Cavalo Friesian, ou frísio

· agosto 16, 2018

O cavalo Friesian, também conhecido como cavalo frísio, é uma espécie equina nativa da Holanda. Seu nome se refere à região de onde provém: a Frísia. Conhecido como o cavalo de guerra dos alemães, é muito apreciado em países como Holanda e Bélgica.

O cavalo Friesian se destaca por seu temperamento dócil. Por isso, é usado em escolas equestres para aprendizado. Atualmente, esta espécie pode ser vista em exposições equestres e competições de adestramento.

Origem do cavalo Friesian

A história do cavalo Friesian é complexa, já que suas origens remontam a milhares de anos. Foi usado em muitas atividades e, no início, em torno de 150 d.C., eram usados como animais de caça, embora o primeiro registro gráfico date de 1568, capturado em um retrato de Don Juan da Áustria montado em um animal desta espécie.

Durante o século 17, o Friesian foi usado em escolas equestres junto com outros cavalos de raça pura espanhóis. Suspeita-se que tenha existido um cruzamento entre essas raças, embora também se acredite que se misturava com cavalos árabes durante a Guerra de Flandres.

Após a Revolução Francesa, com o fim das terras feudais, o Friesian retorna aos Países Baixos como um cavalo de corridas.

Ao longo do século 19, foi usado como uma raça de tração de carruagens, especialmente das famílias ricas.

O destino do Friesian mudou de curso quando, no início do século 20, passou a ser usado para o trabalho de campo e, às vezes, também era visto em circos.

Com o objetivo de proteger a raça, em 1879, o Livro de Registro da Raça de Cavalos Friesian foi assinado, o que se tornaria o primeiro livro de registros de equinos na Holanda.

Características do cavalo Friesian

Deve-se notar que entre as características mais destacadas do Friesian estão as seguintes:

Cavalo frísio

  • Mede entre 1,65 m e 1,75 m e pode atingir um peso de até uma tonelada, geralmente variando entre 600 e 900 kg.
  • É uma espécie de tipo musculoso, com as costas largas ligeiramente inclinadas e pescoço também largo, mas ereto.
  • É negro ou castanho bem escuro. Manchas ou outros tons não são aceitos para serem considerados como Friesians.
  • A cabeça do cavalo Friesian tem uma boa proporção em relação ao corpo. Geralmente é alongada e seus olhos são profundos, enquanto suas orelhas pontudas são ligeiramente direcionadas para o interior.
  • Ele possui pelagem abundante, já que é originário de regiões frias.
  • O rabo, ​​a crina e as pernas têm longas franjas de pelo.
  • É uma espécie forte e robusta, porque os membros têm uma proporção e resistência corretas.
  • Em relação às suas qualidades dinâmicas, o cavalo Friesian é muito ágil: ele aprende facilmente passos de dança, por isso impressiona em exposições.
  • Sua passada é elegante e harmoniosa, com boa elevação ao caminhar e, como seus cascos são grandes, denota poder.

Cuidados com o cavalo frísio

As partes que requerem mais cuidados em um Friesian são as orelhas e a pele. No primeiro caso, é importante manter seus ouvidos limpos para evitar obstruções auditivas, mas você não deve ir muito fundo na limpeza do orifício, então limpe com toalhas ao redor da orelha.

Para que o cavalo Friesian mantenha sua pelagem brilhante, ele deve ser bem alimentado e escovado bastante. O uso frequente de shampoo não é recomendado, porque afeta a cor natural das espécies e, ao escovar, você deve tentar remover o excesso de pelos.

Finalmente, é necessário manter seus dentes em boas condições e, assim, evitar problemas de mastigação dos alimentos, distúrbios digestivos, dores e cólicas.

Fonte das imagens: Larissa Allen e Andizo.