Principais federações cinológicas

setembro 4, 2019
Essas organizações garantem que o pedigree dos cães e os juízes sejam reconhecidos mutuamente por todos os membros que as integram.

As federações cinológicas espalhadas pelo mundo se comprometem a manter os padrões das raças puras dos cães. Também promovem a criação saudável e responsável desses animais em prol de garantir o bem-estar dos cães registrados sob as suas normas.

Essas organizações estão cada dia mais envolvidas na luta contra legislações sem sentido. Oferecem assistência legal e trabalham com agrupamentos pequenos e outras organizações não governamentais que promovem os direitos dos cães.

Federações cinológicas mais importantes

Essas organizações são imprescindíveis na atualidade, já que respaldam medidas positivas ao ensinar o público sobre a propriedade responsável dos cães. Além disso, capacitam criadores e juízes a nível internacional.

Fédération Cynologique Internationale (FCI)

É a Federação Cinológica Internacional. Inclui 95 membros e sócios contratuais – um membro por país –, os quais registram os seus próprios pedigrees e capacitam os seus próprios juízes. A FCI reconhece 349 raças no mundo, cada uma como propriedade de um país específico.

Os países ‘proprietários’ das raças descrevem minuciosamente o padrão ideal dessas raças, em cooperação com as comissões de normas científicas da FCI.

Essas normas são a referência para os juízes nas competições realizadas nos países membros da FCI, e também para os criadores no seu propósito de produzir cães de melhor qualidade.

Todos os países membros realizam demonstrações de alcance internacional, bem como provas de trabalho ou caça, competências de agilidade e obediência, corridas, cursos e provas de pastoreio. Os resultados são enviados à sede da FCI, onde são analisados e homologados.

Cão fazendo agility

Quando um cão recebe um certo número de prêmios, torna-se elegível para o título de campeão de beleza internacional, espetáculo, trabalho, beleza, agilidade, obediência, raça ou rendimento.

American Kennel Club (AKC)

Reunindo os amantes dos cães desde 1884, o AKC é uma das federações cinológicas de maior trajetória e reconhecimento mundial.

Durante mais de 130 anos, o American Kennel Club tem sido a principal autoridade dos Estados Unidos em tudo aquilo que diz respeito aos cães. Atua como o principal apoio para os amantes desses animais.

Junto com as organizações afiliadas, incentivam o cuidado dos cães como companheiros familiares. Promovem pesquisas para o avanço na saúde e no bem-estar do cão, defendem os direitos dos seus donos e educam o público sobre a propriedade responsável.

Obviamente, o objetivo de todas as federações cinológicas é produzir cães de qualidade, saudáveis de corpo e mente. Com o passar dos anos, elas têm se mantido fiéis ao lema criado pelos fundadores: «Lembrem sempre: somos uma organização de serviços. Os cães não estão aqui para nós; nós estamos aqui para os cães».

Federação Cinológica do Canadá

A Federação Cinológica do Canadá foi criada em 1989 por Merville Landry, que introduziu o Coton de Tulear no Canadá. É autora da autopublicação Dictionnaire de la Cynophilie.

Essa organização utiliza os padrões de raça e as pautas de grupo descritas pela Federação Cinológica Internacional (FCI).

Federação Cinológica do Canadá

Isso oferece aos entusiastas das exposições e ao público em geral a oportunidade de aprender mais sobre uma grande variedade de cães do mundo inteiro.

As competições de elite ocorrem nas Províncias Marítimas e em Quebec. Essas demonstrações da crítica especializada atraem juízes de todo o planeta dispostos a avaliar a qualidade dos cães.

European Guide Dog Federation

É um organismo dedicado a influenciar as leis, políticas e atitudes dos criadores e treinadores de cães-guia. Também tratam de proporcionar boas instalações e acessibilidade aos usuários desses cães. O seu lema é: «Juntos somos fortes.»

Real Sociedad Cinológica da Espanha (RSCE)

Entre as federações cinológicas do planeta, também há a representação espanhola. O objetivo principal da RSCE, durante mais de 100 anos, tem sido a conservação, o incentivo e a qualificação das raças de cães na Espanha.

Essa associação dedica um especial interesse a tudo aquilo relacionado com as raças autóctones espanholas. Contam com uma ampla experiência e uma extraordinária equipe humana própria e de colaboradores, além de uma grande diversidade de meios e recursos.