5 animais plantígrados

janeiro 11, 2019
Estas espécies têm a qualidade de caminhar apoiando toda a planta do pé no chão, algo incomum no reino animal e que é próprio do ser humano. Alguns podem andar em duas patas traseiras, como as pessoas.

Os animais plantígrados são aqueles que apoiam completamente a planta dos pés, como os seres humanos. Embora você não acredite, é um grupo muito pequeno de espécies, já que a maioria delas é digitígrada, isto é, se sustentam nos dedos para andar. Conheça alguns exemplos no artigo a seguir.

Quais animais plantígrados existem?

Dentro deste seleto grupo, onde também se encontram as pessoas, podemos encontrar ursos, quatis, texugos e primatas.

Todos eles podem andar com as quatro patas completamente apoiadas no chão e, em alguns casos, ficar sobre duas delas (as traseiras). Entre os animais plantígrados podemos destacar:

  1. Urso

Toda a família dos Ursídeos (foto que abre este artigo) é plantígrada: eles se movem com um caminhar ‘pesado’, ao apoiar toda a planta dos pés no chão.

Embora andem com as quatro patas apoiadas, por vezes se sustentam nas patas traseiras. Fazem isso, por exemplo, para parecerem mais perigosos ou alcançarem os frutos de galhos mais elevados.

Eles também têm a capacidade de andar na vertical por curtas distâncias.

Na maioria dos casos, os ursos são grandes (até 750 kg e três metros de altura), com orelhas e olhos pequenos em comparação com o resto do corpo.

Quase todos são onívoros, com exceção do urso polar, e vivem em ambientes arborizados.

  1. Quati

Com cauda e focinho alongados, o quati – ou Nasua nasua, seu nome científico – é um pequeno mamífero nativo da América que escolhe ecossistemas quentes e temperados com densa arborização.

Vive em grupos de até 20 pessoas e movimenta-se com grande agilidade entre as árvores; apoia toda a pata no chão para se mover pela terra.

quati-de-nariz-branco

Seus membros curtos terminam em unhas fortes para fazer poços na terra. Além disso, o focinho pontiagudo é seu principal aliado para obter alimentos. 

Quanto aos pelos, podem ser marrons, avermelhados ou pretos, com cauda listrada e rosto preto.

  1. Guaxinim

Os guaxinins também fazem parte do grupo dos animais plantígrados, cujos membros possuem cinco dedos longos e ágeis que servem para guiar e reconhecer o perigo.

Às vezes, ele se “senta”, assim como os ursos: quando come ou quando precisa descansar.

Guaxinim

O guaxinim vive perto dos rios, entre as árvores, e é muito habilidoso com suas patas dianteiras, tanto para caçar como para segurar o alimento: sapos, frutas, lixo… o que ele encontra pela frente.

É noturno e conhecido por sua pelagem acinzentada, sua cauda ‘listrada’ e seu focinho preto e branco.

  1. Carcaju

O também conhecido como glutão, é outro dos animais plantígrados que existem; semelhante a um urso, mas pequeno e com fama de ser muito mais feroz do que parece. 

O carcaju vive nas florestas do Canadá, Alasca, Rússia e Sibéria, e não possui subespécies.

Carcaju ou glutão

Tem hábitos solitários (permanece em constante movimento tanto dia quanto de noite) exceto na época de acasalamento e cria; as fêmeas têm uma gestação bastante longa.

Em termos de dieta, podem consumir carniça, roedores, insetos, larvas, bagas, sementes, pássaros e ovos.

  1. Texugo

O texugo é um mamífero de tamanho médio que vive na Europa, América e Ásia.

O mais “famoso” é o do velho continente, que desenvolveu patas curtas e fortes que lhes permitem andar sem problemas com toda a planta dos pés apoiada no solo.

Texugo

Além disso, o texugo é caracterizado por seu longo focinho, com o qual cava a terra.

A pelagem é cinza escura e tem linhas pretas e brancas no rosto. É onívoro, deixa sua toca à noite e forma grupos bastante territoriais.