5 animais que se alimentam de sangue

· janeiro 18, 2019
A maioria dessas espécies é de pequeno tamanho e, infelizmente, através de sua picada, geralmente transmitem doenças infecciosas; algumas delas são graves para animais de estimação e humanos.

Animais que se alimentam de sangue são conhecidos como hematófagos e, embora não sejam abundantes no planeta, vale a pena destacá-los. Alguns são cercados por lendas, outros assediam nossos animais de estimação e há aqueles que transmitem doenças. Saiba mais sobre eles neste artigo.

Quais são os animais que se alimentam de sangue?

A maioria dos animais que se alimentam de sangue são parasitas e de tamanho pequeno.

Vale a pena notar que o sugador do sangue muitas vezes transmite doenças infecciosas, como a malária, Chagas, leishmaniose, febre amarela e Chikungunya.

Entre essas espécies, encontramos:

  1. Morcego-vampiro

Todas as espécies de morcegos-vampiros (comuns, de-pernas-peludas e morcego-vampiro-de-asas-brancas) são nativas da América Latina e podem ser encontradas no México, Brasil, Argentina e Chile, principalmente.

Estes se nutrem com sangue, diferentemente de outros de sua espécie, que podem consumir frutas ou insetos.

Os morcegos-vampiros (imagem que encabeça este artigo) têm um focinho curto, um nariz com termorreceptores para perceber a radiação infravermelha da presa, pequenas orelhas e dentes frontais especiais para perfurar a pele.

Seu sistema digestivo se adaptou a uma dieta líquida e quente, e através de sua saliva ele impede que o sangue que ingeriu coagule.

Eles só caçam à noite e atacam diretamente uma área sem pelos. É o mais ágil de todos os morcegos.

  1. Carrapato

É um dos animais que se alimentam de sangue e que é um vetor de doenças infecciosas, incluindo tifo e doença de Lyme.

Os carrapatos são ácaros que atacam mamíferos, como cães, gatos e seres humanos.

carrapato

Seu corpo é composto de duas partes: um aparelho bucal e um tórax. Tem oito patas – quatro de cada lado – muito sensíveis.

Uma vez fixados no hospedeiro, perfuram a pele e sugam o sangue depois de ancorarem todos os seus membros. 

A ‘saliva’ que produz durante a alimentação pode causar doenças de pele.

  1. Mosquito

Somente as fêmeas desses insetos, da ordem dos dípteros, mordem e se alimentam de sangue. Sua boca é composta de um tipo de tromba afiada para perfurar a pele dos mamíferos e sugar o plasma.

Sua saliva atua como um anticoagulante e causa irritação ou inchaço naqueles que são picados.

mosquito

Mosquitos fêmeas precisam de sangue para iniciar seu ciclo reprodutivo e colocar seus ovos em um ambiente aquático, como um pântano, um balde de água ou um lago. A picada transmite doenças, como a febre do Nilo e dengue.

  1. Pulga

Outro dos animais que se alimentam de sangue, dentro do grupo dos parasitas, que afetam principalmente nossos animais de estimação (e, em alguns casos, as pessoas).

Entre suas características marcantes, podemos dizer que ela pode saltar várias vezes seu tamanho. Isso graças a suas longas patas traseiras, que funcionam como uma mola.

pulga

Embora em muitos casos a presença da pulga seja apenas um incômodo para o hospedeiro, sua picada pode causar doenças como peste negra, tifo ou vermes. 

Este pequeno inseto sem asas, de não mais de quatro milímetros de comprimento, é marrom ou preto, seu corpo é coberto de espinhos e se move facilmente entre o pelo, a pele ou as penas dos animais.

  1. Piolho

Finalmente, temos que falar sobre os famosos (especialmente em crianças) piolhos, que infestam as cabeças dos humanos, de outros mamíferos e de aves, e se alimentam de seu sangue.

Os ovos são chamados de lêndeas e aderem ao cabelo do hospedeiro.

piolho

Eles passam todo o seu ciclo de vida no hospedeiro e podem se multiplicar rapidamente.

Piolhos medem, no máximo, oito milímetros, são marrons ou quase transparentes e o corpo fica “inchado” quando se alimentam.

Em alguns casos, você pode ver o sangue que eles ingeriram, como acontece com os mosquitos.