O câncer pode ser prevenido nos cachorros?

· abril 25, 2017

O câncer é uma doença que não perdoa sequer nossos animais de estimação. No entanto, da mesma forma que acontece conosco, existem coisas que podem ser feitas para prevenir que essa doença mortal ataque os nossos melhores amigos.

Ver alguém que você ama se desfazer pouco a pouco, enquanto a morte corre atrás dele para levá-lo é uma das piores, para não dizer a pior, experiência que uma pessoa pode ter na vida.

Prevenções contra o câncer canino

Estas são algumas das coisas que você pode fazer para evitar que seu animal de estimação desenvolva câncer. Obviamente, com certeza, essa doença nem sempre poderá ser evitada, mas, como diz o ditado, “melhor prevenir do que remediar”.

Evite aplicar vacinas que ele não precisa

Embora você não acredite nisso, existem vacinas que podem desenvolver câncer; a Universidade de Purdue, nos Estados Unidos, está convencida disso, e, então, começou alguns estudos que atestaram esse fato. Esclareceu que alguns componentes que essas vacinas contêm podem causar problemas ao sistema imune de nosso animal de estimação.

Portanto, vacine o seu animal de estimação apenas se:

  • A vacina for obrigatória por lei
  • For necessária para prevenir ameaças
  • Você tiver averiguado sobre os benefícios e prejuízos que a vacina poderia trazer para o seu animal de estimação e o seu veterinário tiver garantido que fará bem para ele

Se o seu animal de estimação acaba de sofrer de uma doença, fale com seu veterinário para que ele garanta se o processo de vacinação poderia ser postergado um pouco até que o animal de recupere. Uma vacina freia o sistema autoimune e a doença diminuiu as defesas dele. Ambas coisas unidas tornariam o seu cachorro um alvo fácil para o câncer.

Faça a castração em seu cachorro quando chegar o momento

Alguns tipos de câncer podem ser prevenidos se o cachorro for castrado. Lembre-se do caso de Angelina Jolie. Ela decidiu retirar os seios devido porque vários membros de sua família morreram de câncer de mama.

Extirpar a área propensa ao câncer evitará que a pessoa o tenha. Portanto, devido ao fato de que muitos cães sofrem de câncer na região genital deles, castrá-los quando o veterinário garantir a você que seja o momento certo é uma das melhores prevenções.

Tenha cuidado com os produtos químicos

A mesma universidade da qual falamos no começo do artigo demonstrou que os cães que estavam expostos a produtos químicos para o tratamento da grama estão muito mais expostos e são muito mais propensos a desenvolver câncer.

Isso se refere aos tratamentos químicos para pulgas e carrapatos. Lembre-se de que existem remédios caseiros e produtos ecológicos, que, embora sejam mais caros, podem salvar a vida de seu bichinho.

Tome cuidado com a contaminação da sua casa

Os produtos de limpeza, como desinfetantes, inseticidas para mosquitos, formigas e demais insetos, e, inclusive, fumar dentro de casa, pode fazer com que seu cão desenvolva câncer.

Tanto os químicos quanto a fumaça podem lhes afetar da mesma maneira que a nós.

Ajude o seu cachorro a ter uma vida saudável

Dizem que não existe melhor defesa que um bom ataque. Manter o seu cão saudável ajudará na luta contra o câncer. Como é possível fazer isso? Através de uma rotina marcada pelo exercício físico e uma dieta adequada.

Comprar alimentos e guloseimas de uma boa marca é importante, pois possuem mais qualidade e não levam componentes químicos desnecessários.

Evite o estresse

O estresse acelera o trabalho do fígado. Um trabalho excessivo desse órgão faz com que sejam geradas substâncias químicas no organismo que abrem as portas do corpo ao câncer. Isso poderia produzir tumores.

Esse é um tema muito debatido e que gerou muita controvérsia, entretanto, o estresse não é bom para ninguém, inclusive para o nosso animal de estimação.

Se você levar em consideração esses conselhos, poderá ter um cachorro mais saudável e feliz. Queremos enfatizar que segui-los não garante que se possa evitar o câncer totalmente, mas existem muitas possibilidades de que você consiga isso.