Kai: Você conhece essa raça japonesa?

março 7, 2019
Trata-se de uma raça muito completa para tudo – cão doméstico, de guarda ou de caça – por conta de seu caráter e instinto. Esse cão precisa de atividade física para queimar energia.

Existem muitas raças de cães, umas mais conhecidas do que outras. Hoje, vamos falar sobre uma espécie japonesa da qual talvez você ainda não tenha ouvido falar: o Kai, um animal muito peculiar.

O que você precisa saber sobre o Kai

Origem e história 

Sabe-se que essa raça já é conhecida desde cerca de três mil anos atrás, e mesmo que haja especulações de que sua procedência seja chinesa, é mais provável que tenha surgido no Japão. Na verdade, esse é conhecido como um cão regional do distrito de Kai, na ilha de Honshu.

Eles foram usados como cães de caça de javalis e veados durante vários séculos. Esses cães têm uma capacidade incrível para formar matilhas, o que fez com que eles pudessem perpetuar a espécie sem mesclas com cães europeus. Assim, a raça foi preservada de uma maneira pura.

Graças a isso, em 1924, essa raça foi declarada “monumento natural”. Isso, no entanto, não evitou que os Kai fossem quase extintos após a Segunda Guerra Mundial.

No entanto, graças a criadores que se esforçaram para que isso não acontecesse, hoje há um número suficiente de cães desta raça, que segue em alta em muitos países do continente asiático.

Características do Kai

Trata-se de uma raça do tipo spitz, de tamanho médio e proporções harmoniosas. Seus músculos são muito desenvolvidos e sua aparência é bastante robusta.

kai de roupa azul correndo

Geralmente, mede entre 45 e 56 centímetros e pesa de 16 a 18 quilos. Já sua expectativa de vida não passa dos 14 anos, em geral.

Além disso, sua cabeça tem forma de cunha e tem aparência forte. O focinho é pontudo e as orelhas triangulares, eretas e peludas.

O rabo fica curvado sobre o lombo, mas às vezes tem forma de foice. Sobre seu pelo, tem duas camadas, uma externa, que é dura e reta, e outra interna, de cor pálida, que é densa e suave.

Seu pelo pode ter as cores malhado preto, malhado vermelho e malhado branco. No entanto, vale ressaltar que, quando filhotes, nascem de duas cores.

Caráter do Kai

Graças a seu caráter, o Kai é muito adaptável, e não continua sendo usado somente com o fim pelo qual foi criado: a caça.

Na verdade, cada vez mais e mais famílias adotam o Kai como animal de estimação e cão de guarda. Para a caça, esses cães demonstram uma valentia enorme, além de resistirem a temperaturas extremas e se destacarem por serem alertas e audazes.

Como animais de estimação, são carinhosos, vivazes, fieis e muito brincalhões, especialmente com as crianças.

Para os mais jovens, são excelentes companheiros, já que são tolerantes, dóceis e sempre estão alertas para cuidar de seus donos.

Logicamente, por terem sido cães de caça,essa raça precisa de muita atividade física. Então, é preciso saber que, se ficam muito tempo inativos, podem se estressar, tornando-se destrutivos, nervosos e barulhentos.

Saúde e cuidados especiais com o Kai

Na verdade, essa não é uma raça que apresenta muitos problemas de saúde. É preciso ter cuidado apenas com a displasia de quadril, assim como com alguns problemas digestivos hereditários, às vezes.

kai correndo na água

Como já dissemos, o exercício deve fazer parte de sua rotina, já que ele é necessário para que esse cão tenha boa saúde mental.

Ele não deve caminhar apenas para fazer suas necessidades, mas também correr e brincar de um jeito que lhe permita se exercitar e liberar adrenalina.

Além disso, é preciso examinar as orelhas e o pelo, para certificar-se de que não há carrapatos ou parasitas. E, é claro, a escovação diária do pelo é chave para eliminar pelos mortos e prevenir problemas com a pele.

Como curiosidade, vale dizer que essa raça não gosta muito de água. Por isso, sempre que chegar a hora do banho, o Kai vai resistir com todas as suas forças.

Você já pensou em ter um Kai como animal de estimação?