Pelado mexicano: tudo que você precisa saber sobre esta raça

setembro 25, 2019
O pelado mexicano é um canídeo com milhares de anos de história.

O pelado mexicano, também conhecido como xoloitzcuintle, é um cão cuja origem remonta ao antigo Império Asteca.

Origem do pelado mexicano

O vocábulo xoloitzcuintle origina-se do termo náhuatl xólotl, que significa estranho, deformado, escravo, bufão. A palavra itzcuintli significa cão.

Na mitologia mexicana, Xolotl era o deus da transformação, da escuridão, do desconhecido, do monstruoso e da morte. Ele era considerado o irmão gêmeo do deus Quetzalcóatl, que representava a vida, a luz e o conhecimento.

Isso já dá uma ideia de quão antiga é essa raça, cujo nome está associado a deuses mitológicos. O pelado mexicano é uma das raças mais antigas do mundo: acredita-se que tenha mais de 7000 anos de história e que sua domesticação tenha começado há uns 5500 anos.

Origem do xoloitzcuintle

Esse cão era considerado um animal sagrado, e os antigos habitantes do México o caçavam por sua carne, principalmente para banquetes de casamentos e funerais.

Durante a colonização europeia, ele esteve a ponto de desaparecer. Eram eliminados com o objetivo de erradicar as tradições religiosas com animais, consideradas pagãs. Felizmente, populações desses cães fugiram para outras regiões e o seu número se recuperou até a atualidade.

Artistas como Frida Kahlo e Diego Rivera resgataram a imagem desse cão e chegaram a tê-lo como animal de estimação, e o representavam em seus quadros. Em 2016, o xoloitzcuintle foi declarado patrimônio cultural e símbolo da Cidade do México.

Um cão sem pelos?

Sim, de fato, essa raça carece de pelo, e a sua pele é suave e lisa, com alguns tufos soltos, por exemplo, na cabeça.

Pode ser de cor preta, cinza, vermelha, arroxeada, acobreada e aloirada. Apresentam-se em três tamanhos diferentes: miniatura, médio e padrão. O tipo padrão é um cão mediano com uns 46-60 centímetros. Além disso, apresenta um corpo muito proporcional, o peito é amplo e as patas e o rabo são longos.

Cão da raça pelado mexicano

O gene que produz a ausência de pelo é dominante. De una ninhada de cães sem pelos podem nascer alguns filhotes com pelos devido a um gene recessivo. Esses cruzamentos mantêm a variedade genética da raça.

Como curiosidade, a sua temperatura corporal gira em torno dos 40 graus, o que junto à ausência de pelo os converte em perfeitos aquecedores naturais. Também são considerados cães hipoalergênicos, já que, ao carecerem de pelos, não podem causar alergia em personas normalmente alérgicas a cães. Além disso, essa ausência de pelos evita que eles tenham pulgas.

Esses cães são animais tranquilos, alegres e com caráter guardião: sempre estão em alerta. São um pouco reservados com as pessoas que não conhecem, mas mostram-se carinhosos com a sua família.

Cuidados com o pelado mexicano

Os principais problemas de saúde desse cão estão relacionados com a sua pele, já que ela está muito exposta às radiações solares e eles são propensos a queimaduras. Por essa razão, é necessário ter cuidado com o tempo de exposição ao sol e lembrar que existem protetores solares para cães.

Cuidados com o pelado mexicano

Eles também precisam de proteção contra o frio e o calor. Também é importante manter a sua pele hidratada, pois ela tende a ser seca. Depois do banho, recomenda-se aplicar algum creme hidratante com vitamina E para a umectação da pele e para mantê-la suave e lisa.

Por ser uma raça tão primitiva, não costuma ter grandes problemas de saúde associados, além dos que atingem a sua pele sem pelos. Assim, a sua expectativa de vida gira em torno de 12 a 14 anos.

Esses cães são muito carismáticos e precisam de exercício diário para manter o seu condicionamento físico e mental. Por outro lado, o excesso de energia pode torná-los destrutivos.

Como podemos ver, este é um cão com muita história, e é considerado um importante símbolo no México. Pelo seu passado, sua pele e temperamento, é um cão único, digno de ser conservado e apreciado.

  • Xoloitzcuintle, compañero en vida y muerte. National Geographic.
  • Xoloitzcuintle, Purina.
  • Xoloitzcuintle, FCI