Grande basset griffon da Vendeia

· maio 17, 2018
O Grande basset griffon da Vendeia combina as qualidades de um grande cão de caça com o comportamento de um cão muito familiar e, embora seja um pouco teimoso, é muito amigável, brincalhão e se dá muito bem com as crianças.

O grande basset griffon da Vendeia é uma raça de cachorro nativo da França, especializado em caçar coelhos e outros animais maiores. Eles são muito famosos no sul da França, onde a caça com espingarda é praticada regularmente.

O Grande basset griffon da Vendeia

Esta espécie surgiu do cruzamento com outras duas raças para criar uma versão menor das anteriores e, assim, servir a propósitos mais específicos. A raça da qual puxou mais características é a “gran basset”.

É um poderoso cão de porte médio, um pouco teimoso, mas muito fiel ao seu mestre. É o companheiro ideal para um caçador com espingarda, capaz de rastrear e derrubar até mesmo uma grande presa, como o javali.

Surgiu em meados do século 19, quando o conde de Elva procurou desenvolver uma raça com patas mais retas e obteve o resultado que se assemelha aos nossos atuais cães. Isso até que Paul Dezamy, em seu hobby por caçar lebres, aperfeiçoou o tamanho da raça, que deu sua aparência atual.

Grande basset griffon da Vendeia

Alguns exemplares dessa raça se dão muito bem como equipe. É por isso que na quinta edição da “Taça dos Campeões Europeus”, um grande grupo de bassets foi o vencedor na caça às lebres.

Aspectos físicos

Esta raça é um pouco maior em relação a outros cachorros, ainda que o que não possui em tamanho seja compensado em energia e habilidade. Tem membros muito densos e um nariz muito poderoso, o que faz com que qualquer animal, mesmo com pele densa, esteja ao seu alcance.

Cabeça

  • O crânio se destaca um pouco no corpo e, além disso, apresenta características ótimas.
  • O focinho é mais longo que o crânio, o que dá à cabeça uma forma quadrada. Os lábios superiores cobrem quase toda a mandíbula inferior. Eles têm bigodes muito grandes.
  • O nariz é notável, com boa pigmentação.
  • Os olhos são de tamanho médio e oval, e nunca apresentam branco; assim, o olhar expressa inteligência e curiosidade.
  • As orelhas são inseridas atrás da cabeça. São grandes, flexíveis e finas, cobertas de pelos compridos.

Corpo

  • Tem o corpo típico de um basset.
  • Eles têm um peito bastante largo e proeminente.
  • O corpo é um pouco alongado e as costelas são um pouco redondas. Suas costas são retas e terminam em arco.
  • A cauda é de alta inserção e começa espessa no início para terminar um pouco mais fina. Eles costumam carregá-la alta, como se fosse uma espada.
  • As extremidades são curtas, mas densas.

Temperamento

O grande basset é um animal bastante cauteloso e está sempre observando e cheirando o chão, onde dará o próximo passo. Além disso, é um animal muito leal ao seu dono, que avisa quando há algo estranho por perto; no entanto, e como contrapartida, ele  pode se tornar muito teimoso para obedecer às ordens.

Grande basset griffon da Vendeia

Como animal de estimação, é um animal que oferece excelente companhia, tem uma personalidade muito amigável e divertida e se dá bem com crianças. Eles precisam de uma boa atividade física para drenar sua energia, caso contrário, começarão a manifestá-la com comportamentos muito negativos, como desobediência e latidos.

Nesse sentido, seu ambiente favorito é o campo, porque lá ele pode correr livremente e perseguir quase tudo, embora também se adapte à vida urbana, se assim for criado desde filhote. A melhor coisa é ter vários cães morando com ele, já que adora estar em grupo.

A melhor maneira de treiná-lo é oferecer uma série de exercícios para manter sua condição física e, assim, acalmá-lo durante o dia. Como um cão adaptado à caça, você deve socializá-lo desde cedo e, da mesma forma, deverá ensiná-lo obediência desde filhote, para evitar problemas futuros.

Saúde e doenças

O grande basset griffon da Vendeia é um cão que não apresenta muitas complicações de saúde. Alguns aspectos mais sérios estão em sua coluna, que pode se desviar com a idade; na pele, que poderá apresentar dermatite, e nos ouvidos, com a perda progressiva da audição.

Além disso, o grande basset não precisa de cuidados muito extremos. Se você tem um exemplar circulando livremente no campo, recomendamos que verifique o seu corpo diariamente, para encontrar parasitas externos que possam ter penetrado em seu pelo.

Sua pelagem é um pouco longa, então você deverá escová-la de duas a três vezes por semana, para remover os pelos mortos; além disso, deverá lhe dar banho a cada duas semanas, para mantê-lo radiante e em boas condições. E como qualquer com qualquer outro cão, recomendamos uma visita mensal ao veterinário, para verificar sua saúde.