Kiwi, espécie ameaçada

Um kiwi pode ser muitas coisas. Entre elas, um pequeno pássaro do tamanho de uma galinha que não voa e não tem penas.
Kiwi, espécie ameaçada

Última atualização: 14 abril, 2022

O “kiwi” não é uma fruta? Sim, também. Mas ao mesmo tempo é uma ave, além de uma forma de chamar os nativos da Nova Zelândia e o dólar neozelandês. Inclusive, a fruta recebeu esse nome porque foi batizada assim nesse país quando começou a ser comercializada lá, pois é originária da China.

Esse espaço falará especificamente sobre o animal, uma ave fofa e rara que é o símbolo da Nova Zelândia e endêmica desse país. Esse carinha não pode voar, mas é capaz de correr pelo mato. Infelizmente, hoje está em sério perigo e milhares de voluntários estão lutando para que continue existindo.

Características gerais dos kiwis

O kiwi é o único membro atual da família Apterygidae e pertence à ordem Struthioniformes , dentro da qual existem 5 aves endêmicas da Nova Zelândia, país muito famoso por todas as aves que possui. Esse pequena ave é do tamanho de uma galinha e dizem que seu nome vem da língua maori, que é falada pelos indígenas desse lugar.

Em vez de penas, o kiwi tem cerdas macias que se adaptam melhor ao seu ecossistema. É uma criatura noturna com um ótimo olfato, graças aos seus bigodes ao redor do bico.

O kiwi também tem fossas nasais na ponta do seu longo e pontiagudo bico, o que também permite que ele procure comida enterrados no solo. É assim que encontra minhocas, insetos e outros invertebrados.

Na família monogâmica dessa ave, é o macho que choca os ovos em ninhos subterrâneos semelhantes a tocas. Mas nenhum dos pais é responsável por alimentar os filhotes. Quando se desenvolvem o suficiente, eles saem do ninho para procurar seu próprio alimento.

Estado atual

A condição dessa peculiar ave é crítica. Michelle Impey, entrevistada pela National Geographic e diretora da organização Kiwis for Kiwi, diz que a população dessa ave se reduz em cerca de 2% ao ano e dentro de algumas gerações pode desaparecer da Nova Zelândia.

Toda a sua ameaça é porque o kiwi é caçado por vários predadores e é frequentemente atacado por cães, doninhas e furões. Há um século, milhões dessas aves viviam na Nova Zelândia e, desde então, sua população diminuiu para 70 mil aves.

Por causa disso, muitos neozelandeses se ofereceram para resgatar a ave nacional, pois ela também faz parte de sua identidade, tanto que muitas vezes os “neozelandeses” são chamados de “kiwis”.

É assim que cerca de 85 organizações trabalham na Nova Zelândia para conservar a população dessa peculiar ave que é um símbolo de identificação para as pessoas desse país desde os tempos antigos. Entre as ações está o controle de predadores, o controle de cães e o uso de chips para vigiar os kiwis.

A maioria dos neozelandeses nunca viu um kiwi em estado selvagem. No entanto, a ave continua a ser o símbolo que melhor representa esse país e todos trabalham na esperança de conservar essa bela e única ave.

This might interest you...
Conheça o kiwi, um pássaro que não voa
Meus Animais
Leia em Meus Animais
Conheça o kiwi, um pássaro que não voa

O kiwi é um pássaro que não voa e que tem penas que parecem pelos. Além disso, não tem cauda, ​​mas sim bigodes. Seu bico é longo e fino.