Prós e contras de adotar um cão adulto

· fevereiro 20, 2018

Adotar um cão grande é um ato de amor que tende a encorajar a propriedade responsável. Além de proporcionar dignidade aos animais abandonados, esse ato representa uma maneira de combater os comportamentos repreensíveis do mercado de venda de animais. No entanto, antes de tudo, é preciso conhecer os prós e contras de adotar um cão adulto.

Voluntários de todo o mundo dedicam parte do seu tempo e recursos para resgatar e cuidar de cães abandonados. A intenção dessas pessoas é oferecer os animais para adoção a fim de que o bichos tenham a oportunidade de ter uma vida nova e melhor.

Não se trata de poupar dinheiro ao não comprar um animal. O objetivo é não participar das práticas estéticas e abusivas aplicadas em muitos locais de reprodução e residências particulares. Quando a vida do animal é considerada um negócio, as consequências podem ser graves para a saúde e o desenvolvimento das espécies comercializadas.

Felizmente, muitas pessoas hoje recorrem a abrigos ao invés de incentivar o comércio de animais.

Por que preferir a adoção à venda de animais?

O abandono e os maus-tratos contra os animais de estimação é uma realidade triste em quase todos os continentes. O principal motivo é a posse irresponsável de um animal, que é amplamente facilitada pelo mercado de compra e venda de bichos.

São Bernardo com filhotes

Um animal, às vezes, é adquirido sem que o proprietário tenha consciência dos cuidados, despesas e responsabilidades que estão envolvidas nisso.

Um animal retirado de seu habitat natural perde grande parte de sua independência para se alimentar, hidratar, exercitar ou se limpar corretamente. São basicamente as ações de seus donos que irão garantir sua sobrevivência e bem-estar.

O crescente abandono de animais de estimação leva à aplicação de sanções econômicas, cada vez mais, em muitas regiões e países.

Não contribuir para a venda de animais

Quando falamos sobre não incentivar a venda de animais e preferir a adoção, isso é basicamente devido a duas razões:

  • A primeira é que o comércio facilita a posse irresponsável. É simples comprar um cachorro recém-nascido sem qualquer preparação prévia para criar um animal. O negócio não leva em conta a capacidade do comprador de oferecer uma casa, cuidados adequados ou dedicação de amor e carinho ao pet.
  • A segunda razão é que, historicamente, muitas raças sofreram mutilações devido a padrões estéticos ou para cumprirem funções de luta e trabalho forçado. Esse é o caso dos pit bulls, do cocker spaniel, do rottweiller, do dogo argentino ou do doberman, entre outros.
  • Muitos criadores de animais para a venda também obrigam fêmeas a terem muitas ninhadas sucessivas de maneira cruel, e muitas terminam com lesões físicas e emocionais por toda a vida. Muitos desses “negócios” também já foram flagrados sujeitando seus animais a sujeira, abandono, agressões e até fome.

Por sua vez, a adoção promove a conscientização e o respeito pela vida animal. Ela é baseada na melhoria da qualidade de vida de milhares de animais abandonados e na alegria proporcionada por esse encontro entre um dono e um cão ou gato abandonado. Um relacionamento de cooperação mútua e desinteressada, como deve ser toda e qualquer relação de amor.

Quais são os prós e contras de adotar um cão adulto?

Um cão já é um adulto quando atinge seus 18 meses de vida. Existem muitos cachorros adultos disponíveis para adoção. No entanto, a maioria das pessoas opta por um filhotinho, graças aos mitos sobre a adoção de um cachorro adulto.

As principais vantagens de adotar um cão adulto

  1. Oferecer ao animal uma segunda chance de dar e receber amor.
  2. Virar seu melhor amigo e salvador.
  3. Eles são animais que têm experiência de vida e podem nos inspirar com seus exemplos de superação.
  4. Tendem a se dar bem melhor com outros animais e pessoas, já que foram treinados nos códigos básicos de conduta.
  5. Têm uma personalidade definida. É possível avaliar e escolher o cão que melhor se adapta ao seu estilo de vida.
  6. Não é preciso esperar a sua primeira vacinação completa para caminhar, viajar ou fazer exercícios físicos com eles.
  7. É improvável que mordam móveis e demais itens da casa, já que já passaram da fase de mudança de dentes.
  8. Eles geralmente têm temperamento moderado e são menos hiperativos do que os cachorros filhotes.

Desvantagens

Ao falar sobre os contras, na realidade, devemos fazer referências aos cuidados que devem ser mantidos ao adotar um cachorro adulto:

Dogue alemão

  • Pergunte aos voluntários do abrigo sobre o caráter de cada animal. Isso servirá para escolher aquele que melhor se adapta à sua casa e estilo de vida.
  • Antes de optar por um animal, é melhor tentar conhecê-lo melhor, levando-o para uma caminhada e passando alguns minutos sozinho com ele.
  • Estabeleça uma amizade com o animal escolhido, antes de apresentá-lo à casa. Faça caminhadas, dê guloseimas, brinque e faça carícias…
  • Socialize o cão corretamente antes de colocá-lo para dividir espaço com outros animais e pessoas, principalmente com crianças.
  • Leve-o ao veterinário para verificar sua carta de vacinas e desparasitação.
  • Ofereça uma dieta equilibrada e uma casa tranquila.

Fonte da imagem principal: Ritmó