muito importantes para as nossas vidas porque nos oferecem carinho, proteção e amor incondicional.

No entanto, também é verdade que, como donos, temos certas obrigações com estes seres maravilhosos.

Muito além de alimentá-los, levá-los para passear e levá-los ao veterinário uma vez por ano, existem outras medidas para cuidar de um animal de estimação com segurança em casa. Estas são algumas recomendações:

1. Não deixe objetos perigosos ao alcance

É preciso entender que um animal é como uma criança pequena, que não sabe quais são os perigos nem possíveis acidentes que pode sofrer dentro de casa.

Portanto, recomendamos que não deixe fios, produtos de limpeza, elementos cortantes, plantas tóxicas e nem objetos de vidro ou porcelana ao seu alcance.

Cachorro mordendo brinquedo

2. Escolha “casas” seguras para eles

Tudo depende do tipo de animal que você tem, mas aconselhamos que seu local de permanência seja sólido, do tamanho correto para o animal e, principalmente, confortável.

Tanto as jaulas quanto os terrários ou aquários devem ser colocados longe de janelas, aquecedores, correntes de ar ou ar condicionado.

3. Proteja as varandas e escadas

Se você vai permitir que seu animal tenha acesso ao exterior (por exemplo, a uma varanda), será preciso instalar algum sistema que evite que ele caia ou ultrapasse os limites. Alguns donos optam por colocar um cercado, enquanto outros preferem as redes.

Cães descansando na varanda

Algo similar ocorre com as escadas, pois para subir eles não costumam ter problemas, mas para descer sim. Além disso, os filhotes de cães e gatos são muito curiosos e vão querer saber o que há no andar de cima de casa.

4. Instale sistemas de incêndio e alarmes

Não importa se você passa o dia todo fora de casa ou se vai sair por alguns instantes. Os acidentes podem ocorrer a qualquer momento, e é preciso agir o mais cedo possível. Muitas pessoas decidem instalar um detector de incêndio que avisa o dono de forma remota.

Caso você queira instalar um alarme, é preciso escolher um adaptado para lares com animais. Dessa maneira, evitará que ele se ative quando o bichinho se mover de um cômodo a outro.

5. Instale câmeras

Talvez pareça um conselho exagerado para cuidar de um animal de estimação com segurança, mas a verdade é que a câmera pode ajudá-lo a comprovar que seu bichinho está bem na sua ausência.

Alguns sistemas nos permitem ver pelo celular o que está acontecendo em casa enquanto não estamos.

Dicas para cuidar do seu animal de estimação fora de casa

Não é preciso ter cuidado somente em casa, mas também quando você sai para passear no parque ou faz uma viagem de carro durante as férias. Preste atenção nestes conselhos:

1. Coloque um chip

Se por algum motivo seu cachorro escapar ou sair correndo para perseguir outro cão, será mais fácil encontrá-lo se ele tiver um microchip instalado. Este dispositivo é colocado pelo veterinário e não causa dor no animal.

Microchip para cães

2. Use sempre a coleira

Ainda que seu animal seja bem treinado e se comporte muito bem na rua, você nunca sabe em que momento ele poderá encontrar algo que o levará a desobedecê-lo. Pode ser uma fêmea no cio, um gato ou o som de um carro.

Cachorro com coleira

Para cuidar de um animal de estimação com segurança, é preciso acostumá-lo a sair de casa somente com a coleira, sem puxar e sem querer ir mais à frente do que você.

Você pode, se quiser, comprar uma coleira extensível para dar um pouco de liberdade, sem deixar de monitorar seu amigo fiel.

3. Cuidado no carro

Se você vai sair de férias com seu cão, não permita que ele coloque a cabeça para fora da janela, não o tire o carro sem a coleira e não o deixe solto na praia, na montanha ou no campo.

Cachorro com a cabeça para fora no carro

Com estes conselhos, você poderá reduzir as chances de que seu animal de estimação sofra algum acidente, se perca ou se machuque.

  • Carazo, D. (2011). Revista para propietarios de mascotas. Vet and Pet.