Dicas para levar seu cão a uma competição

março 5, 2019
Ir com o seu cão para uma competição, seja qual for o tipo, nem sempre é fácil. Ele precisa de um treinamento prévio.

Competições esportivas e exposições de cães geralmente são muito interessantes. Mas antes de decidir levar o seu cão para uma competição, é necessário saber que a preparação para estes eventos requer muito trabalho e dedicação, assim como investimento financeiro.

Aqui estão algumas dicas para ajudar você a levar seu cão a uma competição.

Passos básicos para levar seu cão a uma competição

Para participar com o seu cão em um evento para cães, será necessário atender a determinadas condições e requisitos básicos para confirmar seu registro.

Estas são as etapas básicas para registrar seu peludo em uma exposição ou competição:

  1. Participar de diferentes competições

Atualmente, podemos encontrar muitas fotos e informações sobre eventos caninos na Internet. No entanto, nada substitui a experiência real de assistir a uma competição e observar todos os detalhes antes de levar o seu cão a um evento.

Hoje, há muitos concursos caninos, desde concursos de beleza até competições esportivas. Ao testemunhar cada evento, é possível conhecer os requisitos da sua proposta e participação, os critérios do júri e entrar em contato com outros concorrentes mais experientes.

Isso permitirá que você escolha as competições mais adequadas para o seu peludo.

Também recomendamos ir ao clube organizador, onde são oferecidas informações sobre como se registrar e preparar seu cão.

Muitas vezes, os próprios clubes oferecem aulas de treinamento para donos de primeira viagem e seus pets.

  1. Cumprir os requisitos para participação e registro

Depois de decidir sobre a competição ideal para registrar seu cão, será necessário garantir sua qualificação para tal evento.

Para isso, a primeira coisa é ler com muita atenção os requisitos para inscrição e participação no evento, para garantir que todos sejam cumpridos.

cão em competição esportiva

Nos eventos do AKC (“American Kennel Club” ), por exemplo, apenas cães com idade superior a 6 meses podem participar.

No entanto, os critérios e condições são muito variáveis, ​​dependendo do objetivo e do organizador de cada competição.

Além disso, os esportes caninos reconhecidos pela FCI ou por instituições similares, como a “Agility”, têm seus próprios regulamentos internacionais.

Se sua intenção é levar seu cão a uma competição esportiva, também recomendamos que você conheça os regulamentos oficiais desta atividade.

  1. Adquira o equipamento mais adequado para competição

Além de atender aos requisitos de registro, também será essencial ter o equipamento ideal para levar seu cão a uma competição.

Novamente, lembramos que existem muitos tipos de competições caninas, cada uma com seu próprio objetivo e suas próprias regras.

Para ter uma boa experiência, devemos conhecer as regras do evento para adquirir a guia, a coleira ou o peitoral, ou outros acessórios necessários para a ocasião.

Se o seu cão é pequeno e se prepara para uma exposição, uma coleira e uma guia tipos resco serão a melhor escolha. Se for um cão grande, as correias tipo trançadas ou correntes são geralmente preferidas em exposições.

Quando o animal precisa se acostumar ao uso de novos acessórios, devemos começar a adaptá-lo algumas semanas ou até um mês antes do evento.

Lembre-se de que seu melhor amigo deve se sentir confortável durante a competição, para ter assim um ótimo desempenho.

  1. Treine com seu cão antes da competição

competições caninas

Se for uma competição esportiva, seu cão já deve ter sido iniciado corretamente no esporte. Embora não seja uma exigência, as aulas ajudam os cães e tutores iniciantes a se acostumar com a dinâmica das exposições.

Também será essencial aprender a andar com o seu cão, para chegar ao ritmo certo para as exposições.

O mais importante é fazer seu peludo trotar movendo simultaneamente a pata dianteira direita e a pata traseira esquerda. Logicamente, o tutor deverá acompanhar e gerenciar o ritmo e a direção da caminhada.

  1. Faça uma consulta veterinária e respeite os limites do seu melhor amigo

Antes de levar seu cão para uma competição, lembre-se de levá-lo ao veterinário para verificar seu estado de saúde. O ideal é fazer uma consulta preventiva entre dois e sete dias antes do evento.

Com a autorização do veterinário, podemos ter a certeza de participar com segurança de uma competição de cães.

Finalmente, devemos sempre respeitar os limites físicos e mentais de nossos peludos, seja em seu treinamento ou durante a competição.

Se observarmos que o cão apresenta dificuldades físicas para terminar uma prova ou se sente desconfortável durante uma exposição, não devemos forçá-lo.

Lembre-se que o respeito é a chave para estabelecer um vínculo positivo com seu melhor amigo. Além disso, com reforço positivo, pode-se alcançar sempre muito mais.