Requisitos para montar uma associação protetora de animais

· setembro 21, 2018
Primeiro, você precisa procurar ou ter um lugar grande e registrar o abrigo como uma associação sem fins lucrativos. A partir daí, é necessário contar com a ajuda de voluntários e contatar canis para evitar que sacrifiquem animais abandonados.

Você ama os animais e quer protegê-los? Acha uma injustiça o fato de serem abandonados por alguns donos? Se sim, pode ser que já tenha pensado em montar uma associação protetora de animais. Se você não sabe por onde começar, nós lhe forneceremos todas as informações necessárias.

Por onde eu começo se quiser montar uma associação protetora de animais?

Como qualquer organização, uma associação protetora de animais requer uma série de documentos, mesmo que não tenha fins lucrativos. Estes são os passos a seguir:

Escolher o local correto

Antes de montar uma associação protetora de animais, você deve ter certeza de que tem um lugar adequado para fazer isso. Não precisa ser um outro local, porque pode ser em sua própria casa, desde que tenha espaço suficiente para abrigar alguns animais.

Se você tem uma casa com jardim, este poderia ser o ambiente ideal para começar sua associação. Mas é preciso também ter dependências na casa para atividades administrativas. Aconselhamos visitar algumas associações protetoras que você conhece, para saber como eles organizam seus espaços.

Organize a parte legal

Se você está decidido a montar uma associação protetora de animais, e já tem o lugar para isso, crie uma associaçãodê a ela um nome e registre-a no órgão responsável em seu país. Não se esqueça de destacar qual é a utilidade dela e, claro, deixar claro que se trata de uma associação sem fins lucrativos, de modo que os impostos não venham a “engolir” você depois.

Este é o passo mais importante: agora você é oficialmente um protetor animal!

Obter colaboradores

A menos que você seja descendente do Tio Patinhas, precisará de apoio financeiro para dar atenção veterinária, acessórios e comida aos animais que hospeda. Reflita que os animais precisam ter todas as suas necessidades básicas cobertas e que isso tudo custa dinheiro.

Voluntário em um abrigo para animais

Se você não sabe por onde começar, pode conversar com outros protetores e abrigos para receber uma orientação mais específica. É possível que até mesmo alguns deles também desejem colaborar com você.

Outra ideia que é eficaz é fazer uso das redes sociais. Talvez não haja muitas pessoas que lhe ofereçam dinheiro, mas algumas se oferecerão para dar comida para os cães e gatos, camas usadas, bebedores e comedouros, jaulas e uma série de utensílios que são muito necessários. Acredite ou não, já será uma grande economia.

Voluntário

Se você quiser saber como funciona uma associação de proteção animal, nada melhor do que ser voluntário em uma. Além de dar uma mão, você vai aprender sobre este ramo sem fins lucrativos e terá experiência para montar seu abrigo.

Além disso, como você também terá uma associação, poderá se oferecer para cuidar dos animais que não têm lugar na que você é voluntário, por falta de espaço. Seus primeiros convidados chegaram!

Vá ao canil municipal

Informe ao canil municipal que você montou uma associação protetora de animais e gostaria que antes de eles sacrificarem os animais, por não encontrarem seus donos, que eles te deixem cuidar deles. Normalmente, eles ficarão dispostos e felizes em ajudar.

Cães em abrigo

Além disso, se você quiser aprender a resgatar os animais abandonados, irá aprender sobre as ferramentas que eles utilizam nos canis, porque nem todos os cães serão fáceis de resgatar. Todas as informações que você obtiver lá serão muito úteis.

Adquira algumas gaiolas para cães

A ideia não é manter os animais em gaiolas, mas tenha em mente que alguns cães maltratados ou negligenciados podem ter problemas comportamentais e que poderão causar danos a outros animais e, até mesmo, a você. Até que os ânimos se acalmem, é melhor mantê-los separados dos outros, enquanto você tenta conquistá-los, com paciência e afeição.

Você já viu que montar uma associação protetora de animais não é uma missão impossível. Queremos elogiá-lo por pensar em realizar um trabalho contra o abandono, uma iniciativa altruísta e generosa.