Alimentação dos furões: cardápio ideal

· março 20, 2019
Estes mamíferos sempre têm que comer produtos de origem animal, exceto o leite e seus derivados, pois são carnívoros. Portanto, os furões não devem ser alimentados com vegetais.

Os furões estão se tornando animais de estimação cada vez mais frequentes em nossas casas. Sendo assim, uma dieta adequada e equilibrada é essencial para que o animal tenha uma vida saudável e feliz. Por isso, vamos falar sobre os principais pontos da alimentação dos furões. E, aí, quer saber qual cardápio ideal desse fofinho?

Alimentação dos furões: o cardápio ideal

Em primeiro lugar, os furões são animais carnívoros. Portanto, isso significa que toda a comida dada a eles deve ter origem animal. Portanto, grãos, como trigo ou milho, legumes ou verduras não são benéficos para os furões.

Então, os produtos de origem animal são tudo o que eles precisam ter na dieta. Por exemplo, carne, vísceras, peixes e até mesmo ovos são necessários para regular o sistema digestivo dos furões.

No entanto, eles não digerem bem os produtos lácteos. Portanto, evite iogurte, leite e outros alimentos similares.

Alimentos processados

Atualmente, temos rações preparadas especialmente para furões. Há alguns anos, quando esses mustelídeos eram menos conhecidos, era difícil encontrar rações, petiscos e outros alimentos preparados para eles.

Em primeiro lugar, ao procurar por uma ração para furões, verifique se ela é feita com produtos de origem animal.

Além disso, a ração não deve conter cereais, vegetais ou outros grupos de alimentos. Por fim, vale lembrar que rações baratas tendem a ter muitas gorduras e outros componentes de baixa qualidade, o que prejudicará a alimentação dos furões.

No caso de não poder comprar ração de qualidade para furões, a ração para gatos, especialmente a dos filhotes, geralmente tem os nutrientes necessários para esses pequenos mamíferos.

Além disso, são alimentados com uma alta porcentagem de proteína animal e baixo teor de gordura, cereais ou leguminosas.

Comida para furão

Há um mito de que os furões se tornam agressivos quando comem carne fresca, tanto crua como cozida. Entretanto, isso não é verdade.

Afinal, a forma como você obtém a comida não muda o comportamento do animal. No entanto, o que pode acontecer é que eles gostem tanto da carne fresca que fiquem nervosos antes de comê-la.

Alimentação dos furões: alternativa às rações

Como alternativa às rações, e mesmo como complemento, os furões podem receber carne fresca. Entretanto, a exceção é a carne de porco.

Fora isso, eles podem comer muitos tipos de carne. Entre elas, frango, coelho, cordeiro, vitela, peru, pato. Você pode testar qual delas o animal mais gosta de comer.

Além disso, os furões também podem consumir órgãos internos (vísceras) de animais. Por exemplo, coração, rins, língua ou fígado podem fazer parte da dieta ideal para furões.

Por fim, vale lembrar que, na natureza, os furões caçam presas pequenas e as comem inteiras, incluindo os órgãos internos.

Além disso, eles também podem ser alimentados com peixes. Nesse caso, são especialmente interessantes as sardinhas e o salmão.

Na verdade, com exceção do atum enlatado, eles podem desfrutar de muitos outros peixes. Por exemplo, cação, pescada, atum fresco, anchovas etc. Inclusive, até mesmo os camarões podem fazer parte da dieta dos furões.

Antes de dar aos furões carne fresca, você deve garantir que não haja nenhuma bactéria prejudicial na carne. Sendo assim, você pode congelar a carne por pelo menos 14 dias ou cozinhá-la para destruir todos os parasitas que ela possa ter.

Adicionalmente, algumas pessoas também optam por dar ossos aos furões para se divertirem e também poderem comer a medula.

Entretanto, se você for dar ossos para seu animal de estimação, tenha atenção ao tamanho certo em relação a boca do animal.

Além disso, os ossos devem sempre estar crus. Afinal, ossos cozidos, especialmente os ossos das aves, podem quebrar e ferir qualquer parte do trato digestivo do animal.

Furão comendo petisco

Prêmios e guloseimas para furões

Furões, como qualquer outro animal de estimação, podem receber prêmios e guloseimas ao longo do dia.

Nesse caso, os prêmios devem ser produtos de origem animal. Além disso, também é necessário evitar açúcar, chocolate, frutas ou iogurte.

As guloseimas mais seguras para a saúde do furão são biscoitos fabricados especialmente para furões.

Portanto, lembre-se das recomendações: os biscoitos devem ter pouco teor de vegetais, legumes ou cereais, e muita proteína animal.

Alimentos proibidos para furões

Como qualquer outro animal, há vários alimentos que não são recomendados ou até mesmo são proibidos.

Por isso, eles devem ser completamente excluídos do cardápio ideal para os furões. Estes são alguns exemplos:

  • Produtos lácteos: leite, iogurte, sorvete, queijo e outros produtos lácteos.
  • Chocolate: o chocolate é tóxico para os furões.
  • Produtos doces: embora os furões sejam muito curiosos por doces, o açúcar é prejudicial a eles e deve sempre ser evitado.
  • Cebola: a cebola também é tóxica e nunca deve estar ao alcance dos furões.
  • Ração para cães: os cães são onívoros e deve haver leguminosas e cereais em sua dieta. No caso de não haver ração para furões, só pode ser dada a eles comida de gato.

Uma dieta ideal para furões é essencial para que o seu animal seja saudável e viva bastante. Felizmente, no mercado, há agora muitos alimentos adequados para eles.

Inclusive, não apenas alimentos especializados, mas também produtos de açougue que podem variar o sabor dos pratos que você oferece ao seu bichinho.