Como exercitar seu cão corretamente

· maio 28, 2018
Com vários passeios e atividades diárias que estimulem seu instinto de caça -rastreio- e o comportamento em grupo, interagindo com os cães que morem no bairro ou que estejam no parque que você frequenta.

Você pode ter notado que seu animal de estimação não está fazendo todo o exercício que deveria em sua rotina diária. Você tem que exercitar seu cão corretamente, especialmente se vocês moram em um espaço limitado, como uma casa ou um apartamento.

Caminhar ao ar livre de vez em quando é muito importante, não só para o bem-estar físico de seu pet, mas também para seu bem-estar mental.

Por que você deve exercitar seu cão corretamente

Independentemente do tamanho e da raça de seu cão, cada animal precisa de uma certa quantidade de exercícios por dia para canalizar toda a energia que possuem e, também, para se manterem em forma. Os cães, além disso, são animais sociais que apreciam a companhia de outros cães. Como nós, nossos animais se relacionam e criam laços e rotinas que lhes permitem ter uma certa estabilidade.

Mulher correndo com cão

Se você decidiu ter um cão sem realmente pensar se você tem o tempo e os recursos necessários para ter um estilo de vida saudável, é provável que, depois de um tempo, comece a notar as consequências dessa negligência tanto fisicamente quanto mentalmente em seu cãoSe você não exercitar seu cão o suficiente, poderá ocorrer:

  • diminuição da massa muscular resultante de um estilo de vida sedentário que afeta tanto a sua forma física quanto a sua mobilidade.
  • Um aumento de peso, também derivado de um estilo de vida sedentário, que tem múltiplos efeitos adversos na saúde do seu cão. Um animal com obesidade enfrenta problemas cardíacos, respiratórios e de mobilidade, que acabam transformando seu animal de estimação em uma sombra do que ele era. Os cães não sabem como regular o apetite, o que os leva a comer até se cansarem, se o dono assim permitir.
  • Emocionalmente, um cão que passa muito tempo só experimenta mudanças de humor e de personalidade. Cães mais dependentes tendem a experimentar ansiedade por separação e sofrem enquanto estão sozinhos em casa, sem fazer nada. Para cães de natureza mais dominante ou atlética, a falta de atividade leva-os a apresentar comportamentos autodestrutivos que os levarão a destruir a casa como uma forma de autoagressão.

Se você se preocupa com a saúde de seu cão, você deverá ajudá-lo a fazer o exercício que ele precisa para ser saudável e feliz. As consequências de manter um cão inativo, como acabamos de ver, prejudicam sua forma física e o colocam em uma situação de risco, que poderá até fazer com que você queira se livrar de seu animal, contribuindo assim para a superlotação dos canis.

Corrida com cão

Possíveis atividades para exercitar seu animal de estimação

Recomenda-se que os cães façam entre 30 minutos e 2 horas de exercícios diários. O mais conveniente é que os passeios ou atividades sejam distribuídos ao longo do dia, o que permitirá que seu animal de estimação faça suas necessidades cada vez que sair de casa.

Agora que você já sabe como o exercício é importante para o seu pet, vamos examinar uma lista de possíveis atividades que permitirão a você exercitar seu cão corretamente:

  • Uma das brincadeiras mais comuns e mais satisfatórias para qualquer cão que se preze é apanhar paus, bolas ou qualquer outro objeto jogado para eles pelo dono. Além disso, você pode incorporar seu animal de estimação à sua rotina e correr com ele, desde que esteja suficientemente treinado.
  • instinto de caça dos cães é mais desenvolvido em alguns do que em outros, mas se há algo que todos eles adoram é o rastreamentoVocê pode brincar com ele em casa. Esconda seu prato de comida ou coloque guloseimas e prêmios em locais de difícil acesso. Esta é uma boa maneira de estimular mentalmente o seu cão, algo tão importante quanto a estimulação física.
  • Outro instinto que devemos aprender a entender e estimular é o comportamento de grupo. Na mente de seu cão, o chefe da matilha sempre será seu dono. No entanto, os cães podem estabelecer outras hierarquias com outros animais, como com os cães que eles conhecem no parque ou na vizinhança, o que lhes permitirá criar laços e fazer amizades.