5 animais selvagens que você nunca viu

· setembro 12, 2018
Devido a suas características, essas espécies são bastante raras em termos de aparência, e também é difícil vê-las na natureza.

As espécies animais que existem são quase incontáveis. Essa é uma das razões pelas quais há muitos espécimes que não conhecemos e que, quando os vemos pela primeira vez, nos surpreendem tanto. Portanto, hoje queremos falar sobre animais selvagens que você nunca viu. Ficou curioso?

Animais selvagens que você nunca viu

Seja porque estão em perigo de extinção ou porque são espécimes extraordinários, a verdade é que existem muitos animais selvagens que parecem surreais para nós. Estes são alguns dos mais impressionantes:

Leão branco

O leão branco (imagem que abre este artigo) é um exemplar em perigo. Embora seja diferente do leão comum, ele não é considerado uma espécie ou raça diferente. Na verdade, aparece na lista das subespécies.

Biologicamente, acredita-se que esse animal seja uma mutação genética do leão africano. Entretanto, crenças africanas associam essa espécie às divindades. Portanto, segundo essas lendas, se alguém cruza o caminho de um desses animais, vai ter sorte na vida.

Parece que a tonalidade da pelagem se deve a um gene recessivo que inibe a cor. Embora seja muito raro que os leões tenham tal gente, há vários casos em que isso ocorre. A coloração torna esse animais peculiares, estranhos e originais. Entretanto, ela também os impede de viver em seu habitat natural por muito tempo, já que eles não podem se camuflar.

Boto-cor-de-r-osa

Os golfinhos são os animais que nos mostram mais ternura, devido à sua simpatia e beleza. Para aqueles que gostam de cores diferentes, apresentamos o boto-cor-rosa do Amazonas, um animal muito especial. Afinal, esse é um golfinho de água doce. Esse animal pode medir até 2,5 metros e pesar cerca de 185 quilos.

boto-cor-de-rosa

Acredita-se que é o maior golfinho conhecido e que apresenta um dimorfismo sexual óbvio. As fêmeas podem medir a metade do tamanho dos machos. Uma curiosidade desses espécimes é que, quando são adultos, sua cor rosa é ainda mais intensa. Na aparência, são muito semelhantes ao golfinho comum, quase não há diferenças. De fato, a exceção é o nariz um pouco mais curto e, claro, a sua cor.

Axolote

Não há melhor forma de descrever esse animal, senão como um monstro marinho com rosto simpático. É uma espécie neotênica, o que significa que é capaz de amadurecer em todos os sentidos, mantendo as características de uma larva. De fato, isso é a essência desse animal desde o nascimento.

Axolote: um dos animais que você nunca viu

Apesar de ser um anfíbio, não sofre metamorfose. Ela é comum a todos eles, independentemente de viverem no mar ou em terra. Além disso, esse animal mede cerca de 15 centímetros de comprimento. E, se tivéssemos que compará-lo a algumas espécies conhecidas, seria um girino. É encontrado no México, especialmente nos lagos do país. Além disso, é um animal de água doce, embora não viva nas profundezas.

Infelizmente, como acontece com muitas outras espécies, este belo animal está em perigo de extinção devido à contaminação das águas. Outras espécies competem para sobreviver e se tornam predadoras do axolote.

Leia também: A simbiose no reino animal

Ligre

É um gato gigante, um leão ou um tigre? O que você diria depois de ver a foto? A resposta é complicada, porque tem a aparência das três espécies. É um híbrido, resultado do cruzamento entre um leão macho e uma tigresa. Pode-se dizer que é o maior dos felinos conhecidos até agora, podendo medir mais de três metros.

ligre

Por que esse fenômeno? Muito simples: eles não possuem genes inibidores do crescimento, o que permite seu grande tamanho, mas também traz desvantagens. A saúde desses animais é bastante frágil, já que se trata de um cruzamento não natural, mas provocado pelo ser humano.

Interessante saber: Existe o cão lobo?

Morcego (Acerodon jubatus)

Se os morcegos já te causavam arrepios, espere até ver esta espécie, que é a maior do mundo. Ou seja, isso significa que pode chegar a até 1,80 metro. Seu nome vem da grande semelhança de sua cabeça com a de uma raposa, e suas longas pernas aterrorizam qualquer um.

morcego

Felizmente para nós, eles vivem na Austrália e na Ásia. Portanto, será difícil para avistar qualquer um deles. Mesmo que os encontremos um dia, sorte a nossa que eles são cegos!

O que você acha desses estranhos espécimes de animais selvagens? Certamente cada um deles despertou um sentimento diferente. Você já tem um favorito?