Por que as galinhas comem seus ovos?

· agosto 25, 2018
A alimentação deficiente dessas aves domésticas pode levar a essa situação delicada. Também tem a ver com a organização do galinheiro como, por exemplo, uma simples iluminação deficiente.

As galinhas são as aves mais abundantes em todo o planeta, devido à sua criação para fins comerciais. Em geral, é uma criação simples e lucrativa, que requer um investimento inicial médio. Mas muitos criadores ficam assustados quando veem que suas galinhas comem seus ovos.

Comportamento incomum em galinhas

Primeiro, devemos entender que qualquer mudança no comportamento de um animal pode ser um sintoma de desequilíbrio em seu corpo. Não importa se a criação das galinhas é comercial ou simplesmente recreativa. É essencial estar atento aos comportamentos estranhos para conservar a boa saúde dessas aves.

Essas aves domésticas não devem se alimentar de seus próprios ovos, pois isso seria um risco para a sobrevivência de suas espécies. Naturalmente, uma galinha deve cuidar de seus ovos após botá-los, para garantir o nascimento de seus filhotes.

Se as aves consomem seus ovos, elas dão uma pausa em seu ciclo natural de reprodução. E isso teria pouca lógica em um ambiente equilibrado.

No entanto, em face de adversidades ou desequilíbrios em seu habitat, muitas aves podem adotar comportamentos incomuns para sobreviver. A escassez de alimentos, por exemplo, poderia levar as galinhas a comer seus ovos para suprir deficiências nutricionais. Mas existem outras possíveis causas, que listaremos abaixo.

Galinha botando ovo

Por que as galinhas comem seus ovos?

Em geral, esse comportamento deriva de um pequeno acidente. A galinha quebra um ovo de forma não-intencional com o bico e, assim, descobre uma substância saborosa no interior deste.

A partir daí, ela pode criar o hábito de quebrar seus ovos ou de outras galinhas para consumir as gorduras e proteínas do seu conteúdo.

Portanto, a incubação artificial é geralmente altamente recomendada.

Como podemos ver, uma dieta desequilibrada também pode levar uma galinha a comer seus próprios ovos. Geralmente, é uma deficiência de proteínas ou cálcio, substância encontrada abundantemente na casca, na gema e na clara. A falta de hidratação também pode levar a galinha a quebrar os ovos.

Um erro na iluminação do galinheiro também pode levar a um comportamento incomum. O excesso de luminosidade nos ninhos, por exemplo, pode fazer com que as aves comam seus ovos. Além disso, se os ninhos estiverem localizados no chão ou tiverem pouco preenchimento, esse comportamento também poderá aparecer.

Como evitar o problema

Algumas medidas preventivas simples são geralmente muito eficazes para quando as galinhas comem seus ovos.

  1. Dieta balanceada

Em primeiro lugar, é crucial oferecer-lhes uma dieta equilibrada, rica em proteínas, gorduras saudáveis, vitaminas e minerais. Uma galinha bem alimentada não terá que procurar os nutrientes essenciais para o seu desenvolvimento em seus próprios ovos. Para evitar a deficiência de cálcio, você pode adicionar conchas do mar em pó ou cascas de ovos picadas.

Além disso, devemos lembrar que as galinhas poedeiras geralmente necessitam de uma dieta especial. Existem rações comerciais exclusivas para galinhas poedeiras, com proporções nutricionais já balanceadas. Investir em uma dieta de alta qualidade significa ter uma galinha mais saudável e, também, ovos de melhor qualidade.

Também é essencial deixar água fresca e limpa disponível para as suas galinhas ao longo do dia. A hidratação também é um fator chave para a qualidade dos ovos.

Galinheiro

  1. A organização do galinheiro

É essencial rever a organização do galinheiro e pensar estrategicamente na localização dos ninhos. É necessário evitar que os ninhos permaneçam no chão ou que tenham pouco preenchimento. Os ninhos devem ter material suficiente para serem estáveis ​​e protegidos, evitando qualquer acidente antes durante e após a postura.

Além disso, o local de postura deve ser silencioso e ter pouca luz, de modo a não estressar as galinhas poedeiras. Uma ave estressada pode apresentar inúmeros problemas comportamentais, inclusive consumir seus próprios ovos.

  1. Identificar e isolar a galinha “problemática”

Ao observar que faltam ovos ou ao encontrar ovos quebrados, será fundamental identificar as galinhas responsáveis. Essas aves são extremamente inteligentes e podem aprender rápido com o comportamento de seus pares.

Você deve observá-las durante a postura e a incubação, para reconhecer quais galinhas comem seus ovos. Depois, será necessário separá-las das outras aves para evitar que elas comam os ovos do galinheiro. E, também, para impedir que o comportamento “se propague” para outros indivíduos.