Como se preparar para o parto de uma gata

· fevereiro 8, 2019

Primeiro que tudo, deve ser levado em conta que a gravidez de uma gata dura apenas 65 dias (pouco mais de dois meses). Dessa forma, é aconselhável você se programar para ter todo o necessário no momento do nascimento dos filhotes.

Se sua gata estiver prestes a dar à luz, é muito importante se preparar com antecedência. Portanto, neste artigo, daremos algumas dicas para que você possa ajudar no momento do parto.

Passos para ajudar no nascimento de um gato

É verdade que a natureza “é sábia” e os animais sabem muito bem como se virar sozinhos, na maioria dos casos. No que diz respeito ao parto de uma gata, a menos que haja complicações, devemos deixá-la dar a luz sozinha.

No entanto, há coisas que podemos fazer para tornar esse momento o menos traumático possível.

1. Calcular a data do nascimento

Depois de ter confirmado que sua gata está grávida levando-a ao veterinário, o próximo passo é calcular quando, aproximadamente, ocorrerá o parto.

A gestação dos gatos domésticos é de aproximadamente 65 dias. Portanto, marque no calendário alguns dias antes para preparar tudo.

2. Ofereça um ‘ninho’

Para que o nascimento ocorra de forma prazerosa para a fêmea, é imprescindível que ela tenha um local de refúgio.

Esse local deve ser aconchegante, seguro, calmo e acolhedor. Alguns dias antes, você perceberá que ela vai querer entrar em qualquer lugar. Por isso, não ache estranho vê-la dentro de um armário ou guarda-roupa.

Gata grávida

Os melhores lugares para seu gato ter filhotes são no banheiro ou na área de serviço. Mas, certifique-se de que é um lugar onde ninguém a incomodará, incluindo cães ou crianças, pois será melhor se esse ambiente da casa não tiver muito fluxo de pessoas.

3. Construa um berço

Uma caixa de papelão com jornal, toalhas e cobertores velhos é o melhor lugar para o nascimento dos gatos. A mãe precisa estar confortável e aquecida o tempo todo, e esses materiais são perfeitos.

Tenha em mente que os elementos escolhidos devem ser limpos e não ter odor muito forte. Isso porque, no nascimento, os filhotes reconhecem sua mãe através do olfato.

Alguns donos de gatos com raças pelos longos, como Angorá, Norueguês da Floresta ou Himalaio, geralmente optam por raspar os pelos em volta da área genital.

Além disso, também é interessante raspar em volta dos mamilos, para que os filhotes possam se alimentar. No entanto, antes, verifique com o veterinário se isso é possível.

4. Dê comida e água

Alimentação e hidratação não podem faltar nas proximidades do ninho. Lembre-se de trocar a água diariamente e evitar deixá-la muito perto da caixa de papelão. Assim, caso a gata derrube sem querer, não estragará seu ninho.

Gato comendo ração úmida

Quanto à sua comida, nas lojas você pode obter rações especiais para gatas grávidas, ou escolher uma de muito boa qualidade, cheia de nutrientes.

5. Mantenha distância

No parto de uma gata, ela precisará de tranquilidade e estar sozinha. Entretanto, um pouco de ajuda extra, especialmente se houver complicações, não fará mal.

Recomendamos que você tenha cobertores ou toalhas limpas e secas, se necessário. Além disso, obviamente, deixe o celular por perto, caso precise chamar o veterinário.

6. Preste atenção aos sinais da gata

Durante o nascimento, haverá sinais inequívocos do que está acontecendo. Em geral, o trabalho de parto leva entre 12 e 24 horas. Poucas horas antes, ela começará a se lamber excessivamente (principalmente na vulva).

Além disso, ficará ofegante, não vai querer comer e miará de forma intensa. Em seguida, irá se esconder em seu ninho.

7. Vigie o nascimento

Se você levou sua gata ao veterinário e eles fizeram um ultrassom, certamente saberá quantos gatinhos ela dará à luz. Preste muita atenção ao número de filhotes e analise o estado de cada um, sempre a distância.

Você deve evitar algumas complicações. Por exemplo, se perceber que a gata está fazendo força por mais de meia hora e nenhum filhote saiu, ou, se após o nascimento de alguns gatinhos, a gatinha continua inquieta, vá ao veterinário.