Conheça as diferentes expressões faciais dos gatos e saiba o que elas significam

Os gatos são considerados animais inexpressivos e misteriosos. Enquanto que um cão é capaz de nos dizer o que sente a todo momento através dos movimentos rabo ou outro tipo de linguagem corporal, os felinos são um pouco mais difíceis de entender. No entanto, suas expressões faciais e gestos podem nos dizer muito. Você gostaria de saber o que significam? Vamos estudar as expressões faciais dos gatos.

Por que é importante interpretar as expressões faciais dos gatos?

É muito simples: pois esse é o seu jeito de se comunicar. Devido à incapacidade de falar, os gatos utilizam posturas e expressões faciais para nos dizer como se sentem.

Embora os gatos pareçam totalmente inexpressivos, o rosto deles pode revelar muitas coisas. Não é suficiente observar seu rosto, temos que observar também suas pupilas, suas orelhas e seus bigodes.

Estas são as expressões faciais mais comuns apresentadas pelos gatos

Sem mais delongas, vamos aprender a observar o nosso gato e a diferenciar quais sentimentos ou sensações ele está experimentado.

Um gato em estado de relaxamento

Quando um gato está relaxado é fácil de diferenciar, porque a cabeça dele estará apoiada sobre uma superfície ou sobre suas patas dianteiras. Normalmente, ele ficará com os olhos meio fechados e suas pupilas estarão dilatadas e relaxadas.

As suas orelhas e bigodes ficarão em posição normal e é possível que, além disso, ele ronrone de leve.

Gato em estado de alerta

Essa expressão facial pode ser confundida com a do gato interessado em alguma coisa. A cabeça dele se moverá lentamente para um lado e suas pupilas ficarão quase normais, embora fique com os olhos muito abertos.

Os bigodes ficam apontando um pouco para trás. Caso ele esteja um pouco tenso, é possível que comece a miar.

Um gato tenso

Quando um gato está tenso, sua cabeça fica grudada ao corpo, parecendo que seu pescoço diminuiu. Geralmente, ele não mexe a cabeça e os olhos ficam bem abertos e parecem estar juntos por causa da tensão.

Suas pupilas se dilatam, mas não em excesso.

Um gato estressado

Quando um gato está estressado, coisa que pode acontecer muito facilmente se você mudar as rotinas dele, ele fica cabisbaixo e suas pupilas crescem ao máximo.

Um gato estressado pode se tornar agressivo e, inclusive, atacar outros felinos ou animais de estimação da casa. Normalmente, não ronrona ou fica em silêncio, ou mia em tom de vítima.

Um gato com medo

Existem muitas coisas que assustam os gatos, por isso que essa expressão fácil pode ser uma que você mais veja em seu felino.

Seus olhos se abrirão e suas pupilas se dilatarão por completo. Suas orelhas ficarão abaixadas e ele buscará o seu colo ou um lugar onde se esconder.

Expressão facial de um gato que se sente diante de uma ameaça

Os gatos acreditam naquela famosa frase “não há melhor defesa do que um bom ataque”. Assim, um felino que sentir que algo o ameaça vai responder de forma agressiva. A expressão facial dele mostrará cara de poucos amigos, suas orelhas ficarão em linha reta para os lados e ele tentará atacar.

Suas pupilas e seus olhos ficarão muito abertos.

Conhecer as diferentes expressões faciais do nosso gato pode nos ajudar a conhecê-lo melhor e a evitar situações que o incomodem ou lhe causem medo.

Observar nosso bichano é a chave para entender a linguagem que ele quer usar para se comunicar conosco, e isso favorecerá para a boa convivência entre ambos. Por mais que tentemos fazer com que entendam a nossa linguagem e que nos transmitam o que sentem, essa é a única forma que têm para fazer isso.

Dedique um tempo para observar o seu gato e se tornar capaz de entendê-lo melhor e de saber por que reage de uma forma ou de outra diante de diversas situações. Valerá muito a pena o tempo que você investir nisso. E com essas dicas que te demos, agora tudo ficará ainda mais fácil.

Recomendados para você