Cão shepsky: origem, características e cuidados

O cão shepsky é o resultado do cruzamento entre duas das raças mais conhecidas do mundo: o husky siberiano e o pastor alemão. Pode possuir as melhores características de ambos. Ele é inteligente, curioso e explorador por natureza.
Cão shepsky: origem, características e cuidados

Última atualização: 15 Abril, 2021

O cão shepsky nasceu do cruzamento de um husky siberiano com um pastor alemão, duas das raças de cães mais populares do mundo. Em geral, esse cão não é apenas muito inteligente, mas também leal, sociável e sempre alerta.

Os cães híbridos – criados a partir do cruzamento de cães de raça pura – se tornaram muito populares em todo o mundo, de acordo com o American Canine Hybrid Club. Conheça aqui a origem, as características e os cuidados do cão shepsky.

Origem do cão shepsky

O shepsky – ou gerberian shepsky é uma raça híbrida relativamente nova, mas o momento exato em que duas das raças mais populares se juntaram para criar sua própria variante é desconhecido. Atualmente, o American Canine Hybrid club e o Dog Registry of America são entidades que reconhecem o shepsky como raça oficial.

De acordo com o portal Dog Zone, o pastor alemão – a raça original do shepsky – vem da Alemanha e se tem conhecimento sobre ele desde o final dos anos 1800. Inicialmente, ele era um cão de pastoreio e depois começou a trabalhar na polícia e no exército, para cooperar em missões de busca e resgate.

Seus altos níveis de inteligência fizeram desse cão uma raça bem conhecida. Além disso, ele também é famoso por sua aparência atraente, semelhante à de um lobo selvagem.

Por outro lado – para completar o shepsky – temos servicio de mensajeríao husky siberiano, uma raça muito antiga que se originou há milhares de anos no Ártico. Esses cães forneciam transporte, serviço de correio, pastoreavam renas e serviam como cães de guarda. Mais tarde, chegaram ao Canadá e aos Estados Unidos, onde cresceu sua popularidade como animais de estimação.

O husky siberiano é um parente direto do shepsky.
O husky siberiano é um parente direto do shepsky.

Características físicas

Animais cruzados geralmente combinam as características e os traços de personalidade das raças usadas para fazer o cruzamento. No entanto, sempre há um traço de uma raça dominante em cada híbrido, tanto em personalidade quanto fisicamente.

O shepsky é um cão grande e magro, medindo entre 50 a 61 centímetros, seu peso é de 22 a 40 quilos e sua expectativa de vida é de aproximadamente 13 anos. Suas cores são muito variadas: podem variar entre preto, marrom, vermelho, branco, creme, cinza, azul ou dourado.

Sua pelagem é lisa com uma aparência fofa e pode ser longa, curta ou média. Suas orelhas e seu focinho são pontiagudos e seus olhos às vezes podem ser azuis-claros e contrastar com o rosto, ou podem ser de duas cores diferentes: azul e marrom, de acordo com estudos realizados nessa raça.

Personalidade do shepsky

Existem shepkys mais parecidos com pastores alemães e outros com o husky siberiano. Mesmo dentro das ninhadas, existe uma variedade muito diversa de personalidades e traços, segundo os portais mencionados.

Esses cães tendem a ter muita energia e são famosos por sua inteligência e consciência. Seu temperamento é suave e calmo. Eles são curiosos e ansiosos para aprender, adoram brincar e são leais a suas famílias.

Por outro lado, os espécimes bem educados costumam ser muito sociáveis com toda a família e estabelecem laços estreitos com as pessoas com quem passam mais tempo. Se sua socialização com outros animais de estimação for precoce, eles terão um bom relacionamento com qualquer animal doméstico.

Se um cão shepsky tiver mais genética de pastor alemão, ele será mais focado, disciplinado e aprenderá rapidamente. Se ele carregar mais genes do husky siberiano, ele será menos obediente e mais indisciplinado.

Doenças comuns

Embora o shepsky seja um híbrido, ele tem uma vida saudável – ao contrário de outros cães de raça pura. No entanto, as possibilidades de herdar problemas de saúde comuns em pastores alemães e huskies siberianos não estão descartadas.

Alguns desses problemas de saúde são displasia de cotovelo e quadril, disfunções oculares — como catarata juvenil —, problemas digestivos, distúrbios do sangue e inchaço estomacal, entre outros. Sem dúvida, a displasia do quadril é uma das doenças mais preocupantes em cães de grande porte, como este.

Cuidados gerais com o shepsky

Como acontece com todos os cães, existem cuidados especiais que devem ser levados em consideração ao se ter um shepsky como animal de companhia. Dentre eles, destacamos os seguintes:

  • Por ser uma raça ativa e trabalhadora — como seus ancestrais — os shepskys exigem treinamento, brincadeiras e exercícios físicos constantes. Portanto, precisam de um espaço aberto onde possam se mover livremente e fortalecer seus ossos e sua resistência.
  • Seus tutores devem ter uma mentalidade mais forte do que eles. Todo tutor deve ser paciente e dominante, pois esses cães são inclinados à independência.
  • Os shepskys são excelentes para comer, devido à sua natureza ativa, mas alguns podem ser exigentes com a dieta, então ter petiscos e biscoitos para cães pode ajudar. O importante é conhecer o seu cão e descobrir de quais comidas ele gosta.
  • Graças ao fato de sua pelagem ser espessa –e bonita–, é normal que esses cães percam muito cabelo. Escová-los é uma atividade que deve ser feita pelo menos 2 vezes por semana. Suas orelhas tendem a acumular muita cera e seus olhos precisam ser verificados e limpos regularmente.
Um shepsky feliz.

O shepsky é um cão adorável fisicamente e em termos de personalidade. Por todos os motivos aqui citados, podemos garantir que ele será um companheiro ideal, desde que receba os devidos cuidados e tenha as condições necessárias para viver plenamente.

Pode interessar a você...
4 encantadoras raças de cães com rugas
Meus AnimaisLeia em Meus Animais
4 encantadoras raças de cães com rugas

Confira algumas das raças de cães com rugas mais famosas. Você conhece todas elas? Aqui vamos falar um pouco mais sobre algumas.