Cavalo appaloosa: origem e características

O cavalo appaloosa é facilmente reconhecível por sua pelagem pintada. Se você quiser saber mais sobre esse equídeo, aqui encontrará suas características mais representativas.
Cavalo appaloosa: origem e características

Última atualização: 12 Agosto, 2021

O cavalo appaloosa é uma das raças mais populares, e não apenas por sua aparência, embora sua pelagem pintada seja bem conhecida entre os curiosos do mundo equino. Além de sua tonalidade atípica, a grande resistência desse equídeo e seu caráter afável são grandes qualidades a serem consideradas.

Se você tiver interesse em conhecer outras características desse maravilhoso cavalo pintado, continue a leitura a seguir. Você também encontrará dicas básicas para seus cuidados e a sua saúde.

Origem do cavalo appaloosa

Pinturas rupestres de mais de 20 mil anos atrás já mostram figuras de cavalos pintados semelhantes ao appaloosa. Embora isso não signifique que seja uma raça tão antiga, dá algumas pistas de que esse padrão é encontrado na base genética dos cavalos.

Pensa-se que a origem mais recente dessa raça seja o cavalo espanhol, que chegou à América com a invasão do século XVI. Esses cavalos receberam esse nome quando a tribo Nez Perce, nativa americana, os nomeou em homenagem ao rio Palousse.

Posteriormente, essa mesma tribo realizou a seleção genética para transformar os equinos do meio ambiente em sua própria raça. Os cavalos foram usados para a caça e a guerra por mais de 200 anos, com tanto sucesso que em 1876 o governo americano ordenou que todos os cavalos appaloosa fossem aniquilados.

No entanto, uma pequena parte da população sobreviveu e conseguiu se recuperar. Atualmente, a raça é preservada através dos programas de criação do Appaloosa Horse Club.

 

Um cavalo appaloosa comendo do chão.

Características físicas

Para um cavalo ser oficialmente considerado da raça appaloosa, ele deve exibir uma série de características. Dentre elas, destacamos as seguintes:

  • Pele pintada: o pelo tem o aspecto de uma pele sardenta e não existem outras raças oficiais que possuam essa pelagem. As manchas estão localizadas na boca, ao redor dos olhos e na área genital.
  • Esclera: a esclera do appaloosa é branca e geralmente muito mais visível do que em outras raças, pois pode ser vista sem que o cavalo precise abrir bem os olhos.
  • Cascos listrados: muitos appaloosa possuem listras verticais claras e escuras bem definidas nos cascos.

Esses equídeos são cavalos de tamanho médio, com 140 a 165 centímetros de altura. Eles têm um corpo musculoso e uma garupa arredondada. As patas, apesar de finas, são fortes e resistentes, o que pode ser comprovado pela sua grande agilidade.

Caráter

Os appaloosa são cavalos ativos que gostam de se mover e gastar energia. Seu caráter é gentil, considerando a desconfiança natural das presas, e são animais fáceis de lidar. Como qualquer outro cavalo, essa raça é muito sensível ao humor dos outros e é facilmente estressada por estímulos negativos.

Esses equinos estabelecem laços fortes e estáveis com outros cavalos e até mesmo com humanos.

Cuidados com o cavalo appaloosa

Os cavalos appaloosa não apresentam condições vinculadas à sua raça, por isso requerem os mesmos cuidados básicos que qualquer outro cavalo:

  • Boa alimentação e água fresca: é fundamental que o animal tenha feno de boa qualidade sempre disponível e possa pastar nas terras onde vive. Por outro lado, também sempre ter água limpa e fresca à disposição.
  • Cuidados com as patas: embora sejam animais robustos, as lesões nas patas e nos cascos estão entre as mais incapacitantes que os cavalos podem sofrer. Para evitar o desgaste a longo prazo, avaliações diárias do casco são necessárias e o equídeo deve contar com terreno suficiente para se mover livremente.
  • Cuidados com os dentes: os dentes, assim como o resto do sistema digestivo, são a outra parte delicada dos cavalos. Todas as estruturas envolvidas na mastigação e na digestão também devem ser submetidas a avaliações regulares para evitar crescimento excessivo e outros problemas.
  • Escovação e banho regulares para manter o pelo saudável e com brilho.

Saúde do cavalo appaloosa

Como mencionado acima, os cavalos appaloosa são animais com uma genética favorável à sua robustez e saúde. Eles raramente ficam doentes, exceto quando vivem em condições precárias por longos períodos de tempo.

É por isso que não se deve baixar a guarda em relação aos cuidados veterinários e às consultas, pois esses equídeos não são imunes a doenças virais e bacterianas. Amostras de fezes, urina e sangue do animal analisado também devem ser coletadas em cada avaliação, para descartar parasitas e outras doenças que não podem ser identificadas em um exame físico.

Para evitar infecções, a higiene do dormitório e do terreno do cavalo deve ser rigorosa e frequente. Se o substrato e a cama forem inadequados, podem causar problemas de pisada, infestações e sépsis.

 

Um casal de cavalos appaloosa.

Os cavalos são seres maravilhosos, empáticos e bonitos. Se você tiver a sorte de compartilhar sua vida com um deles, appaloosa ou não, descobrirá que até mesmo suas fraquezas trazem à tona o que há de melhor em você. Não deixe de aproveitar essa experiência.

Pode interessar a você...
O que é a laminite em cavalos?
Meus Animais
Leia em Meus Animais
O que é a laminite em cavalos?

A laminite em cavalos é a inflamação das partes moles do casco, com aspecto laminar. Descubra tudo sobre esse problema que afeta os equídeos.