Diarreia em cães idosos: como agir

junho 26, 2018
Caso ela seja acompanhada de sintomas mais graves, como vômitos, sangramento e perda de peso, devemos levar nosso animal de estimação ao veterinário.

Os problemas intestinais são comuns nos animais mais velhos, especialmente a diarreia em cães idosos. As causas da diarreia nos animais de idade avançada costumam ser bem diferentes do que nos cachorros mais jovens.

O objetivo deste texto é explicar como você deve agir apenas no caso de diarreias leves. Caso ela seja acompanhada de sintomas mais graves, como vômitos, sangramento e perda de peso, devemos levar o nosso animal de estimação ao veterinário.

Diarreia em cães idosos: quais são as causas?

A diarreia em cães idosos pode ser aguda ou crônica. Os casos agudos duram apenas alguns dias e às vezes podem ser caudados pela alimentação inadequada. As diarreias crônicas, por sua vez, são aquelas que duram várias semanas.

Em relação à diarreia em cães idosos, devemos considerar que estes animais possuem necessidades nutricionais distintas dos mais jovens. Muitas vezes, a adoção de uma ração de qualidade e adaptada a idade do nosso peludo pode resolver o problema.

Em algumas situações, a própria mudança de ração pode ser a causa da diarreia em cães idosos. Portanto, é fundamental saber como mudar a ração do seu cão para não desencadear diarreias indesejadas.

Diarreia em cães idosos: como agir

As diarreias em cães idosos raramente são causadas por infecções viriais. Já as infecções parasitárias, embora menos comuns que em filhotes, não podem ser descartadas. Verifique a vermifugação do seu animal de estimação para se certificar de que esta não é a causa.

Embora cães idosos não costumem ser tão ansiosos quanto filhotes, talvez o seu peludo seja daqueles que comem e bebem tudo o que encontram pelo caminho. Uma opção para descobrir a origem da diarreia é impedir que o animal beba de poças ou cheire lixo e fezes de outros cães.

Diarreia em cães idosos: quando ir ao veterinário?

Em algumas ocasiões, pode ser interessante usar remédios caseiros que sejam seguros para os nossos bichos. Entretanto, a maioria das doenças não se curam com artigos de internet, mas sim com a ajuda de um veterinário.

Se a diarreia é acompanhada de sangramento, devemos consultar um veterinário o mais rápido possível.

Diarreia em cães idosos: como agir

Talvez a diarreia esteja acompanhada de vômitos. Caso isso aconteça, é importante levar o cão ao veterinário. O mesmo deverá ser feito caso ele deixe de se alimentar ou aparentemente sofra de dores no intestino.

Diarreia em cães idosos: remédios caseiros

Em caso de diarreias leves, nosso cão deve beber bastante água para recupera o líquido perdido. Além disso, é recomendado fazer jejum de um dia, para que o estômago se recupere, mas apenas se ele estiver se alimentando normalmente,

Existem certos alimentos que um cão com diarreia deve comer. Também é possível usar probióticos ou fornecer alimentos como: iogurte natural e kefir. Eles possuem probióticos naturais, mas devem ser consumidos em pequenas quantidades.

Caso o animal não se recupere em alguns dias, pode ser sinal de que algo mais grave que uma simples indigestão ou intoxicação ocorre. Nesse caso, a visita ao veterinário é urgente: a saúde de seu bicho de estimação é primordial.

É importante lembar que, embora a diarreia possa ser causada por indigestões ou problemas estomacais, a diarreia em cães idosos também pode ser um dos sintomas de alguma doença grave, como uma infecções viral ou bacteriana ou, até mesmo, de algum tumor. Por isso, não ignore os primeiros sinais desse problema e fique de olho em seu amigo de quatro patas.