Técnica de caça do seu gato: você sabe qual é?

· março 22, 2019
A técnica de caça do seu gato se deve ao fato de que os gatinhos não foram totalmente domesticados, mas se adaptaram para conviver com humanos para, de alguma forma, se beneficiar das vantagens dessa relação.

Gatos, como todos os felinos, são excelentes caçadores. Provavelmente, todos os donos se espantam com a habilidade de seus gatinhos perseguirem suas presas. Mas você, como muitos outros, pode não conhecer a técnica de caça do seu gato.

Técnica de caça do seu gato: por que eles continuam caçando?

Apesar de terem aprendido a viver harmoniosamente com os humanos, os gatos não foram totalmente domesticados.

De fato, há aqueles que defendem que os gatos se domesticaram; isto é, eles se permitiram adaptar-se a uma rotina doméstica para se beneficiar disso de diferentes maneiras.

Discussões e controvérsias à parte, a verdade é que o nosso gatinho ainda mantém certos hábitos e comportamentos dignos de um gato selvagem.

Uma das maiores provas disso é o seu poderoso instinto de caça. Embora morem em uma casa muito confortável, quase todos os gatos continuam perseguindo suas presas e exercitando suas habilidades como exímios caçadores.

Esta é uma necessidade inata para gatos, que remonta às suas origens e a seus ancestrais selvagens.

Como os gatos caçam na natureza?

Na natureza, podemos observar que os animais executam diferentes métodos de caça para capturar suas presas e se alimentar. Os gatos se destacam como excelentes estrategistas.

Eles planejam cada passo até alcançarem sua presa, otimizando seu gasto de energia e garantindo um ataque efetivo.

gato caçando

Embora alguns felinos possam caçar em grupos (como leões), a maioria mantém uma vida solitária; exceto quando vão acasalar, porém, caçam sozinhos.

Conheça a incrível técnica de caça do seu gato

Apesar de seu pequeno tamanho em comparação aos gatos selvagens, os gatos também possuem os atributos físicos e mentais de um grande caçador. 

Seu corpo fornece todas as ferramentas: músculos bem desenvolvidos, grande flexibilidade, sentidos muito aguçados, garras poderosas e uma mandíbula forte.

Se pararmos para observar nossos bichanos, veremos como eles estarão atentos a cada movimento de uma possível presa, seja um inseto ou uma ave que eles veem pela janela.

Tão grande é a sua concentração e tão poderosos são os seus sentidos que, às vezes, pode parecer que o nosso gato olha para o nada.

Mas, na realidade, tudo é uma parte crucial da técnica de caça do seu gato: a elaboração de uma estratégia para caçar sua presa.

Quando avaliam que chegou a hora apropriada de se lançar ao ataque, o gato age com segurança, usando sua força e flexibilidade para alcançar sua presa.

A incrível ‘arma surpresa’ do seu gato para caçar

Alguns estudos recentes realizados pelo Instituto de Ecologia e Evolução A. N. Severtsov, em Moscou, Rússia, revelaram que os gatos também usam uma “arma secreta” para aumentar a eficácia de sua caça. E esta poderosa ‘arma’ é, simplesmente, encontrada em sua urina.

Normalmente, um rato que sente o cheiro de urina de gato tende a escapar imediatamente. Isto é porque os roedores têm neurônios sensíveis a algumas substâncias presentes na urina do gato; especialmente à felinina.

o gato doméstico e a caça

Rapidamente, o sistema nervoso do roedor responde a esse estímulo, o que causa um aumento nos níveis do chamado ” hormônio do estresse”. Graças a isso, o animal pode reagir e escapar para evitar um encontro com um predador.

Foi observado que os ratos que foram expostos a urina de gato desde tenra idade têm uma menor tendência para evitar ou escapar do seu odor quando eles são adultos.

Ou seja, a resposta deles é muito mais tranquila que a dos ratos que não foram expostos a essas substâncias.

De acordo com essas características fisiológicas, a urina do gato pode atuar como uma “arma secreta”; o que aumenta a vantagem do gato sobre o rato em uma perseguição.

Seu gato lhe traz animais mortos?

Muitos “gateiros” já foram surpreendidos com algum “presente trazido pelos seus gatos.

Esse hábito peculiar dos gatos de trazer animais mortos para seus donos está ligado ao seu comportamento em um grupo familiar ou felino.

Gatos adultos, especialmente fêmeas, devem orientar os jovens a aprenderem a caçar sozinhos. Até que estejam prontos para alcançar suas próprias presas, os adultos são responsáveis ​​por lhes trazer comida e mantê-los bem nutridos para sobreviver.

Nossos bichanos não demoram a perceber que os humanos não são exatamente bons caçadores e estaríamos em sérios apuros se tivéssemos que caçar nossas próprias presas.

Portanto, como demonstração de afeto ou cuidado, eles nos oferecem suas presas para que permaneçamos saudáveis ​​e bem nutridos.